Uma viagem de sonhos

Um conto erótico de Cláudia
Categoria: Grupal
Data: 19/02/2005 18:45:47
Assuntos: Grupal

Tenho 25 anos, 1,68 m. de altura, sou loira, cabelos compridos, olhos verdes, seios médios e firmes. Minha cintura é fina, o bumbum grande e as pernas grossas. Estou casada há um ano com Fábio um gato lindo de 28 anos, a quem amo muito. O que passo a relatar ocorreu há algumas semanas.

Aproveitando o final de semana prolongado, resolvemos participar de uma excursão de ônibus por algumas cidadezinhas do interior de Goiás e de Minas Gerais. Embarcamos por volta das 20 horas de uma quinta-feira. Após algumas horas de viagem, resolvemos realizar uma antiga fantasia: fazer amor no ônibus. Olhamos para o lado, para ter certeza de que todos dormiam, estendemos um lençol sobre nós e partimos para carícias mais ousadas.

Fábio abaixou a alça do vestidinho que eu usava, passando a beijar e sugar meus seios. Sua mão subiu por entre minhas pernas, puxou a calcinha para baixo. Eu gemia baixinho, doida de tesão. Abri o zíper da calça dele, tirei aquele pau gostoso e que tanto amo para fora. Deitada de lado na poltrona, curvei-me sobre sua barriga e passei a chupá-lo com vontade, levando meu marido à loucura. De repente, senti sua mão sobre meu sexo, acariciando o clitóris. Com a outra mão, alisou minha bunda, até enfiar um dedo no meu cuzinho, lugar que até então nunca havia tocado. Com um dedo no meu anelzinho e outro na xoxota, masturbou-me simultaneamente, na frente e atrás, levando-me ao clímax. Tive um gozo intenso, ao mesmo tempo em que ele despejava seu líquido quente em minha boca. Mamei até a última gota. Depois beijei-o e disse-lhe que sua mão mágica havia me levado aos céus.

Ele, bem sério, respondeu que nem havia encostado em mim! Na hora, gelei. Olhamos para o banco de trás, que estava com a luz acesa. Um rapaz alto, loiro, masturbava-se. Tinha entre as mãos um caralho gigantesco. De vez em quando, trocava as mãos e lambia e cheirava a outra. Olhou-nos e pediu desculpas por ter participado da nossa intimidade sem ser convidado. Perguntou-me se eu havia gostado. Sem graça, balancei positivamente a cabeça. Ficou de pé e colocou aquele pau descomunal entre a abertura das poltronas e perguntou se eu não queria retribuir. Olhei para Fábio, que estava estático, sem reação.

Num gesto que até hoje não sei explicar, segurei a sua tora com as duas mãos e passei a lamber aquele monumento que me hipnotizava. A imensa cabeça vermelha enchia minha boca. Parecia estar chupando o pau de um cavalo. Sentia meu sexo contrair-se todo de tesão. A pica maravilhosa pulsou entre meus lábios e jogou jatos fortes e quentes de uma porra deliciosa em minha boca. A força do esperma parecia que ia arrebentar minha garganta. Aos poucos, fui sentindo o gigante murchar entre meus lábios. O rapaz, então, sentou-se, fechou o zíper da bermuda e virou-se de lado, sem dizer nada. Fábio, que se masturbava, assistindo a tudo, espirrou seu leite sobre meu corpo. Sem também dizer nada, nos recompomos e fomos dormir.

No dia seguinte, chegamos à primeira cidade do roteiro. Ao pararmos para tomar um café da manhã, o rapaz veio à nossa mesa. Sentou-se e se apresentou como Marco Antonio Começamos a conversar banalidades, já que ninguém tinha coragem de comentar sobre a noite anterior. Passamos o dia passeando pela cidade. À noite, após todos terem tomado banho e jantado, seguimos viagem.

