NÃO DEIXE BAIXINHA COM RAIVA. ELA VINGA.

Um conto erótico de Marmanjo64
Categoria: Heterossexual
Data: 27/08/2008 00:19:08
Assuntos: Heterossexual

NÃO DEIXE BAIXINHA COM RAIVA. ELA VINGA.

Todos meus amigos sabem, sou doido por mulher baixinha, não escondo isto de ninguem.

O vizinho da frente mudou para outra cidade, um vizinho novo chegou no dia seguinte, durante a segunda noite deles na casa nova, já deu um pau de briga feio, entre o pai e filha, uma garota de desseis anos que apanhou muito, a rua toda ouviu e ficou sabendo que eles mudaram porque o pai pegou a filha dando pra seu namorado.

Passou uma semana e eu não tinha olhado a garota, certo dia éra noitinha ela saiu até o portão da rua, deu uma olhadinha e voltou rápido pra dentro, foi tempo suficiente para mim, observei a baixinha mais linda que até hoje eu conhesci.

O novo vizinho seu geraldo éra táxista, sua esposa dona Célia éra advogada e logo arranjou serviço em um escritório no centro da cidade, tentei aproximar do casal de vizinho, domingo de manha fiz um churrasco e convidei eles para marcar presença, só compareceram o marido e mulher a baixinha não deu as caras.

Certo dia de manha ouvi seu pai no celular dizendo que iria levar um empresário para o estado vizinho e que só voltaria quatro dias depois, no próscimo dia de manha dona Célia saiu cedo para seu serviço, eu fiquei de olho na porta da casa deles e nada de ver a baixinha, foi que lembrei que seu Geraldo tinha me passado o telefone caso eu precissace de seus serviços, liguei na mesma hora ouvi uma voz rouca no outro lado, a baixinha acordou com toque do aparelho.

Perguntei pelo seu pai, disse que tinha viajado, fui meio direto e disse que tinha lhe visto no portão aquela noite e queria falar com ela, depois de meia hora eu estava dentro da casa dela com a minha boca colada na dela num beijo gostoso e alucinante.

Senti aquela garota tesuda, toda exitada nos braços, feito uma putinha gemendo muito, deslizava as mãos pelo seu corpo e apertava seu bumbum, tirei sua camisola, seus seios ficaram bem na frente de minha boca, passei a lingua bem de leve em seus mamilos, dava umas chupadinhas naqueles biquinhos rosados e de vez enquando colocava eles na boca, ela queria era beijar, não ficava muito tempo sem meter a lingua dentro da minha boca, desci a mão direita pelo seu corpo, peguei e abaixai sua calçinha e passei meus dedos de baixo pra cima dentro de sua raxinha, ficaram molhados, ela já estava pingando de tesão, fui baixando a boca passando a lingua por sua barriga, quando senti os pelos de sua xaninda na boca fui direto no seu clitoris, chupei aquele clitoris durinho, enfiei a lingua bem dentro de sua raxinha e suguei aquela xana, senti seu burraquinho na ponta da lingua e forçei para dentro, ela se ergueu para cima, urrou de tesão e disse.

>Esta gostoso, que maravilha, faça mais vezes, vaaaaaiiiiiiiiiiiiiiiii.

Endureci a lingua e forçei, mas senti que não entrava, só sentia a pontinha bem colocada na portinha de sua xana. minhas mãos subiam tocando sua péle arrepiadinha de tesão, pegava os seios delas e apertava de leve, com os dedos torcia as pontinhas e ela delirava de prazer, deitei ela no sofa, abri bem suas pernas, coloquei uma delas por cima de meu ombro, olhei aquela xaninha rosadinha, com os grandes lábios vermelhinhos, tinha bem poucos pelos em redor, meu pau colou na barriga de duro e pulsava parecia que iria esplodir, chupei ela com vontade, coloquei todinha na boca e dei uma mordidinha com pouca força, tremi a lingua no seu clitoris, ela gemia muito, passei a lingua forçando ele para os lados e sentia aquela gatinha delirar de exitação, com os lábios eu apertava ele e chupava pra cima, ela fiacava exitadisima, sua respiração estava ofegante, seu corpo tremia, sua xana ficou ensopada, ela esticava as pernas para o alto, gemia feito uma gata, gritava baixinho segurando para que ninguem ouvisse, gozou gostoso na minha boca, suguei aquele melzinho todo, deixei toda enchutinha e limpinha a xana dela, quando deitei em cima dela ela ficou nervosa e .

