A VIDA DE UM PLAY BOY APAIXONADO 2.3

Um conto erótico de BRUNO
Categoria: Homossexual
Data: 27/01/2014 01:17:00

Depois que praticamente o moleque do rabo gostoso me correu da sua casa, eu entro tomo um banho, bato uma bronha e saiu molhado mesmo me deitando na cama, estava cansado, queria uma massagem bem pegada nas minhas costas e minhas paletas, meus pes doíam e minha cabeça também, acho que a amiga de Nicolas puxou muito meus cabelos que ficou dolorido. Mas valeu a pena, depois do cara da um de gostosão aqui acabou se fudendo todinho.

Mas pior que e verdade, eu odeio ser loiro, quando eu era pequeno eu era loiro, cabelo igual a de Nicolas, mas sempre achei super frutinha isso que resolvi aos meus 16 anos pintar de preto, gosto de ser moreno.

Acho que adormeci por uns quinze minutos, pois senti a mão de meu pai me acordando para a ceia de natal, já ouvia os fogos de artificio la na rua, alguns amigos meus me mandando torpedos de feliz natal...

- depois eu respondo... – me levanto, resmungando comigo mesmo, olho em direção a casa de nicolas, a luz de seu quarto acesa, mas não dava pra ver nada. – merda...

Solto um palavrão, eu queria ficar com ele, esava nem ai se era natal ou não, queria era ficar com ele e pronto...

Nicolas queria na verdade era guerra, com seu primo la querendo fazer charminho a mim.

Desço depois de ter me arrumado, meus tios tinham chegado e meus avos também, minha prima que no caso já tinha comido tambem estava lá, com o seu namorado que parecia um nerd.

Dei boa noite a todos e me sento a mesa, a meia noite já chagava, e nada de nicolas pelo menos me ligar, estava farto disso, o cara não me ligar e fazer isso comigo.

Do um toque para o seu celular para ele ver que eu estava ligado.

- bruno guarde isso..., estamos na mesa.

- só um minuto . – falo a minha mae, cochichando a mim.

Continuo a mastigar, saturado da conversa furada de meus avos meus tios, e meus pais, minha prima quase se comendo no sofá com cara dela. Que merda. A meia noite chegou e natal tambem, comemoramos todos, batendo as taças umas nas outras.

É claro tinha que dar um tempo ali para não pegar mal, pois minha avo estava ali, e minha prima me comendo com seus olhos, estava me dando nos nervos.

- bom gente eu vou indo, mae não me espere...

- vai para a namorada meu querido? – falava a minha avo... – deu ate um meio que troca de olhares meu, com minha mae e meu pai, mas passei a mao na nuca e balancei a cebaça fitando meu pai, ele abaixa a cabeça. – que bom, aproveita bastante bruno. E feliz natal.

- ate amanha.

Saiu de casa e vou direto para a casa dele, o primo ainda estava lá, nicolas ainda estava sentado a mesa sorrindo pela conversa de todos. Ele me olha ainda com um sorriso no rosto.

- oi pessoal, feliz natal... – o primo dele ficou me fitando... todos me felicitaram.

- nick, podemos conversar.

Ele aceita, levantando e andando para a escada.

- cara eu vim te buscar para a gente sei lá. Ficar la em casa.

- que, tua casa esta cheia bruno, eu não vou ficar la com os seus familiares, a lendo mais é natal já conversamos sobre isso.

Olhei para ele serio, com a mão na cintura, nicolas de braços cruzados, usando a roupa que eu tinha dado a ele, estava muito gostoso mesmo.

- então é assim?

- assim como?

- você não vai passar a noite comigo? Vai ficar aqui.

- bruno por favor, passamos a noite junto outra hora, eu não vejo meu primos acho que desde setembro do ano passado, deixa eu ficar aqui com eles e amanha a gente dorme junto.

- tudo bem, faz como achar melhor. – vou saindo de costas ate a porta e viro assim que chego.

- vai ficar brabo agora?

-o que tu acha?

- bruno por favor...

- olha nicolas eu não quero discutir, faz como achar melhor... – saiu para rua, e viro andando em direção a avenida, queria sair um pouco precisava respirar, estava fulo, na minha cabeça parecia que nicolas nunca tinha tempo para mim.

Vou para a casa de Rafael, ele estava la com a mina dele, muito gostosa a loira.

- e ai pangaré... – apareceu então.