Lá pelas tantas, Fábio deitou-se sobre meu colo e começou a chupar o meu clitóris, enquanto enfiava dois dedos em minha boceta, quando senti novamente aquela mão grande tocando-me. Só que, desta vez, em meus seios. Apertava-os e acariciava, beliscando vez por outra os biquinhos duros. Eu gemia baixinho, contorcendo-me toda. Ao abrir os olhos e olhar ao lado, vi que Marco Antonio estava sentado na poltrona de Fábio O rapaz estava nu. Passei os olhos ao redor, para certificar-me de que não havia mais ninguém acordado além de nós. Mais tranquila, abaixei-me e abocanhei aquele mastro maravilhoso. Marco Antonio pediu, então, que eu sentasse em seu colo. Olhei para Fábio agachado à minha frente, que balançou a cabeça consentindo. Levantei-me e posicionei a cabeçorra na entrada da minha xoxotinha. Deixei o corpo descer sobre a pica. Sentia uma leve dor, parecia que estava sendo desvirginada novamente. Mal minha xaninha engoliu a imensa cabeça, tive que parar para tomar fôlego. Fábio, então, veio ao meu socorro, abrindo com as mãos minha boceta, enquanto me empurrava para baixo. Meu sexo estava pegando fogo. Parecia que estava sendo rasgada, enquanto minha bocetinha descia sobre aquela enorme pica aos poucos.

Finalmente, consegui sentar-me no colo de Marco Antonio Sentia-me completamente preenchida e tive meu primeiro orgasmo. Devagarinho comecei a cavalgá-lo. Suas mãos massageavam minha bundinha. Olhei para Fábio, que já estava sentado ao nosso lado. Meu marido pegou-me pela cintura e me fez cavalgar Marco Antonio cada vez mais rapidamente, socando-me com força no colo do rapaz. Levantava o meu corpo até a ponta da lança e depois empurrava-me para baixo, arrebentando minha apertada xotinha contra aquele mastro vigoroso. Eu gemia e gozava alucinadamente, dizendo a Marco Antonio que iria arrancar sua pica com minha xana. Fábio parou de ajudar-me e disse que queria o mesmo tratamento que eu estava dando para o rapaz. Atendi-o prontamente. Saí de cima de Marco Antonio e sentei-me sobre meu marido. Engoli com facilidade seu cacete, que praticamente nadava dentro da minha xoxota, já que ela fora arrombada por Marco Antonio Cavalguei-o até que atingisse o clímax. Então, deitei-me sobre seu peito e fiquei virada de bunda para Marco Antonio, ele não perdeu tempo. Enfiou sua língua quente e áspera no meu cuzinho. Delirei de prazer. Então, Marco Antonio pediu que eu lambesse seu pau e o deixasse cheio de saliva. Em seguida, colocou-me na posição anterior e posicionou a tora na entrada do meu rabinho. Pedi que não fizesse aquilo, pois era virgem no cu e não aguentaria sua pica. Ele me acalmou dizendo que sabia o que estava fazendo. Massageava minha bundinha com o caralhão e, abrindo ao máximo meu anelzinho, ia empurrando devagarzinho aquele cacete lindo para dentro. Fui sentindo meu cuzinho ceder aos poucos, com aquela cabeça gigantesca arrebentando minhas preguinhas.

A dor era grande, mas o tesão era maior ainda. Tomei coragem e comecei a fazer um movimento de vaivém com a bunda. Em pouco tempo, a dor foi sumindo e ficando só o prazer. O cacetão de Marco Antonio alojou-se todinho em meu cu. Era a sensação mais maravilhosa que já havia sentido. Mordia Fábio para abafar meus gritos. Fábio posicionou-se por baixo de mim e penetrou-me na boceta. Eu gemia, chorava e sussurrava, pedindo a eles que me fodessem com força. Minha xotinha e meu cuzinho contraíam-se sobre os cacetes. Tivemos um orgasmo juntos, nunca antes imaginado. Não sei ao certo o que aconteceu, foi como se eu tivesse saído do meu corpo. Senti como se um raio me percorresse toda e logo em seguida mijei pondo para fora um rio de esperma.

