Comendo Tia Sônia no banheiro

Um conto erótico de Paulovski
Categoria: Heterossexual
Data: 29/07/2010 19:25:09

Foram dois dias de loucura. Minha tia apareceu em casa para passar o final de semana. Ela tinha que conversar com o seu ex-marido sobre a separação. Eles moravam em cidades diferentes e Tia Sônia precisava de algum lugar para ficar. Minha mãe ofereceu a nossa casa e tia Sônia aceitou. Antes de continuar, vou dizer como é a tia Sônia: ela é baixinha, meio gordinha, bunda grande, cabelos longos e lisos e olhos claros. Já está um pouco enrugada em volta dos olhos, mas tem um olhar sacana que sempre me excitou. Já bati várias punhetas para tia Sônia.

No primeiro dia, ela ficou conversando com minha mãe. À noite, ela se sentou comigo para ver televisão. Minha mãe dorme muito cedo e tem o sono pesado. Fiquei na sala com tia Sônia, que não parava de cruzar e descruzar as pernas. Ela estava com uma camisolinha bem curta. Eu não conseguia prestar atenção na televisão. Eu olhava com o rabo de olho para as pernas da minha tia. Até que não agüentei mais e fiquei de pau duro. Decidi me esticar no sofá para que meu cacete ficasse visível por baixo do calção. Ficou a maior tenda armada, mesmo assim tia Sônia continuava prestando atenção na televisão. Até que fui mais ousado e tirei o cacete pra fora. Comecei a bater uma sem me importar se tia Sônia ficaria chocada ou não. Quando dei por mim, tia Sônia estava ao meu lado, com a mão no meu pau e beijando minha boca. Fiquei louco de tesão. Ela beijava gostoso e depois começou a morder meus mamilos, como só uma mulher experiente sabe fazer.

Meu pau estava cada vez mais duro e grosso. Tia Sônia puxou a minha camisa para cima e começou a morder minha barriga. Depois puxou o calção até as minhas canelas e começou a chupar meu pau. Ela chupava como uma louca. Parecia que não via pinto há séculos. Ela chegou a levantar meu pau bem reto pra ficar chupando meu saco. Eu estava quase esporrando quando ela parou. Vamos até o banheiro, ela disse. Achei a proposta excitante e acompanhei tia Sônia até o banheiro.

Mal fechamos a porta, tia Sônia tirou toda a roupa, ficando completamente pelada. Ela se curvou, apoiando o corpo na parede. Arrebitou a bunda e me estimulou a comer sua buceta por trás. Meu pau era grande, mas não conseguia fazer o encaixe direito. Tia Sônia abriu a bunda com as duas mãos e mostrou a buceta arreganhada. Enfia devagar que o pau entra todo, ela disse.

Eu fiquei enlouquecido quando vi tia Sônia toda aberta na minha frente. Coloquei o pau e empurrei. Foi entrando gostoso. Tia Sônia rebolava para que entrasse tudo. Como ainda continuava difícil, ela se curvou ainda mais. Sua cabeça quase se encostava nos seus joelhos. Deste modo, a pica entrou fácil e eu senti a buceta úmida de tia Sônia. Comecei a estocar num ritmo lento. Aos poucos fui aumentando a velocidade. Tia Sônia tentava abafar os gemidos mordendo a toalha de banho. Sua cara ficava toda enrugada. Eu resolvi ser mais perverso e comecei a bombar com todas as minhas forças. Cheguei a enfiar um dedo no seu cu só pra ver a sua agonia, tentando se controlar para não fazer um escândalo.

Ela ficou algum tempo naquela posição. Virou-se e me beijou na boca. Disse que estava cansada e se sentou na privada, de pernas abertas. Me chupa, sobrinho, ela disse. Eu me sentei aos seus pés e encaixei a minha boca na entrada da sua racha. Coloquei só a ponta da língua, passando o dedo por cima do seu grelo, que logo ficou duro. Depois enfiei a língua toda, dando um verdadeiro beijo no meio da buceta de titia. Ela me segurou pelos cabelos e começou a me fazer carinho. Ela tinha um toque de mão bem gostoso, o que me fez ter mais vontade de chupá-la. Tentei inutilmente enfiar a língua no seu cuzinho, mas a posição não estava fácil. Meu pau estava duro que nem aço. Eu batia punheta enquanto chupava. Já não estava agüentando. Você já gozou, titia?, perguntei. E ela respondeu: Faz tempo.

Quando ela disse aquilo, eu me levantei e enterrei o pau na sua boca. Titia ficou linda com a boca toda estufada. Ela me chupou que nem uma prostituta, me olhando nos olhos. Eu não agüentei tanta safadeza e acabei esporrando na boca de titia. Eu quase desmaiei. Minhas pernas ficaram bambas. Eu me limpei com papel higiênico e fui para o meu quarto, onde caí na cama e dormi profundamente.

Na noite seguinte, repetimos a dose. Minha mãe embaçou um pouco, mas quando ela disse que iria dormir, titia e eu nos olhamos, cúmplices e excitados. Esperamos meia hora. Enquanto isto ficamos na cozinha. Titia tirou os peitos pra fora e eu fiquei chupando, enquanto apalpava a sua buceta. Tia Sônia parecia completamente desconcertada. Ela não conseguia nem falar direito de tanto tesão. Quando percebemos que o caminho estava livre, fomos para o banheiro.

