Aprendendo a amar - parte III

Um conto erótico de Alessa
Categoria: Homossexual
Data: 25/04/2013 11:48:18
Nota 9.67

Resolvi ligar, era melhor ver como as coisas estavam antes de decidir algo. Depois do terceiro toque ela atendeu:

– Hm... Oi... Bom dia...

– Bom dia Lu, dormiu aí me esperando?

– É, dormi...

– Sabia que sua voz de sono é linda?

– Eu não acho, fico rouca quando acordo...

– Todo mundo fica, mas a sua voz de sono é a mais linda.

– Aham, que horas eu passo aí pra pegar minha mochila?

Caramba, ela realmente não estava muito amigável.

– Hm, eu estava pensando em passar aí e estudar com você, tenho dificuldade com cálculos e você tem uma habilidade incrível com esses números chatos. Tudo bem pra você?

– Minha mãe me ajudava com cálculos. Acho que pode te ajudar também, passa aqui lá pelas 14h que ela já deve estar desocupada.

– Eu queria estudar com você amor... – não sou de usar apelidos fofos, então provavelmente ela notou esse.

– Tá bom, quer almoçar aqui?

– Ah, sim, seria muito bom.

– Tá, aparece umas 12h então. E... Desculpa por ontem tá?

– Eu que peço desculpas amor, beijo, tchau.

Depois do banho o relógio já marcava 11h, fiquei trocando de roupa várias e várias vezes tentando achar uma adequada. “Será que a Luna ia preferir aquele short jeans ou o vestido soltinho? E o Gabriel? Será que ele ia estar lá? Que droga, tenho que parar de pensar nesse garoto!”. No fim das contas acabei saindo com a primeira roupa que escolhi, só uma regata branca, com camisa xadrez por cima e um short jeans. Peguei a mochila da Luna e passei pela sala dando bom dia pra minha mãe e avisando aonde ia.

Quando cheguei à casa da Luna ela me recebeu com aquele sorriso encantador. Apresentou-me a uma de suas mães, Tatiana, a neurocirurgiã. No momento ela dava plantões mais por realmente amar a profissão, pois já tinha sua própria rede de hospitais, mas era uma pessoa muito simpática e humilde. Ela mesma tinha preparado o almoço, que por sinal era uma das melhores coisas que já comi, a mulher tinha um dom pra culinária. Já o Gabriel não apareceu e resolvi não perguntar por ele. Depois subimos pro quarto da Luna, me joguei na cama dela e disse:

– Amor, tô com preguiça.

– Eu também bebê.

Senti-a deitar na cama ao meu lado e depois me fazer carinho na nuca, meu corpo todo arrepiou com aquele toque suave. Ficamos nos olhando por um tempo, meu rosto estava tão perto do dela que eu podia sentir sua respiração. A vontade de ter aquela garota ali mesmo, naquele momento estava me dominando, beijei-a com intensidade enquanto puxava sua camisa.

Deitei por cima dela passando os lábios em seu pescoço dando vários chupões. Ela deslizava a mão pelo meu corpo, hora suavemente e hora arranhando com força. Aquilo só me excitava mais e me instigava a continuar. Arranquei a camisa dela com um movimento único, seu sutiã acabou em algum canto no chão pouco tempo depois e em poucos minutos Luna estava ali diante de mim completamente nua.

O corpo dela era lindo, os seios bem firmes e redondos, a barriga lisinha e as coxas torneadas. Ela era sem dúvida a mulher mais linda que eu já havia visto, tinha sorte de tê-la pra mim. Quando comecei a descer os beijos por toda a extensão de seu corpo ela levantou. Levantei também e voltei a beijá-la, então ela se afastou.

– O que foi amor? – a olhei assustada.

– Nada, é que... – ela olhou pra baixo e então eu notei o quanto estava vermelha, sorri e a puxei pros meus braços.

– Espera, me deixa ver se entendi, é sua primeira vez? – ela apenas assentiu com a cabeça – Então relaxa meu amor, você confia em mim né?

Ela concordou novamente e eu a levei de volta pra cama, tirei minha roupa e fui fazendo tudo bem devagar, aproveitando cada pedacinho daquele corpo maravilhoso. Chupei seus seios demoradamente enquanto minha mão deslizava até seu sexo, a ponta dos meus dedos acariciava seu clitóris e pude sentir o corpo dela estremecer sobre o meu. Ela começou a gemer e sua respiração ficou ofegante enquanto eu descia lentamente beijando sua barriga e passando a língua. Passei direto a suas coxas, mordendo a parte interna delas.

Luna me olhava como quem implora, mordia o lábio de excitação. Então não resisti, comecei a chupá-la enquanto meus dedos a penetravam. Vi-a apertando o lençol da cama, seus gemidos se tornaram mais altos, isso foi me deixando louca, eu movimentava meus dedos dentro dela cada vez mais rápido e a chupava intensamente. Comecei a massagear seus seios e sugar seu clitóris, rapidamente seu gozo veio, escorreu pelos meus dedos, chupei cada gota deliciosa que saía dela ainda querendo mais.

Em poucos minutos ela quis retribuir tudo o que eu lhe havia proporcionado. Arrancou minhas roupas e mordeu todo meu pescoço. Fiquei toda arrepiada e ela adorou isso. Notei que ela tentava reproduzir a maioria das coisas que fiz, entretanto não se fez de rogada, começou a chupar meu sexo com maestria, me fez gozar rápido me deixando exausta.

