Deixando de ser o garotinho da mamãe, para virar o homem dela - Parte 3

Um conto erótico de Vini
Categoria: Heterossexual
Data: 24/01/2019 17:59:39

Eu achava que aquilo tinha sido a melhor coisa que já tinha me acontecido, mas estava enganado.

Após meu pai e o marido de minha tia voltarem ficou um pouco mais complicado dar em cima da mamãe. Mas eu estava louco de tesão por ela e iria dar um jeito de conseguir mais.

Passei o dia inteiro apenas esperando uma oportunidade para ficar a sós com minha mãe, infelizmente o dia estava chegando ao fim e eu não havia tido nenhuma oportunidade de fazer mamãe bater outra punheta para mim.

Um a um todos foram dormir, só restou eu e tia Joyce. Estava frustrado e a única coisa que queria era ir para o meu quarto e bater uma pensando na minha mãe.

- Então tia, acho que também vou dormir.

- Está bem Vini, eu te acompanho, preciso mesmo ter uma conversa com você.

Eu não tinha ideia sobre o que ela queria conversar comigo, mas fomos para o meu quarto mesmo assim.

- Vinícius me diz uma coisa, a quanto tempo vocês estão fazendo isso?

- Quem está fazendo o que tia?

- Não se faça de desentendido pra cima de mim garoto, eu sei muito bem que você e sua mãe estão tendo um caso. O que quero saber é a quanto tempo vocês transam?

- O quueeee vo, vo, você tá dididizendo tititiaaa, que loucura é essa?

- Para de gaguejar e fala logo a verdade, hoje de manhã você acha que eu não percebi que a camisola da sua mãe tava cheia de porra, era porra fresca então não podia ser do seu pai.

Eu tava encurralado, não havia mais como negar, o que ela faria quando eu contasse tudo sobre eu e mamãe. Ela contaria pro papai? Chantagearia mamãe? Eu não sabia o que iria acontecer, mas não tinha outra opção.

- Ok tia. Vou te contar tudo.

- Bom garoto, sabia que você não era tão burro assim.

- Tudo começou ontem quando mamãe pediu para que eu passasse protetor no corpo dela, eu fiz isso e também aproveitei para me esfregar nela, ela ficou espantada e me mandou ficar longe dela.

- Se foi realmente isso o que aconteceu, como você foi transar com ela hoje? Questionou minha tia.

- Bem primeiramente não transamos, o que rolou foi que hoje pela manhã ela me chamou para conversarmos e botar um ponto final nisso, mas as coisas não acontecerem como ela planejou e em um momento de excitação para ajudar a me aliviar, mamãe me bateu uma punheta e foi assim que a camisola dela ficou cheia de porra e o resto você já sabe.

- Digamos que eu acredite em você, mas isso não muda em nada que a Clara traiu meu irmão com o próprio filho, e não quero nem ver o que ele fará quando eu contar para ele.

- Por favor tia, não diga nada ao papai, ele vai me matar!!

- Pensasse nisso antes de começar a brincar com a sua mãe seu pervertido.

- Não conte e eu faço o que você quiser.

- O que um pirralho como você poderia me oferecer.

- Eu tenho umas economias e posso dar um jeito de conseguir mais com o meu pai.

- Vini porque você acha que eu iria querer seu dinheiro se eu sou casada com um homem rico, muito bobinho você querido kkk.

Nessa hora eu já não tinha mais nada a oferecer e só estava pensando nas consequências que meu desejo por mamãe traria para nossa família.

- Mas para falar a verdade tem algo que eu quero e você pode me dar.

- O que é tia? É só falar que eu faço qualquer coisa.

- Apesar do seu tio me dar muitas coisas, ele há um bom tempo não vem dando o mais importante para uma mulher, PRAZER.

- Você tá querendo dizer que o tio não anda te comendo e que você quer fazer sexo comigo?

- Exatamente, então você vai me dar um trato ou eu vou ter que contar para o seu pai o que você e sua mãe andam fazendo?

- É claro que eu aceito!!

Eu não estava acreditando no que estava prestes a acontecer. Além deu manter meu caso com mamãe em segredo, ainda iria comer a gostosa da minha tia.