Após voltarmos para o mundo, nos recompomos e dormimos. No café da manhã seguinte, Marco Antonio disse que iria ficar naquela cidade. Nos despedimos e nunca mais o vimos. Nem tentamos encontrá-lo de novo. Ele despertou nossa sexualidade ao máximo e não queremos mais ninguém ao nosso lado para não nos atrapalhar. Depois dessa aventura passei a amar meu maridão ainda, mais. Da viagem, ficou só um vício: sinto um tesão enorme no cuzinho. Por isso, todas as manhãs, ao acordar eu não sossego enquanto o meu gato não me enraba gostoso.

Cláudia - Brasília, DF


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
30/07/2009 12:39:29
vc tem foto de vcs me manda pode me add no msn tabem e o mesmo
26/02/2009 17:58:52
Fala sério,que sono profundo tem seu marido, se eu estivesse lá , seria mais um na brincadeira, faz me rir ...
26/02/2009 17:57:14
Fala sério, acho que o marido caridoso cheirou cola e comeu a latinha, como pode não perceber nada. Abre o olho Zé.
22/01/2009 09:17:46
Uma vez fui pra a praia com minha namorada, ela fazendo uma chupeta acordou a metade do onibus e vc com dois homens metendo em vc não acordou ninguém!!!????bela imaginação
27/12/2008 14:22:22
Sua experencia foi muito boa. Sou moreno claro, olhos mel, 1,79m, 77kg. gostaria de conhecer mulher afim de algo diferente. Adro sexo.
23/12/2008 01:27:47
muito bom conto , cada puta
17/12/2008 14:51:34
Concordo com o thor. Ninguem ter acordado foi foda. Mesmo porque qualquer um que percebesse ia querer participar tb. MAs a historia é muito boa sim, so de imaginar a situaçao dá um tesao da porra!
10/12/2008 19:37:11
VOCÊ É UMA BISCATE E SEU NAMORADO É UM CHIFRUDO DOS PIORES!!!!!!!!
21/10/2008 10:56:41
Ela Deu muito e eu chupei e gozei Na sexta e eu 40 anos,magrinho e bonitinho e minha mulher, loira 35 anos, gostosura e muito safadinha, fomos para Blumenau na oktberfest . Na ida passamos por Curitiba, ond e um rapaz da Net nos esperou ja num motel combinado, na entrada da estrada, liguei e confirmei sua presença, quando chegamos no motel o safado ja estava de pau duro. Ela foi direto no pau do cara, moreno, e pintudo, uns 20 cm. nisso fui tomar um banho, quando voltei ela estava sentada no pau do cara, e dise: '' Vem corninho, bem ver sua safadinha dando'' . Cheguei perto e passei a mao para sentir o chifre entrando na '' minha'' buceta arrombadinha. Depois que ela deu gostoso, almoçamos com o rapaz seguimos viagem para Blumenau, mas em joinville tinha um casal da Net tambem que nós haviamos combinado e eu liguei e marcamos um jantar no um bom restaurante de joinvile. Durante o jantar percebi a loira linda de labios carnudos que o nosso amigo exbia, ela gostosona tambem igual a minha, acabamos e fomos para a casa deles, Chegando lá , meti gostoso na loira enquando minha mulher dava para o cara, que nao era pintudo nao. A loira chupava muito meu pai, e acabei gozando na boca dela. depois que acabei de gozar minha mulher veio dar a lambida final e nisso o cara meteu no cuzinho da