- qual é cara, to sempre ai..., e ai ta de bobeira...

- ba cara acabei de fuder..., to ate com a pica doendo meu...

- puta que pariu cara isso ai é brabo... – andamos para dentro de sua casa, do um breve oi para seus familiares e sua mina.

- mas ela é muito gata meu, aonde achou?

- no DC ESPORTES. Ela pediu meu numero, ai conversamos e tal.

- ela vai ficar ai? – eu falo me escorando na bancada da cozinha.

- não ela tem uma filha, só veio mesmo para... –ele fazia o movimento de quem estava sentando no caralho dele...

- ba com xota quente então...

- ba meu nem me fala, xotona cara...

- mentira. – falo me interessando.

- arranquei ate gozo dela....

- ba meu essa historia de gozar em xota já não é Mais comigo.

- a é e o nicolas como vai...

Ele pega uma ceva na geladeira e entrega a mim.

- deve estar bem sei la, ta com os priminhos dele.

- hiiiiiii. To vendo que se estranharam.

Rafael me conhecia ate quando eu estava com tesão.

- deixa ele meu, eu preciso de festa, preciso dançar sei la.

- cair na gandaia.. – ele falava rindo.

- ba já é meu, topa?

- ba cara a nega veia ta ai brow, vo ter que levar ela ai vamo...

- leva então meu, vamo la, fiquei sabendo que os guris vao tocaar ali no alemão.

- vamo então.

Saímos no carro de Rafael mesmo, saímos em direção a casa da mina, que parecia uma mansão, o cara ainda levou a mina para umas folhagens e mandou bronca na xota dela...

- porra meu ta com fome...

- ba cara ela é muito gata veio... por que não foi la cara ta ai quase se rasgando de tesão...

- ba cara to comprometido ai... sou fiel...

- que fiel o que... vai toma nesse seu cu bruno... vai ai uma cadela esfregar o rabo na tua cara...

- a cara eu não sou de ferro né...

Fomos para o bar do alemão, a gurizada estava lá, claro que eles não sabia que eu e nicolas estávamos namorando, mas tudo bem...

Cumprimentamos a rapaziada, e já saímos dançando, bebendo e muito, a mulherada se atirando para cima dos caras, acho eu que tinha gente ate se comendo.

Precisava daquilo a tempos não dava uma saidinha show com os nego veios...

- Bruninho... – Rita uma amiga minha, que também já comi aproximava de mim.

- e ai gostosa... – falo a ela, pegando pela cintura...

- ta gostoso em... e ai que faz da vida gato...

- to trabalhando, namorando né... ai fica brabo...

- ta e cade a mina...

- não veio, esta em casa, ficou passando o natal.

- hum quem diria o brunão namorando. Mas e ai da a fugidinha né?

Não tinha entendido...

- o que?

- da a fugidinha básica né... pois eu sei que você não vive comendo o mesmo pão de sempre... conta ai vai...

- não cara capaz, ela me domou meu...

Ela da uma gargalhada eu tambem, eu senti a sua perna subir pela Minha perna, minha mao aertou a lata de cerveja...

- a para só uma vai...

- ba cara não vai rolar, por favor, não vai mesmo, estou bem fiel...

- que fiel bruno..., vamo voltar aquele tempo cara... – Rafael já estava bem doidão, agarrado em uma mina...

- o ritinha por favor...

- cara tu esta muito gato... – ela coloca a mao em meu peito... e chega mais perto, eu do mais um sorriso...

Rafa estava bebendo muito.

- rita por favor não posso mesmo meu, tu é muito gata mesmo, e meu cassete esta coçando mas não vai dar meu...

- ta estou vendo que não vou conseguir.

- não vai mesmo; - falo aquilo tentando parar, já estava enlouquecendo de tesão, e parar para pensar quase que eu agarro a mina e arrasto ela. Não ia aguentar em ficar aqui. Era muita bunda gostosa e eu já estava ficando louco, parecia que cada bunda era a de nicolas em minha cabeça, saiu em direção a rua, Rafael de beiço grudado com uma morena muito gata, atolava a mao na bunda dela.

- o cara vo largar. – falo a ele.

- porra bruno fica ai mano. – fala guto, um amigo meu chapado, também ficava com uma mina.

- o Brunão eu tenho uma mina do teu porte, vai te aguentar cara. – eles não sabiam de mim e de nicolas...

- cara não vai dar meu... eu tenho que ir...