Ficamos horas na cama, acordei em seus braços, mas ela ainda dormia. Olhei as horas no celular, eu precisava mesmo ir pra casa, mas não queria acordá-la, muito menos sair sem dizer nada. Beijei seu rosto e arranhei de leve seu corpo na esperança de vê-la acordar, ela abriu os olhos lentamente e me deu aquele sorriso perfeito.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive demonbaby a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
25/04/2013 19:26:29
Parabens, />

Online porn video at mobile phone


FAMILIA SACANA-DANDO LEEITINHO PRA FILHINHAo homem comendo a b***** de uma égua bem devagarinho ela peidando e gemendo e chorandodando banho na filha cmto eroticocontos eróticos de gabriele dei minha Buceta pro meu irmão.x vidio pinto arregassano bucetaMeus amigos me foderam bebada contosbrutamontes caio parte 14 pornoxxxxxvido emfiando a mao no cuContos eroticos gays dilaurentis casa dos contoscontos eroticos minha esposa ficou excitada quando viu o negao pauzudoconto erotico funk peladaqueiro ver video de porno fodendo as intiadashomem peludo com o penis levantado elatejando de tesaoporno gey contos eroticos ferias c coleguinhapornoproibidodoidaoeu e minha irmã e minha mãe moramos sozinhos eu tenho 22 anos de idade minha irmã linda e gostosa ela tem 18 anos de idade eu tirei a virgindade da buceta e a virgindade do cu dela eu tava a noite fundendo minha irmã no meu quarto minha mãe ela entrou dentro do quarto ela me viu eu fundendo minha irmã minha mãe ela tirou sua roupa minha mãe disse pra mim pra eu fuder elas duas juntas conto eróticome curraram no baile funkvideo novinha diz tio deixa eu chupar teu pirulito cabeçudoContos pornos-fodi a mendigaPutaria brasileira puta da a a fortãovidio porno morena da bucetinha linfaxxvideo n paguei tive dar cu eterogaychupando buseta labefo pasda mso bocscomtos eroticos ninfeta e o velhoconto erotico gay com padrasto velho coroa grisalhonovinhas so gost de negraopornonaseno.cabesa.bucetamae. gosa pau fillho sentadasem calcinha contoscasa dos contos gay acampamento com Rafael e pai perto da Cachoeiraxxvideosnovinha aprendendo achuparconto erotico encostou a lingua na linguinha da minha bucetacontos de sexo depilando a sograconto erótico corno biestourada pelo amigo pintudo do meu marido ser ele saber contos eroticosdesamarrando o biquibi e depois comeu a buceta deoilada xvideoscontos erotico,meu genro me enrrabou dormindoxvideos mikinhas meninhas novasConto erotico comadre curiosacasa dos contos- categoria gay- autor tiagoX vedio amador vizita tia chupando peniscasadoscontos tio gilson seminarista Okara comedo viadoeu moro sozinho com meu filho eu e ele na minha cama meu filho não casava de fuder .minha buceta eu disse pra ele fode meu cu conto eróticominha vizinha me flagrou batendo punheta cheirando os sapato dela podolatria contos eroticosgta faz sexed putaria sessaowww.pornodoido meninas no beijo na boucacontos erotico insperto escolawattpad enteado gay adora chupar a rola do padrasto bonitoconto erótico transei no tratorlouras peludas taradas fudedoras malucas chamando palavraoContos gays pegado a forca por grupinhos na infanciacontos eroticos encurraladocontos eroticos de cheirando minhas calcinhas encanador do pau cabecudo comendo o cu da dona de casagarotas punhetando incesto onlinebabei n xerereca d minha netinha contos eroticoscornossubmissocontoContos eroticosFilha novinha seduzindo pai Pornoporno novihna bano no baile funkNiely mostrando a b***** raspadinhamenina bem magrinha de oculos com seu papai no pornopapai da pica grossa tirou meu cabacinho e eu gozei gostosoDuda senta na cabeça do pau do filho e dá uma reboladinhaesposa com sinco estranho porno gravado en casavídeo de 2 minutos novinhas gostosas galeguinha f****** gostoso e caminho de casaprica cavalamenina+bem+novinha+nua+dadi+seu+cu+vigi+para+padtastoNegros andarilhos pornô com novinhas mau encostei a penis no cuzin dela ela ja se gozou todatodos tipos de contos erotico com velho carroceiro menino pelado conto gaynegonas de fio dental esperando o comedorcontos eiroticos leilapornprovoquei meu irmao so de calcinha e ele me arrombou todinhamúsica filme pornô 2018 também é gostosa negona acelerei muito do negãoconto erotico pegador popular da escola heterocuzinho+delicioso contosxvideo emprevistosvideo porno come a filia com chorts curto ela estava dormindo ele nem tirou o chorts ele so aredou pro ladoescrava dando cu na srnzalacontos eriticos gay fomos estuprado no banheiro da escolasexo mulher e homem laranhando(sexo)novnha ganhando varada no niversario de 18 anos jorrando porracuzinho da sogra com mrrda contoJaponesinha dandu u cusinhu pru negam bem dotadu 4às gostosanó sexoquentevideo cazeiro cazada com a calcinha de ladoContos eróticos de sogro e nóra safadamulher pega marido dando pra entiado video caseirogeyxvideos novinhos gemende na bucetacontos eiroticos leilapornconto erotico meu irmão e meu tio me arrombaramcontos eiroticos leilaporncontos macho alpha casa dos contodgrete do agrete dando a buceta e so1rtando orgasporno em família entiado e madrasta em viagemêsposa pedindo pro marido fuder seu cu