minha mulher que adorou o pau pequeno e muito safada disse: '' Ta vendo como é bom ter pau pequeno, nao doi meu cuzinho e eu sinto muito mais prazer ''. Dormimos na casa do casal , transamos de novo de manha e seguimos viagem para Blumenau. Lá fomos para o hotel e a noite do sabado, fomos para a festa, muita mulher bonita, muitos rapazses bonitos e safadoes. Minha mulher de calça jeans com contura bem baixa e bem apaertada, deliciosa mostrando a barrigunha malhada. Os caras ficaram bem avontde e fizemos muita amizade com eles e as meninas tambem quando eu falva que eramos casal liberal os caras atacavam ela. um menina me peguntou como eu podia liberal minha esposa assim, tinha dois cras beijando ela ao esmo tmepo na festa, eu ria. lá pelas duas da manha minha mulher cansada queria ir embora, os caras nao queria deixar, e acabamos indo embora para o motel, foram eu , minha mulher, a menina de um deles e os dois carinhas. la no motel minha mulher reclamava qeu estava com a bueta doendo, ja tinha dado muito, e naoqueria dar, os caras fizeram ela chupar os paus deles, e comiam a menina loirinha, e como minha mulher naoq ueria dar, nao me deixaram comer a menina deles, e oferceram o pau para mim e disseram, oh meu , chupa nosso pau ja que a sua mulher nao quer dar para nós, . eu olhei para mim minha mulher e ela olhou para mim e disse? entao, vai aproveita, vc nao gosta, entao vai olha dois pintoes lindos, eu e ajudo, vai chupa, eu entao cai de boca, um dos carinhs, segurou minha cabeça e meteu fundo na minha boca, e jorrou porra na minah guela. me encheu de porra , nessa hora, minha mulher meteu dois dedos no meu cuzinho, e bateu punheta para eu gozei, gozei gozei gozei com um caralhao na guela, dois dedos no cuzinho e uma mao aveludada na meu pau. quem quiser provar , entra em contato
27/04/2008 20:54:27
meu pau deu 8 isguinxos de porra com tua estoria
19/10/2006 11:20:04
A HISTORIA É BOA, MAS FAZER DUPLA NO ONIBUS SEM QUE NINGUEM ACORDACE. FORÇOU.....
Bucetuda
04/03/2006 04:10:52
Eu fiz mto melhor! Levei 3 picas, uma na boca, outra na xana e outra no cu! Vc levou so 2! E ainda tinha uma morena gostosa mamando em mim!
Bucetuda
04/03/2006 04:10:37
Eu fiz mto melhor! Levei 3 picas, uma na boca, outra na xana e outra no cu! Vc levou so 2! E ainda tinha uma morena gostosa mamando em mim!
Bucetuda
04/03/2006 04:10:29
Eu fiz mto melhor! Levei 3 picas, uma na boca, outra na xana e outra no cu! Vc levou so 2! E ainda tinha uma morena gostosa mamando em mim!
Gaúcho
03/03/2006 17:42:22
vc gemia e sentia o maior tesão e ninguém acordou.... sai pra lá...
NEGÃO
26/02/2006 11:32:47
Taí....gostei. BOM!
jean
06/01/2006 19:02:35
gostei munto de ficar imaginando estar no lugar de marcos.
Victoria
24/04/2005 12:13:53
eu quero ter pernas grossas porque as minhas sao finas demais oque eu faço para telas mais grossas?
Karlos
20/02/2005 11:37:07
Sua imaginação e muito fertil,mas fazer um menage,num banco onibus, e demais, pareçe ate conto de Bicha doida.