Nunca tinha imaginado que teria um dia incrível assim, estava me sentindo o cara mais sortudo do mundo.

Tia Joyce começou a se despir, eu fiquei ali paralisado só admirando a beleza de uma das mulheres que eu mais desejei desde a minha infância e agora mesmo que fosse apenas por um momento seria minha.

Tia Joyce era uma mulher admirável, cabelos pretos e lisos contrastando com sua pele branca, olhes verdes, lábios rosados, peitos enormes e uma xaninha rosada e lisinha. Meu instrumento logo deu sinal de vida, eu não perdi tempo e tirei minha roupa também.

- Nossa garoto, que negócio grande você tem aí hein. Eu já tinha visto ele duro sobre a cueca, mas não imagina que fosse tão grande e grosso.

- Sua buceta é tão linda tia e seus peitos enormes, nossa você é tão gostosa.

- Então vem experimentar a titia vem seu safado.

Ao ouvir isso não resisti e dei um beijo bem molhado e apaixonado em minha tia, ela correspondeu ao beijo e nossas línguas se entrelaçavam calorosamente enquanto com as mãos eu acariciava a bunda de minha tia.

Mas o tesão era tanto que não aguentei ficar só naquilo, queria mais. Então interrompi o beijo para poder me dedicar a chupar aqueles peitos maravilhosos. Comecei dando lambidas nos mamilos que estavam rijidos, relevando a excitação de tia Joyce, entre uma lambida e outra ela dava uns gemidos baixos e então avancei mais um pouco e enchi a boca com aquelas tetas enormes.

- Comecei a acariciar a outra mama e também a bucetinha dela, que já estava ensopada, sentindo isso não me controlei e comecei a dedar lá embaixo.

- Aí, aí, aí que gostoso seu safado. Contínua assim que a titia tá adorando.

- Tá gostando né sua putinha, quer a minha língua na sua meninha quer, diz pra mim cachorra.

- Eu quero, quero muito você chupando a minha meninha.

Então fui descendo até chegar onde queria, comecei chupando o clitóris e fiquei ali no sininho de minha tia alguns minutos, alternando com lambidas nos lábios vaginais.

Percebendo que ela iria gozar, comecei a enfiar a língua dentro de sua buceta (eu era muito inexperiente, achava que quanto mais rápido e fundo fazia os movimentos com a língua, mais dava prazer a uma mulher, agora sei que o importante é ter pratica e conhecer os pontos da vagina que mais dão prazer a mulher e que isso vária de mulher para mulher) mas com minha tia funcionou e ela teve um orgasmo muito intenso e senti ela ficar toda mole e desabar na minha cama.

- Nossa Vini a tanto tempo que eu não tinha um orgasmo desses, nem na época que seu tio ainda me procurava nunca tive um desses. Acho que agora é sua vez.

Então ela ainda recuperando as forças ficou de quatro na cama, segurou meu mastro e começou a dar beijinhos na cabeça que já estava babando de tesão por aquela boca gulosa. Tia Joyce não brincava em serviço e foi descendo com a língua por toda a extensão do meu pau, até chegar no meu saco e começar a chupar minhas bolas.

Eu estava delirando com tudo aquilo, se sentir a mão de mamãe já tinha sido bom, imagina a boca de titia. Ela se dividiu entre chupar o saco e lamber a cabeça por um tempo só para me provocar.

- Tá gostando?

- Tô sim.

- Quer que eu engula ele todo?

- Sim, por favor tia eu já tô quase explodindo!!

- Então implora pra titia safada te mamar todinho, implora querido que eu quero ouvir.

- Tá bom, eu imploro tia, eu imploroooo, mais por favor vai logo que eu não vou aguentar por muito mais tempo.

- Segura aí, porque agora tá ficando bom pra mim também.

Ela então finalmente engoliu todo o meu cacete, nem acreditava que aquela boca maravilhosa tinha conseguido cobrir todo o meu mastro. Ela estava realmente faminta por uma rola, pois parecia uma bezerrinha mamando no meu pau.