>Eu nunca tranzei sou virgem.

>Você esta brincando comigo gata.

>Não tou não eu nunca fiquei com niinguem.

>Mas estes dias seu pai te bateu e nos soubemos que vocês mudaram para este bairro porque ele te pegou dando pra um cara.

>È por isto que eu estou aqui contigo, eu não fiz nada com meu namorado, foi o pai que deduzio só porque viu eu chupando o pau dele, jurei que o primeiro homem que me cantasse eu daria pra ele.

>Então, deixe eu penetrar na sua xaninha, vou colocar bem devagar, não vou machucar você.

>Tenho medo, seu pau é grande demais.

Enquanto ela falava sentia ela empurar sua xaninha contra a cabeça do meu pau, coloquei a camisinha e fui forçando bem devagar, quando senti que passou a cabeça da portinha eu parei, ela ficou calada por um instante e começou gostar, foi se movimentando, o pau deslizando para dentro, entrando bem de leve, sentia que ia fazendo uma cinta nele, começei dar umas chupadinhas nos seus mamilos, pegava as pontinhas de seus seios com os lábios puxava para cima e soltava, seus olhos fechados sentindo o primeiro pau dentro de sua bucetinha, ela curtia cada centimetro que entrava, pediu.

>Beija minha boca.

Chupei sua boca molhada com força, ela estava com uma tesão furiosa, iniciou um movimento nos quadris, sua xaninha foi laceando, senti que ela já estava gostando de sentir o pau atolado nela, tirei a metade dele e empurei de novo, ela delirou, urrou de prazer, descontrolada pela exitação que sentia.

>Aaaaaaaaaaaaaaaiiii que gostooooso faz e novo fazzzz.

Tirava e botava, fui aumentando aos poucos, senti sua xaninha se contrair e apertar meu pau, curti aquela sensação gostosa de sentir o pau todo da cabeça ao tronco sendo sugado, massageado pelas contrações de uma vagina virem gozando, sua xaninha ficou lizinha de molhada, ela entrou em transe éra seu primeiro orgasmo multiplo..

>Me coma, fode minha buceta , eu nunca senti esta sensação gostosa, você esta me deixando louca, to adorando, coloca tudo dentro dela com força, vaaaaiii.

Sentindo uma tesão forte, meu pau pulsava, não pude esperar mais enchi a camisinha de porra, ela sentiu meu momento, me beijou, passou suas mãos delicadas no meu corpo, pegou os meus cabelos e puxou, fez carinho no meu rosto, colamos os lábios num beijo demorado, molhado, gostoso, até hoje ainda é inequessivel.

Depois fodi ela de quatro, ela ainda pediu pra mim arrancar o cabaço de seu cuzinho mas não aguentou a dor. no outro dia sim, isto na outra vez eu digo.

Ainda continuo tarado por baixinha.

Olha o comentário.

