Amor & Ódio - Parte XIII [FINAL]

Categoria: Homossexual
Data: 18/02/2021 20:03:43
Última revisão: 18/02/2021 20:18:14

-- Tenho o que ?

-- Um filho! Nascido em Março de 41

-- O que ela está dizendo George ?

-- Eu não sei! Jane o que você quer!?

-- Eu não quero nada George! Não pense que eu vim aqui atrapalhar a vida de vocês que minha intenção não é essa.

-- Então qual é ?

-- Como disse, você tem um filho que tem 27 anos já.

-- Jane eu não estou entendendo, filho ?

-- George! Eu sempre soube que você era gay, mas na época antes da guerra se tornar tão intensa, tivemos um momento de prazer juntos e acabou rolando lembra ?

Nesse instante me recordei que Jane estava certa, eu tive sim uma noite de sexo com ela.

-- O que ela está dizendo é verdade George ?

-- É verdade sim Yuri, mas eu...

-- Não diga nada!

--Yuri eu... -- Disse desesperado

-- Você tem um filho amor! Um filho! -- Falou Yuri em tom feliz

-- Você não está chateado ?

-- Chateado ? Lógico que não. George o que aconteceu com vocês antes de me conhecer, você não tem culpa. Eu também tive outra mulher antes de você, e lembro que não era feliz, mas isso não apaga a história

-- Se me permitem, ele se chama Philip

-- E onde ele está Jane!?

-- Está no Brasil

-- No Brasil ?

-- Eu me casei com um brasileiro

-- Ah! Meu filho então está no Brasil ?

-- Está sim!

-- Jane e como você fez pra me achar ?

-- Deu trabalho, digamos que eu passei esses 27 anos tentando achar documentos, vestígios se você estava vivo ou morto. Só agora consegui, se soubesse onde estava antes, provavelmente você poderia aproveitar a vida com seu filho

-- Amor, eu nem acredito, você tem um filho!

-- Eu também não amor!

-- Pelo jeito você arrumou um homem bem bonito -- Falou Jane elogiando Yuri

-- Entre Jane!

-- Eu não vou demorar, amanhã eu tenho um voo para o Brasil. Vou morar lá agora com meu filho e meu marido. Esses são nossos contatos e nosso endereço, venha nos visitar

-- Ele sabe de mim ?

-- Sim, sabe desde que era pequeno

-- Como ele é ?

-- É como você: loiro, de olhos azuis e só mais bronzeado rsrs

-- Meu filho! Eu quero ve-lo

-- Bom, como disse, esse são nossos contatos. Se quiser mesmo ver seu filho, receberemos vocês dois com muito carinho no Brasil. Vamos morar em São Paulo

-- Jane você vai viajar amanhã mesmo ?

-- Vou sim George, amanhã às 10:15 AM

-- Jane não quer ficar, preparo um jantar pra nós e conversamos -- Falou Yuri

-- Eu adoraria! Mas não posso, meu marido vai ligar mais tarde para organizarmos a viagem

-- Tudo bem!

-- Tenho que ir, um abraço pra vocês dois! Ligue para nós George

-- Ligarei simbeijo pra vocês dois! Espero que sejam muito felizes

-- Obrigado Jane, você também!

Jane nem chegou a entrar, foi tudo tão rápido, e eu ainda estava atônito. Achei que Yuri iria surtar, mas ele parecia estar tão feliz.

-- Você está bem Yuri ?

-- E por quê não estaria ?

-- É que..

-- É claro que eu não to desgraçaaa! Essa vagabunda vem aqui dizer que você tem um filho, um filho!

-- Yuri :O

Nossa, pensei rapidamente, minha mente criou uma cena que não aconteceu...

-- O que estava pensando George ?

-- Nada! Só imaginei uma coisa aqui mas deixa pra lá!

-- Hey amor, eu não estou chateado e muito menos com raiva. Pelo contrário! Você tem um filho, George eu te amo! Eu te amo como nunca amei outra pessoa em vida. Eu estarei com você em tudo! Em tudo...

-- Achei que você iria surtar Yuri.. até imaginei uma cena aqui agora

-- Surtar ? George eu te apoio em todos os momentos amor! Somos um casal, somos dois homens apaixonados

-- Mas isso não te abala nem um pouco ?

-- Não me abala porque sei o caráter do homem que amo; eu sei que você é completamente apaixonado por mim. Se não fosse, você teria me abandonado naquele hospital com leucemia e tudo; não é qualquer pessoa que atura uma pessoa doente não George! Você provou seu amor por mim lá

-- Eu não sei o que dizer! Você é maravilhoso Yuri

Nos beijamos muito, nos abraçamos e tivemos um momento romantico.

-- Vamos fazer amor ?

-- Agora ?

-- E tem hora pra nos amarmos ?

-- Não seu bobo, é que você acabou de saber que é pai

-- Sim, tem maneira melhor de comemorar do que fazer amor com a pessoa que eu amo

-- Então vem cá!