Eu tava com tanto tesão e ela me provocava ao me olhar fixamente com aqueles olhinhos verdes e uma cara de safada enquanto mamava no pau do próprio sobrinho. E quando ela ficou com o meu pau enfiado no fundo da sua garganta, eu não resisti e gozei bem fundo na boca de minha tia, forcei a cabeça dela ainda mais no meu cacete, com receio de que ela o tirasse da boca na melhor parte, mas para minha surpresa ela não resistiu, parecia querer aquilo também.

Depois de algumas jatadas fortes senti meu mastro amolecer dentro da boca dela e ela o retirou e engoliu toda minha porra. Ficamos abraçados ali por um tempo até que meu amiguinho começou a ficar duro de novo, tia Joyce percendo isso não perdeu tempo.

- Humm, se recuperou rápido hein, seu tio depois de um boquete desses já taria dormindo, mas vamos ao que interessa porque eu não aguento mais de tesão, quero seu pau dentro de mim agora mesmo.

Sem dizer mais nada ela montou em cima de mim, encaixou meu pau em sua buceta e começou a cavalgar loucamente. Estavamos tão concentrados no sexo gostoso que estavamos fazendo que nem ouvimos as batidas na porta. Até que de repente a porta se abre, quando caímos em si e olhamos para ver quem era, nos deparamos com mamãe parada em frente a porta com um semblante de espanto. Tia Joyce tratou de sair de cima de mim e tentar cobrir suas partes íntimas com o lençol.

- Mas que porra é essa que tá acontecendo aqui!!!

- Calma Clara eu posso explicar.

- Você sai daqui sua puta, que depois eu converso com você.

- Você se acha melhor do que eu mais está fazendo a mesma coisa.

- Dá o fora daqui ou quer que eu te arraste pelos cabelos até o seu marido, Joyce?

- Estou indo.

Assim tia Joyce se vestiu e foi para o seu quarto, enquanto eu me vesti e fiquei esperando para ver o que mamãe faria comigo.

- E você mocinho amanhã mesmo nós vamos embora daqui e quando chegar em casa eu penso em um castigo para você.

- Tá bom mãe, me desculpe.

- Ah, e só mais uma coisa, até amanhecer e nós irmos embora eu que te apanhe fazendo sexo com a sua tia ou qualquer outra mulher que você vai ver o que te acontece.

Mamãe parecia realmente furiosa, pelo modo que ela bateu a porta do quarto ao sair. Eu estava em choque, pelo que havia rolado com tia Joyce e também pelo que me aguardava quando chegasse em casa. Mas entre tantos receios havia uma dúvida em minha cabeça. Haveria mamãe dito tudo aquilo como uma mãe enfurecida ou como uma mulher enciumada.


Este conto recebeu 3 estrelas.
Incentive Vini140 a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
12/09/2019 16:37:48
Adorei
09/02/2019 09:26:56
Delícia de conto. Votado nota 10. Leia a minha série de contos também: EU, MINHA ESPOSA E MEU AMIGO DA ADOLESCÊNCIA.
01/02/2019 11:23:10
Além de excitante, está também divertida esta série. Um garoto com os hormônios à toda, todo taradinho, tendo mãe e tia no cio por perto. Rs. A tia foi mais decidida e levou a melhor. Para a mãe restou a indignação. Este foi sem dúvida o melhor capítulo da série até aqui. Beijos.
31/01/2019 17:05:49
Cada vez mais show esta série, Vini. Imagino o que tua mãe deve ter sentido, depois de superar seus tabus para ir te agradando e ver a Joyce pegar tudo de mão beijada. Rs. Fico imaginando que tipo de castigo ela vai te aplicar. Bjs, Val.
31/01/2019 01:21:06
Excelente!!!
27/01/2019 11:37:18
Nossa, que tesão! Achei excitante esta história, tanto que me deixou toda molhada. Essa transa com a tia e é claro que a mamãe, ao pegar no flagra, ficou enciumada. Não demore a postar a continuação. Série 10, preciso falar mais? Um beijo!
27/01/2019 09:03:08
Espero logo a continuação
25/01/2019 11:16:51
Ótimo conto, estarei esperando pela continuação e,espero que poste ainda hoje
25/01/2019 05:17:17
Excelente novamente
24/01/2019 21:57:37
Delícia adoro !!!