porno contosminha mulher deu na massagemContos eroticos o comedor da madrugada do soniferocincesto irma dando pro proprio irmãzinho novinhoxvideos#tio ruumaputasuruba fotospornoirado de puta de shortinho no talo sarrada no onibuseu qeuro vidio di sexobucetimha peqeninhaAbrir filme de sexo caixa de molho tirando a virgindade das moças de 18 anos gostosacontos eróticos de negao c empregada domésticanovinha de shortinho curto mostrando polpa da bunda pro papai fodelascarinha de anjo mais trepanomulher fudendendorealizei minha fantasia com meu tio e seu amigo negâocontos teen sexomenina 18 cabasom. padato tula dela camaSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhacontos eroticos sinto tesao em ver minha esposa amamentando meu filho perto do amigo delagoszado mabucetaconto erotico vovô vovó e a empregadaConto virei mulher paiporno contos morando na casa do sogro bravonovoscontosdeincestocontos eiroticos leilapornImagens E Fotos De Rabudas Porno De Calsinha Floridashugo mansinhodr ménageenfermeiras taradas de mini saia dando a xana na casa do paciente no contos eroticos contos eróticos panicatcomida e margarina no cu e na bunda inteira delaponou pau inome grosso socando putia e putia gritana dedó.contos eroticos de mulher de manauscontos eroticos malv comendo as interesseiraadoro uma rola gg me rasgando contosFoderam a minha esposa por divida contomoleque tarado.contosconto erotico apartamento 703www.xvideo.com, tio pega subrinha de supresa e fodd seu cuzinhomeu filho e um broxa contos eroticosvideo porno travestis brasileiros dano cu gritano tira do meu cu cu conto filha esta para separar do marido porque nao da cu a mae dela ensina como dar o cuestupro esposa contos eroticosminha filhinha na punheta contosContoseroticos pirralhos sapecascontos eiroticos leilaporncontos eróticos a esposa e os velhos da Senzalafilmes pormo irmar prima irmor bracileroflagrei minha tia dormindo de sorte largo pornoConto sobrinha amamenta titio velhotive que engravidar de um garotão pois o corno não consegue contosx videoz traveati gozandobolinei amigo ate ele mi danariz de policial dando o priquito a outros policialeu quero ver as fotos da morena que dançava o Créu ela nua pelada porque sabendo que eras no site que ela ficou feio uma foto de pornô homem para a gente ver aquiconto erotico gay negao pirocudo gosta de maltratar viado brancogozadas fortestodos os contos eróticos de empregada virgem com o filho dos seus patrõesvovinha vidio pono dado cuEm Família: Parte 1 Autor Sr G casadoscontoswwwxxvideo novinha cu devoradorviajando de ônibus transei com homem vídeo contos eróticossogra gostosa morando nacasa dogerocomo fuder cadela historias zoofillacontos eroticos irmã amiga primacontos macho alpha casa dos contodsou evagelica e nao tive em casa e procurei fora contos eroticodei pro professor pra passar contoscontos eiroticos leilapornorgia na casa de swing mulheres enfiando a b***** nas ruas por trás das paredesvideos porno com as bucetas mas aprrtada e q n quento kid bengalavideo baixou a blusa e mamou nos seiospadastro poe pau na boca da garorinhaflagrei mama trepando com um dotado hq vontos Etotivoscontos eeroticos transando com a esposa e cunhada no interior do paranaporno com mae mae tentando risis tircheirando o cuzinho do afeminada bebado.aproveitandocavalona da buceta desmarcada no pornodoidoshopxvodeosContos eroticos seios mordedo fortepai deixa eu ir ai hoje,faço completo sem reclamar-contossexocontos eróticos o rezadorchantageada contosmulheres online si ezibindo na intenettesaozinho de menina deixando o pai da amiga louco de tesaovídeo de pornô de mulher de 60 anos com homem quase tudo em cima dela que melecavideos do padrasto tirando a virgidade da sua emtiada e gozando nelaquero ver foto bucetao beicudas e hrandeXxxvideos filha novinha atraza pra ir pra escola pra dar pro pai delamulher cagando enquanto dava a bucetacontos eiroticos leilapornmasturbados na camfoto da piroca do senhor ditaoestupro esposa contos eroticosPorno com minha comadre comi ocu dela egozei na boca delaconto gay lavando o carro de cuecaPauzao no cu Bucetao arregasada esguinchando xvideoWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS EROTICOS |zdorovsreda.rumarrido fode amulher mais oltroo cara comendo a boyzinha da academia dentro do ônibus de saia XVídeos