- chama ela ele não vai aguentar...

Meu amigo fala, sinalizando não sei quem no meio dos carros...

Olho em direção a mina vindo devagar, com um salto alto, muito gata veio.

- o cara nem me viu meu por favor, to indo...

- mano vai la só conversa por favor.

Resolvi ir, parra não fazer desfeita, e também não dar bandeira, chego la converso um pouco com a mina, era engenheira, estava na faculdade, queria ter filhos e tal.

- e ai qual vai ser...

Eu não estava me aguentando, ela estava muito perto de mim, eu respirando fundo. Em meus pensamentos profundos nicolas gritava comigo, estava junto de mim, a mina se aproxima mais uma vez passando mao pela minha barriga e chagando mais perto...

- vai pega... – ouço Ricardinho falar... a mina agarra meus braços passando devagar por eles.

Fecho os meus olhos, vejo o azul dos olhos de nicolas...

- não poço... – falo por fim, levando a cabeça ara traz.

- o que? O que não pode...

- cara desculpe, tu é muito gata meu mas não da, eu to comprometo. – nem deixo a mina falar... saiu devagar em direção a esquina...

- porra meu e a mina... – fala Ricardo. Nem viro a ele, continuo a andar com as mãos no bolso, pensando agora a fu no corpo de nicolas, estava louco meu, precisava dele perto de mim, de seu corpinho sendo coberto pelo meu.

Chego perto de minha rua e vejo atrás de mim um carro me seguindo, era Rafael.

Ele chega mais perto e abre a porta para mim... eu entro... ele estava lanhado da ceva...

- o cara quer que eu dirija...

- pode ser... acho que vou vomitar... – levo ele para casa, e depois vou para a minha, nicolas não saia da minha mente, acho que cheguei em casa e meus tios ainda estava lá...

Entro no meu quarto e vejo gemidos... vozes baixinho... alguém em cima de minha cama...

Ligo a luz... minha prima e o namorado dela se comendo...

- que isso porra...

- meu... – fala o cara... – desculpa ai veio...

- você aqui...

- sim... o que vocês estão fazendo aqui na minha cama... – sinto meus punho se fechar...

- bruno, a tia disse que poderíamos dormir aqui...

Minha prima pega o lençol e se enrola nele...

- SE DESENROLA DO MEU LENÇOL CARA, TU TA CHEIA DE PORRA VEIO....

- o mano desculpa ai...

- QUE DESCULPA O QUE PORRA, VEM COMER A MINHA PRIMA EM CIMA DA MINHA CAMA, E VOCE CADELA, QUERIA ISSO NÉ...

- ISSO O QUE BRUNO...

- QUER ME PROVOCAR COMO SEMPRE COM SEUS NAMORADINHOS NÉ O VAGABUNDA...

- o que esta acontecendo aqui?

- TU DEIXOU ELES DORMIREM AQUI? Falo a minha mae...

- sim eu pensei que você não viria hoje.

- a que eu não vinha... mae eu estou na minha casa... eles estão em cima da minha cama se comendo, por que não dormiram na sala... na minha cama...

Final da historia acabei discutindo a fu com meus pais, e colocando a mina para fora...

No dia seguinte me acordo aos poucos com alguém me chamando, passando de leve as mãos em minha cabeça...

Abro os olhos e vejo nicolas sentado na minha cama, sorrindo para mim.

- bom dia grandão.

- oi. – eu digo coma voz rouca, passando de leve as mãos na cara...

- e ai... quer conversar um pouco. – ele levanta, eu vou me sentando na cama, dando um bocejo.

- já esta sabendo é?

- to, e eu quero que você se levante que vou tirar daqui, antes que você quebre a cara de alguém.

- mas vai me levar aonde?

- levanta vai...

Tomo um banho e logo já estava saindo para onde nick ia me levar..., estava entediado, estava com raiva da cara de minha prima por ela ter feito essa palhaçada em cima de minha cama.

Chegamos na casa de nicolas e os primos dele já não estavam mais la, ele e leva direto para o seu quarto, onde eu me deito mais um pouco em sua cama, pegando controle e olhando a tv a cabo enquanto ele ia tomar o seu banho.

- já volto...

- volta mesmo... – fiquei olhando o ogo do Barcelona se não me engano, e naquele dia ele estava perdendo, foi logo na época que Cristiano Ronaldo era o gala do mundo do futebol... que porra, odiava ele.