Desta vez, pusemos uma toalha no chão. Eu me deitei de costas e segurei firmemente o pau. Titia tirou a roupa e foi se agachando até se ver entalada com minha rola. Ela estava de costas para mim e eu pude ver a sua bunda descendo e subindo enquanto sua buceta engolia meu pau. Fiquei doido com aquele cuzinho se abrindo e fechando. Titia, sussurrei. Ela se virou e me olhou. Posso comer o seu cuzinho?, perguntei. Ela não disse nada. Ela se levantou, abriu a bunda e desceu novamente. Desta vez encaixando a rabiola no meu pau.

Que delicia sentir aquele cuzinho se abrindo e envolvendo meu cacete! Eu ergui um pouco a cabeça e vi a bunda se dividindo em duas com meu pau no meio. Entrei em delírio erótico, mal conseguindo me controlar. Tia Sônia, sacana como era, ficou acariciando meu saco. O que me deixou ainda mais tesudo.

Titia rebolava suavemente, tremendo a bunda em torno do meu cacete. Não agüentei. Titia percebeu e se levantou. Depois se agachou entre minhas pernas e começou a me chupar. Até me ver esporrando na sua boca...

Nunca mais esqueci destas nossas duas fodas. Toda vez que entro no banheiro, me lembro que foi ali que comi tia Sônia sem ninguém desconfiar de nada...


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Paulovski a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
30/07/2010 10:14:50
legal!!!!
29/07/2010 20:12:28
Legal, Priscila
29/07/2010 19:49:42
você me fez recordar minhas aventuras noturna, dentro da casa de meus pais, que delicia, valeu pelo conto, nota dez pra você, beijos da Priscilla


www.bucetacabeludaminhamulher.comFoto de buceta emperrando galaxvideo casalkenteXVídeos mama brusquetalargandoo cu com um pepino grosso pornodoidohistorias olaine de comtos encantadosSubrinhadabucetapirocas enormes pornodoido garganta profunda imensas que fazem um estragoconto coneu o cachorro a força contos erotico,meu genro me enrrabou dormindoeu juro que meu sogro me fudeuencontrar casadafonexsvideo Historias e relatos reais esposa pega marido dando o cu pro negraodeitei de conchinha com minha mae peitudahttp//eternahelga.blogspot.com.brConto porno de incesto de pastoflagrei minha irmasinha cagando na pica do viseu minha esposa amigo de adolescenciaContos pornos-fudi a mendigaConto erotico loira aos grios e choros numa foda relvagem com super dotado metendo forte com forcawww.clip16..com fragas novinhas fazendo sexo em favelas.comtira A roupa vou te estrupar no pornovidos pra abaca irmao gozado dento da buceta da irma novia escodido pelo u buraco da paredeconto erotico onibus lotadoFiquei toda arregaçada com o pedreirogayspornograficofato real de noiada chupando rolaxaninha mostra as penujinhasXVídeos cara tapeando mulher velha na rua de saiasenas com carinho massagem beijos abraço pegadas palavras romanticas casal apaixonado e sexovi a bucetinha virgem da minha amiga conto eroticomenininha nascendo os peitinhos só com a pontinha o irmão bem dotado tentando enfiar o pau não entrava XVídeoscontos eróticos garotinha 7aninhos boquetera e so no cuGosando .na boca d nlvinhasfostos.as.mais.gostozas.quadrinho.eroticosde.saia.coladamasturbação anal masculinamundobicha.com brasil academicos[email protected]fodendo pornodoido mulher alta de ancasminha mulher deu praia tambabanovinha de vestidinho curto se deliciando provocante you tubeviadinho bem afeminado de chortinho enfiado no rabo xx videos Contos eroticos irma crenti çafada de perna aberta provocando o irmaocontos eroticos familia amorosadestraçada por dois paus pornodoidoxvidio com eboladas de calcinhaxvideo sogro taarabuda de calça apertada limpando estantegts agaxada mostrando o bucetaoposo enchuga o meu priquitofudendo a mae dormndoxvidio aredando a calcinha qro lado e enchendo a .coconto erotico com anal arrombei a mulher do meu compadrevelhas dos peitoes muchos e grelo grando transandoAs lidas esposas xvidioContos eroticos pilotarfotos meninas gostosas enclinao exibidas gostosaaadolecente mostrando a buceta deitadavde Costa fotos .comirmãzinha virgem nascendo primeiro pentelho transa com seu irmão bem dotado XVídeosBuceta forcadou a mae fazedo sexeporno com baby boneca ecesto pai velho tarado e pausudocontos eróticos eu vi minha tia amamentandoconto porno paixao escandalosawww.contos eróticos.com.br. anal.cornoTV incerto XVídeos padrasto ver a enteada f****** e não resisticaso elevo omigo com 30 centimetro de pau pra foder esposafui comido e virei mulherConto erotico gay mijotransando com meu cachorropegou a mulher casada escondidoxvidiosamigo sentafo no amugo dotado xvideossexo pornô grátis baixar para trabalhar filho faz sexo com a mãe gostoso mete gostoso dando linguada nela né tipo de mesa mãe gosta deixa gozar dentronovia comesando a nasce pelo na buceta etocando siririca pela primeira vezminha esposa tomando porra e me beijando pornodoido