Obrigado.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Marmanjo64 a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
27/08/2008 00:36:27
Idiota, nada mais, nada menos. Zerão.


conto de incesto meu filho com o pinto machucadonovinha cor de briga briga de lutinha de calcinhaxsvideo de porno itiada fudeno com padrastocontos eróticos com padreO doce nas suas veias (Capitulo 17) Autor Vamp19vídeo pornô com boneca de silicone de 80 kilos pela XVídeo pornôaa cabasso fodedoraBuçetamorenaautor do conto erotico cunhada amamentandoempurrando opau bem devagar na bucetinha virgentirando a virgindade do c* da novinha de fidelidade arrumadinhocontos de sexo com meu pai metiii vaii issoHistorias erosticas viadinho dano o rabo para o pedreiro da obra .. E chorabucetas inchcadas na calcinhaslesbica estuprada pelos cachorros do vizinho conto eroticomenina Com shot bem Curto Moh gostoAcueca melada de porramijador mijo 2017 tesãoSobrinha provocou o tio de sainhas ,rabuda e axabou apanhandocontos eroticos homens que vestem de mulherJackson goiaba XVídeos gayContos eroticosminja vizinha velhalucila safadaxvideospornôabaixarabaixarpornômolekes.pelados.com.a.rola.melada.de.espermacontos eiroticos leilapornmeu patrao me enraba todo dia contoscontos eiroticos leilaporncomtos eroticos de casal de bh coroa muito gostosa c corno no bailher de carnaval ano 2018 c negaopornodoidomulher trainisinto desejo em dar o cu pro meu filho confessocontos eroticos aluguelporno doiduContos eróticos procurando aventura no clube de campoestorei a travesti safada contopornor doido homem batendo poleta no banheiromeninas novinhas de mini saia e fio dentallindascontos eiroticos leilapornx video mobili com mulher gostoza colocando chifre no marido com o amanteVelho grisalho que gosta de comer um cuzinho em campos dos goitacazes porno.aspanteras.irnas.de.causinhas.socadasContos eroticos fui fazer intercabio O jenro na ponheta na tencao de sogra e chama de gostosa xnxx.comxvideos amiga derramou molho nela mesma/texto/201012436xvideos careca dos braços peludos pirocudo trepando na coroa loira tesudaXvideobibacontos porno gratis estupro sadomasoquismo submissãocontos deu o cu para o cachorraconto erotico minha filha me mandou eu tirar toda roupa para fazer massagemContos eroticos esposa madura junto com casal novinho dando caronacontos eroticos malv comendo as interesseiracontos eiroticos leilapornpenetrano bem fundo na buceta da sogra na cama..titio comendo novinha inocente e ela dizendo devagar ta machucando minha bucetinhaconto gay guilherme e felipelesbica estuprada pelos cachorros do vizinho conto eroticorelato esposa cincoentona timida primeiro amanteimagens de amiga gostosa so de sutian e causinha no quarto nxnnquero ver mulher caindo empinando na chupando o pau do homem tortoAnnabelle o c****** aqui ó aqui não aqui ó p******* do c****** v************** seu viadocontos eroticos casal novinho e o velhinho bem dotadomeninascheia de tesao brincando com o cabacinhoxvideo sinhazinha vai na sezala da cu para o escravoconto porno submissa humilhaçaoshortinhos de jogadoras lycra lycra gigante gostosogosadas gg porra pt grelao arrombadasVer homem trazando com porca Youtube Contos eroticos fui estrupado por travestisa madrasta me fez menina contos feminização.minha sogra so espera meu sogro sair pra fuder comigo xvideominha namorada quer chupar outroxxx negao erebenta as novinhaxvidio mae e filho nupono dano o raboRelato erotico casa de swingxivideos tubinadacontos eróticos uma menina órfã estrupada por ladrao xvideoconto eroticos sou big dotado cumie minha cunhadinhaclimax contos titia carenteenfiando a cabecuda por baixo do vestidoconto erotico a patroa parte ll lesbicaconto erótico gaay sonbra de gaelmulher fode a amiga a força amarra ela na cama sem elaquere porno doudocontos erotico,meu genro me enrrabou dormindoabaixar filme pornô a mulher deitada no buraco da parede pé na barriga e quatro homens transando com elacontos eiroticos leilapornxvídeos brinquei de lutinha com a minha mãe bêbadaxxvideos às Panteras de 18 anos pidinos pra botar no cu