Acho que uns 20 minutos depois nicolas sai do banho, todo peladinho, meu pau ficou duraço na hora, ele deixa ainda a toalha cair ficando com a bundinha a mostra para mim...

- uiiii... – eu falo... passando a mao em cima da tora...

- não começa...

- começo sim cara... porraaaaaaa... – me levanto e vou ate ele...- nicolas corre pelado pelo quarto, ENQUANTO EU CORRIA PELA LATERAL DA CAMA ATE CHEGAR NELE, mesmo assim o safadinho era ligeiro, saiu por cima e correu pelo meio dando uma volta com seu corpo...

- tu ta querendo que eu me enlouqueça né...

Ele balança a cabeça, sorrindo de mim.

- se você botar essa roupa eu juro que te fodo ate você dizer chega...

- eu nunca disse chega. Me diz alguma vez que eu mandei você parar...

- seu arrombadinho... – eu vou andando devagar, coçando a pica por cima, nicolas pegou a regata branca e vestiu, ficou mais gostinho ainda... ele se mexia para pegar a cueca... fui mais rápido arrancando a cueca das mãos dele...

- me solta seu bruto...

Meto a mao na bunda dele.

- sabia que você fica um tesão de regata... – digo a ele, pegando no rosto dele com força, seus braços tentando tirar os meus, nicolas da um sorriso, pego ele no colo e com tudo atiro em cima da cama, que ele pulou quando caiu, ele me olha, tiro a roupa e puxo suas pernas fazendo virar para cima, o cuzinho ficou a mostra...

- você não é de nada... – ele diz a mim, o rosto sorrindo...

- putão... – bato uma vez em sua bundinha linda... nicolas revira os olhos assim que pouso com minha língua na entrada da rosquinha branca... – vo fazer você chorar hoje...

- duvido, me mostra vai, o quanto você esta com vontade... – coloco um dedo na entrada do cuzinho, fazendo um vai e vem, minha pica já estava explodindo dentro da cueca, meu suor começou a aumentar... – enche meu cu de porra... – fala o putinho...

Continuo a lamber feito um bezerro, com fome daquele cuzinho, daquele corpinho, ver ele parecendo um boneco em cima de mim, era magnifico, depois que labuzo bem pego ele pelos braços fazendo o virar com tudo para baixo, do mais uma lambida nele e vou descendo pelas suas pernas, nicolas gemia baixo pois seu pai estava em casa, chego aos seus pes e lambo os dois, pezinho lindos dele, colocando cada um dentro da boca, subindo com a língua por toda a extensão de suas pernas branquinhas e chegando na sua bunda, mordo cada uma continuando a subir com a língua a chegar nas suas costas... aperto a sua bunda com minhas mãos, nicolas aperta o lençol de tesão, chego em sua nuca, tiro a pica para fora, estava de calça dins mesmo, e meto com tudo dentro do cuzinho dele, nicolas afoga a cara no travesseiro ficando vermelho assim que começo a gemer em seu ouvido, ele parecia que estava chorando, mas vi que era tesão, e pelo meu tesão foi descomunal, não tive razão para tratar ele bem na cama, tratei feito uma puta mesmo, metia feito um animal, e para dizer que o boyzinho não ia aguentar, era invenção mesmo, o cara parecia que pedia mais e muito mais, o cu de nicolas é lindo sendo atolado, viro ele de frango assado e pego seus pernas colocando em cima de meus ombros, fodo mais forte, chegou a fazer estalos, pego seus pezinhos lindos e lambo eles, nicolas estava enlouquecendo de tesão, fiz de sua cama, e seu quarto um ninho do sexo, pegando ele e levando para cima da estante, nicolas quase caminhava nas paredes sentindo eu devorar com tudo cada entrada de seu cu, não queria parar nunca. Logo depois fudemos no chão, empinei bem a bundinha dele, colocando a cara dele no chão, o rabo virado para mim enquanto eu me sentava na cama e batia uma pequena punheta... nicolas pegava meu pezão e colocava na boca, chupava meus dedões dos pés, eu fiquei louco com aquilo que enfiei o meu dedão do outro pe no cuzinho dele, fudi meu dedo no cu dele, nicolas gemia com meus dedos enfiados no rabo e o outro na boca.... a punheta aumentou... logo em seguida ele se levanta e vem para cima de mim, a boca grudando na minha e ele próprio colocando a pca na bunda, agarro com força e taco fundo nele, ele revira os olhos, ficando vermelho, ate que começo a tremer e jorrar tudo dentro de seu cuzinho. Nicolas morde os lábios...