Fechamos a porta do quarto e rapidamente tiramos a roupa. Tirei a cueca de Yuri e seu pau já saltou pra fora; rapidamente já me ajoelhei e comecei a mamar no pau gostoso dele

-- Isso mama esse pau japonês bem gostoso!

-- Vou chupar essa cabeça moreninha bem gostoso!

Comecei a mamar bem gostando a cabeça do pau de Yuri e ele me forçou a fazer uma garganta profunda bem gostoso que quase me deixou sem fôlego

-- Eu vou gozar!

-- Mas já!?

Nem deu tempo deu falar nisso e um jato de leite quente esguichou na minha cara e Yuri gozou gostoso na minha cara

-- Vira essa bundinha branca, eu vou chupar esse cuzinho europeu de um jeito bem gostoso

-- Minha bundinha Yuri, aí! AAAAH!!

-- Vou enfiar no dedinho nele..

Meu cuzinho começou a piscar loucamente no dedo de Yuri, que louco de desejo enfiou sua cara na minha bunda e cheirou, lambeu e enfiou sua língua bem lá dentro. Yuri ficou linguando meu rabo até eu não aguentar mais

-- Sua vez Yuri!

-- Nem precisa pedir!

Yuri ficou em posição de frango assado e seu cuzinho ficou exposto pra mim. Comecei com dois dedinho no seu cu, que mordiscava meus dedos

-- Esse seu cu é tão gostoso amor!

-- Enfia esses dedos na minha bunda George! Enfia...

-- Enfiei os dedos no cu de Yuri e fiquei metendo até ele soltar um peido de tanto prazer

-- Yuri! rsrs que podre!

-- George, do meu ânus só sai isso e...

-- Ai que nojo Yuri kkkkk

-- Enfia essa cara aí e cheira meu cu!

-- Eu não kkkkk

-- Enfia!

-- Tá bom você venceu kkkkk

Enfiei a cara no cu de Yuri e lambi seu ânus suculento e bem molhadinho. O cuzinho de Yuri parecia um morango bem azedinho e ao mesmo tempo bem gostoso. Fiquei quase uma hora só linguando o cuzinho de Yuri, que ficou de quatro, frango assado, agachado, de todas as posições. Depois ele lubrificou meu cu com um gel e me pôs de ladinho e começou a estocar em mim, nós transamos de ladinho, de quatro, frango assado, e cavalgada. Eu fudi o cu dele e ele fudeu o meu, ele até chegou a me segurar no ar enquanto eu calvagava sem parar na piroca dele. Yuri gozou no meu cu e eu soltei um peido e esguichou porra pra tudo enquanto é lado.

-- AAHH! Que transa mais gostosa! -- Falou Yuri em voz cansada

-- Nossa você me fudeu completamente, eu não vou nem conseguir sentar amanhã de tão assado que estou

-- É esse seu cu branquinho e azedinho George ok

-- Que implicância com minha bunda branca kkkkk

-- Implicância ? Eu amo esse cu!

-- Eu sou londrino, é lógico que seria branco ne kkkk

-- Isso pra mim não importa, esse rabo é o mais gostoso do planeta

-- O seu também meu deus nipônico! Reconheceria esse cuzinho rosinha moreninho até de olhos fechados. Ah uma coisa que sempre queria saber, porque vocês japoneses tem pelinhos no cu ?

-- Acho que é cultural, por que você não gosta ?

-- Eu adoro! Fica muito mais irresistível..

-- Já chupou tanto meu cu que sabe até quantas pregas ele tem kkkkk

-- Su cu é mi cu Yuri!

-- Que merda é essa ?

-- Ah para eu inventei isso agora kkkk

-- Então digo: Meu rabão é seu rabão George Robert Winchester

-- Todo meu heueheh

E assim sucedeu: Eu e Yuri após uns meses viajamos para o Brasil para conhecer o meu filho, e acabou que eu gostei tanto dele que decidimos ficar ali mesmo, em São Paulo. Não sabia falar uma palavra em português, mas a comunidade japonesa nos recebeu tão bem no bairro da Liberdade que fomos aprendendo tudo o que precisávamos. Yuri adorou o Brasil, sua relação com Jane e meu filho virou uma amizade muito forte, o marido de Jane era um militar brasileiro e teve que participar no combate aos protestos da ditadura militar que rolava no Brasil após a aplicação do AI-5. Meu filho aceitou Yuri como um segundo pai e era muito bonito a amizade que ambos tinham, não havia preconceito ou nada separando eles. Em 1986, com 45 anos, Philip teve Charles com sua mulher Alice e eu me tornei avô. Yuri voltou a ter leucemia pela segunda vez em 2000 e veio a falecer por conta da doença em 2004, sendo um anos anos mais difíceis da minha vida, se não, o ano mais horrível de todos. Meu filho e meu neto são tudo o que me restaram, e hoje, em 2020, posso falar que minha vida, por mais que vivi uma guerra, foi uma aventura inesquecível.