Listas em que este conto está presente



tezãozinho fodendoconto matuto chipadorO filme corno manso de verdade existir pornovideo porno de morena com blusa laranhadaentiada chamou atenção de shortinho Jens atolado acabou levano rola no cu xvidioshistorias eroticas perdi minha virgindade anal e vaginalcontos estuprei a obreira da igrejaprive historias eroticas de gays transando com cabeleleirosxvideos encinando a sobrinha a dirigir sentou no colinho ai ja eraprica cavalabuceta de carla visgando xvideosporno contos morando na casa do sogro bravofranco e belinha zoofiliacarsa da cota fiada na busetacontos eroticos putinhas oferecidascontos e videos casada cavala fudendo com dois negaoContos gays passeando de carro vestida de crossdressXxvido forçandapai nua finha venha cu e conacontos eróticos engravideifilha minha femea contogaleguinha filha de papai metendo com a pica no tabaco bonitinha gostosinhameche gostozo estou gozado dentroxvideos.com duas amiga comeca se acaricar depois as duas tao com tesao e cair nas xupadas gostosasmeu subrinho comeu a bunda da minha esposacorno no swingnovinha cor de briga briga de lutinha de calcinhaesgichada de gala da bucetasexoalvescasa dos contos primeira siririca/texto/201008250gay chupando no rancho de pescarianovinfa da buceta grande carnudascontos eróticos técnica de enfermagem pegando carona com colegawww.xvideo penis realístico 18x4esposa se acanha com punheta corno sexocontos picantes limão com irmão depois de 50 anos de idade eróticovovo sonda a neta no banheiro e fode sua buceta a forca sem ela querer pornocontoseroticos de uma freiragta faz sexed putaria sessaover ponei cobrindo poninhamorena jambo fio dental de brucos na cqmaviajando de ônibus transei com homem vídeo contos eróticosputa sozinha em casa dedilhando o grelinho e o gozo saido da bucetinhabucetas depiladascasos amad entea nua banh fas gosa ponh casa favela cariocaseio exitadoConto de incesto de ferias com meu pai na prai de nudismoConto erotico minha esposa ruiva 8foi tirar foto e acabou impolgando pornojovens escravas na ilhamenina lavando roupa bem gostozinha pozisao gostozameu maridinho me deixou fuder na madrugadafoto.subrinha.dorme.shot.pai alisa bunda da..netaMansinho shortinho atolado bunda corno conto"cheiro de cu de macho"video de sexo ardente enxamas boa fodavídeo de mulher vídeo de mulher grande e bonito botou no abrigo da calça do homem botando o pênis pequeno dentro para fora e masturbando até gozarContos leitinho nelacontos porno cabelos da buceta chegaram a enrolaesfregou e gosou na xeca da amiga uhhhmma feminina fudencasa dos conto pornocontos de sacanagemvirei putinha do titio cassetudoconto gay soqueicontos eroticos dei para um vizinho de iptingaXvideo realisei minha vondade de der dois paus sopramim um infiado no e outro na buceta trai meu marido vou contar como foixsvideo Historias e relatos reais esposa pega marido dando o cu pro negraocontos eroticos menina bobinhacontos eróticos de incesto mamae muito carente dengosaporno olhei peguei chupeiconto porno minha mulher foi ao cabeleireiro depilar a buceta e o cuconto erotico de esposa que so anda de micro saiaMostrar video de rapazes fazendo uma surubs gostosa com a novinha linda rapazes gosando muito e gostoso eles sentindo prazer um com o outro comendo a boyzinha e depois pegando no pau um do outro em xvideoConto erotico sou madura e consolo lesbicagarota q foi fudida no fundo d casa por um cachorro pastor alemaoxividio pai comendo a filha na mesa com os ospedesassustada acaba mijando os golinho d tesao xvidiomae ajuda filho a se masturbar contoFiquei toda arregaçada com o pedreirocasa do contos eróticos negão tirando as pregas do c* das viúvasvideo de sexo e porno comendo mulheres escodido porbaxo do vestidoxvideo pau pesado na sunga marcado direitinholoirinhas da minha região, estou doidinho para acabar com seu sufrimento sexualeu, minha namorada, mae e tio contoeroticogelo na bucetaOs garotos me comeram contocontos eróticos loba adoro inversãohistorias de mulheres que foram emcoxadas e deram o cu no metro