- nossa ta ardendo porra... – fico gemendo sentindo ele tremer e gozar em cima da minha barriga, sinto a sua porra salta pelo meu rosto, mas não estava nem ai... ele vem ate a minha boca e me beija.. – teu pau ta fervendo em...

- eu tava louco de tesão, desde ontem a noite...

- aé.... por isso que você queria que eu fosse para a sua casa é...

Suspirávamos um perto do outro, o calor entre nossos corpos, nicolas com a camisa toda molhada, pelo meu suor... fico dando pequenas estocadas com o pau todo babado, sentindo a porra sair e pelos lados.

- também mas ai fiquei fulo... você aqui com seu primo, o bom que eu desopilei...

PUTZZZ...

- como assim? – ele me olha um pouco serio.

- o que?

- você disse que bom que eu desopilei, o que quis dizer?

Nicolas levanta de cima de mim e para do lado da cama, a minha porra ainda escorreu pelo cassete.

- nada não amor...

- bruno... eu te conheço o que você fez ontem a noite?

Ele era tao lindo brabo meu...

- eu sai... sai com o Rafael, fui numa festa, tem algum problema?

Ele franze o cenho, pisca umas duas vezes, a testa molhada de suor.

- não mas por que você disse que desopilou?

- por que eu me diverti, esqueci um pouco, dancei sabe...

- mas não rolou nada lá né?

- não né amor, só as minas dando em cima de mim e tals, mas tirando isso...

- hum... – ele caminha com a bundinha ate empinada ate mim e se deita do meu lado...

Meu pau amoleceu... ficou aquele silencio entre nos...

- ei... – eu falo virando para ele..

- o que? – ele responde serio.

- eu nunca vou te trair outra vez, nunca mesmo, eu prometo.

ELE PARECIA PENSATIVO.

- promete mesmo bruno, tenho medo que...

- xiiiiiii, não fala, só confia em mim falow?

Ele balança a cabeça se levantando.

- vamos, eu quero chegar la ainda cedo.

- aonde? – eu pergunto.

- vamos você vai gostar... vai relaxar um pouco.

- mais que eu já estou...

- hehehe engraçadinho, vamos vai...

POIS É GENTE, A VIDA É UMA DADIVA, MAS NICOLAS ME LEVOU A UM LUGAR MAGNIFICOOOO...

NO PROXIMO CONTO ELE TE CONTA...

WALEWWW ABRAÇOS!

CONTINUA!


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive nicolas y bruno a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
30/07/2017 17:06:31
conto nta milll pena q os autores deixaram de lado. queria mt sabe como vcs sao e ai desaparecem do nd. sei q n vao voltar mas ainda tenho esperanças beijos de luz
18/10/2016 18:03:16
Fazem muita falta mesmo... voltem logo ..
18/10/2016 00:42:56
Velho, se vocês soubessem a saudade que fazem...
25/09/2016 12:51:56
Amo esse conto... bora voltar?
03/08/2016 00:36:34
Gentenn... cadê o povo daqui.. Nicolas? Bruno? Cadê os dois homens da minha vida? Mermao vcs não podem largar agente assim não.. avi maria nammmm... podem voltar vumbora... já ta na hora de voltar gente...
19/05/2016 16:15:35
wwwwaaaaawwww stou em pleno ano d 2016 e agora q axei essa historia lindissima cara pq vcs pararao nao podem parar ela linda continuen porfavor
18/11/2015 01:21:25
Voltem... Por favor:(
21/08/2015 10:50:20
O conto de vcs a historia é otima. . . Pena pararem de eacrever. . . Espero que voltem!
16/07/2015 13:22:10
Olha adorei teu conto pena que sumiu ,mas mesmo assim amei...Se poderes volta pois vocês são ótimos ....Beijão obs ...apesar que acho que não voltam mais
14/05/2015 13:45:04
Outro bom conto que foi largado... que pena. Deviam ao menos dar uma explicação pros leitores do pq ñ continuar. Bom, espero que ñ tenha acontecido nada de ruim.
29/04/2015 17:41:34
Você sumiu, volta por favor.
18/11/2014 01:07:57
Existe alguma possibilidade de um conto maravilhoso assim continuar? Eu sou gamado nessa história e na do will com o renato, pena só ter começado a ler quando pararam...
16/06/2014 19:40:02
Nossa amei a história de vcs e queria dizer a vcs que voltem e continuem e muito bom e precisa continuar!!!! e vcs sejam muito felizes para o todo sempre!!!!!!
03/06/2014 23:02:48
Saudades De Vcs Posta Logo !!!
25/05/2014 14:09:57
HelloOoow... tamo esperando kkk
19/04/2014 02:41:01
Cade vc???
10/04/2014 14:43:20
Cara vcs vao sumir? :(
17/03/2014 21:02:17
adoreiiiiiiiiiiiiiii muitooooooooo :D
12/02/2014 06:46:22
Aii amo o conto de vcs nick posta a cotinuaçao logo pleaser... So
05/02/2014 00:26:01
fica calmo cara é real sim, acredite quem quiser e valeu pelo voto espere que vem mais contos aiii mas estamos por um momento dificil enfrentando faculdade mas que possivel postaremos - BRUNO!