R.I.P George Robert Winchester

Causa da morte: COVID-19

EM MEMÓRIA DE UM AMOR ETERNO.


Este conto recebeu 8 estrelas.
Incentive Filhinho de Papai ( ͡° ͜ʖ ͡°) a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/02/2021 19:09:17
Oi! novo site gay (chat, cam), muitos homens. Junte-se a nós />
19/02/2021 08:32:31
A morte é uma passagem que ninguém 1ue vivenciar. amei a história de luta,sonhos e respeito entre o casal.
18/02/2021 23:09:35
AQUI LAMENTANDO A MORTE DE YURI.


contos eróticos faculdadecunhadinha dando de shortinho bem curtinho São Paulo com a cunhada Patrícia de mim gostosinhohistoria de avosexo com.soblinhasxvideos.20150690.comcontos eróticos flanelinha filme os seios e coxasmao boba na noiva pegando nos peito dela porno dentro do cinemamarciano novinhopeladoliloca faz ananl pa ter akele rabof****** a enteada da b***** bem raspadinhaMulher enfregrando a rola do jumento na bucetasono rabo daconhadaconto erotico gay com vizinho velho coroa grisalhocoroa rebolando igual cobra debaixo do maridomeu marido trouxe o seu amigo para nos chuparmos o seu cacete dotadovidios de porno da ply boiXvidios fudicu gueysVoltei arrombada e cheia de porra mostrei para o cornoconto erotico negao pintudo mulher ajudano velho mendingoquero ver um filme de pornô de um veado perdendo a virgindade do c****** pela primeira vez sendo bem judiadoprensada no colchão pornconto erótico sou professora e fui obgda a dar a bunda pro diretor para ñ ser despedidapesquizar pai e filha brncando nas ferias-pornodoidogostosas do atsapMagrela d quatro impinado o cuzinho pra se exibirfoto de mule gozanoMeu.priquoto coça contosWxvidio comedo di ciugordo tenta escapar do negão mais ele pega ela na pose frango assado faz grita XVídeosarregassano ocu dagostosaconto eeotico fimoseFamiliasacana queridi.ho da mamaeclubedosmaridoscornosdois viadinhos e uma mulher contos eroticosEmpilhando.mulheres para enfiar a rolazoofilia os mais pegadoresvidro porno loirinha estava no quarto quando escuta algo na sala e quando vai ver flaga seu padrasto careca se mesturbando www xidios comtos d casadas bebendo porraeu só vou te pedir uma parada mama de 4 com a buceta impinadacueca melada de porraprono doido morena predendo a gividade escadalocontos sexo anal concunhado concunhadaninfetinha fudeno egosano com iper dotaxocontoerotico eu namorada mae e tioconto erotico negao fecundandoxvideos mikinhas meninhas novascontos de incesto estava com medo da chuva e dormir com a mamãevideos di saia ma rua por baxocontos comendo minha vizinha negra bundudaeu qero asistir videos porno os caras do pau grande regaçado as mulheris e elas gritado sen aquetartiquinhos gy dando pro amigoContos incesto dei pro meu filho mesmo gravidaconto erotico bofinhocontos erotico vovô taradofoto.de.mulher.de.camizola.curtinha.aparecendo.a.buceta.contos de sexo no carro com um cara aiii metiii maisDhcs xvideos fotos imao come a bucetinha da irma na bricadeira acaba comendo a irma quero ve comto erotico de homem que chupa abucetinha da bebe virgem do beusoeu mostro a Deus e o Diabo que eu como esse comer aquikkkkpausudis a tocar a punheta a conduzirminha primeira gozadaa gostosa do rabao de shortinho enterrado deu mole pro novinho e ele nao perduolpirocas enormes pornodoido garganta profunda imensas que fazem um estragoContos Eróticos Skatistacontos de sexo na prai de mae e filio pauzudonegao a maior rola do mumdo fodendo eledesmaiourelatoeroticomorenasobrinha virando os olhinhos e g****** muito no pau do tiomorenas,magras,cabelos pretos,peitinhos videos sexfilezinha quatro fotos buceta babada tesao novinhanovinha com pouco pentelho contosContos gays /fui estrupado por2 na escola e a diretora flagoujojo todinho nuametendoincesto com meu vô contosxxx as calcinhas no sexto de ropa suja conto erotico opa suja da minha esposapornomuhe gozando com pau inorme decavalohistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulhercontos eroticos cachorrowww.xvideos- gay novinho lindinho lourinho gozando com penis gigante.comwww.meninosgay.dandocuestrupicio .pornoconto erotico huntergirls71corno chorão e covarde contos eroticoseu perdi a minha virgindade com ca ca pica de 40cmfudendo minha sogrinha e minha esposa me comendo gostoso contoVoltei para casa toda arregaçada e cheia de porrabolinei empe a faxineiraporno.tem.leite.no.peito.deixemamarjovens escravas na ilhavídeo pornô com palavrão tipo comer sua b***** f****** o c****** todinho te quero sabe dançar para mimcasadoscontosmeu filho pintudo conto