flaguei cheirando minha calçinhapornodoido ninfetas pornodoido entrada c SR DE BGODEmulher chupando uma rola bem grossa e grandechega engasgarcarolas daigreja crente com peitos e bunda bem grande peladasnegao a maior rola do mumdo fodendo eledesmaiouporno homem pelados balançando a pingola grandecontos eiroticos leilapornconto erotico padrecontos eroticos me obrigaram a fazer nojerasporno grilo branquinho pequenosexo no onibus com filha contos pornocomtos eroticos de mulheris que gostom de dar o cuporno++o++encanadorgta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetavideos dr sexo com pau de40cm analComo se escreve “ manda video porno ” em inglescu de mulatas novinhas piscando xvdelquero ver cestinha nua trepando gemendo e chorandoconto erotico gay vovo deu leite pro netinhoriandragoon contossofri com pistulodo xxvideosfoto de minha sogra fudendo minha mulher juntairmao comendo irmao enguanto dormia porno gai xvideos 10Conto erotico de incesto eu minha irma gemea dornimos momesmo quarto desde que nascemo 2vidios pornnou que mae e filha tranza com o meismverdade ou desafio traí conto erótico acampamento calcinha amigos cornovideo mendingas sentando na cabeceiraconto de novinha tomando nas coxastravesti tomou banho com amoga e comeu bucetinha delacachorro lambendo a buceta com esparadrapo abrindo o cuzinho contosxevideo mulher dormido e rola entrandohistorias eróticas a menina indiazinha putinhaxvidios homens do pau grande metendo com pressão e elas debruço e gozando dentrotezaozinhaque pau gostosoxerequihas. que. a. mule. temvanessa traindo com irmao do corno douglas spmenina delirando na pica 15 segundos no XVídeos MGcontos eróticos de enteadas zangadasdei para uma dúzia de homem eu confesso no mesmocomendo a urma novunha no banhocracuda sapecameu padastro me comeucontos eroticos dei meu cu pro meu irmaocontos eroticos incesto familia liberalvigem alilado bucetasmae vadia segura as pernas da filhinha para o superdotado deflorarxvideo a esporal detro da busetafui me depilar no salão e ganhei uma chupadalésbicas vê amiga no banho e agarra ēła forçaxvideo casada gosa no pau do corno pesando notrocontos vadia humilhada sexo grupalpolicial corrupto usa a farda para conseguir mulheres parte 2inguiçando xvideosContos eroticos seios machucados tio sobrinhamulher tenta fugi pica mostruosa brutal no cuComi o rabo sujo de bosta do Lukinha contos eróticos gayscasadoscontos.comflagrei minha sogra muatete - conto eroticobelo sexo sobrinho dormiu na casa da tia de conchinha com ela na mesma cama/perfil/214893piroquinha durinha contosx video comendo a irma moravamos sozinho na casa eu e elaconto erotico negao pintudo mulher ajudano velho mendingofio terra contossexo expkicito gratis exibindo cacetaocontos eróticos meu marido tá broxagts agaxada mostrando o bucetaocontos erotico de enpregada gostosa e patrao mais velhoporno com muito estrupo com muito pau no cu a força com muito sexo bruto.contos eiroticos leilaporn[email protected]contos reais de mae e flla virgem safadas levano pica grandepatroa arregalou o olho na pica do negaopaola olivera mostrando sua buceta e seu rabaodwu sonifero pra comer a netinha