COMENDO A CRENTE CASADA

Um conto erótico de Lindo Bh
Categoria: Heterossexual
Data: 02/12/2015 22:18:36
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual, Casada

Aa33aa99973aa1534aa

Certo dia, estava eu em casa num domingo a tarde, apás uma longa briga com minha namorada, voltei p casa decidido em meter uma galha na cabeça dela.

Estava injuriado da vida e deitado na rede na varanda de casa imaginando minhas amigas que minha namorada odiava e pensando em qual delas eu iria meter a lábia p poder esfregar na cara de minha namorada. De repente ouço baterem palmas no portão, eram duas moças, uma mais linda que a outra.

Fui até elas e perguntei no que poderia ser útil p elas, e começaram a me evangelizar. Uma das crentes era casada, porém era impossível deixar de notar o belo par de seios que ela sustentava, sem falar da bundona e do belo par de pernas que ela tinha.

Prolonguei a conversa a fim de ficar secando aquelas tetas pelo maior tempo possível, foi quando as convidei p entrar e continuar a prosa na varanda. P minha surpresa, a outra crente disse que seguiria evangelizando e que esperaria a amiga no final da rua.

A crente casada entrou, foi na minha frente e rebolando aquele rabão gostoso. Sá de lembrar meu cacete já sobe. Ofereci um suco p ela, enquanto eu fui buscar, lembrei de um tesão de vaca que meu irmão tinha no guarda roupas. Coloquei um pouquinho no suco dela e entreguei, não achei que aquilo fosse fazer efeito.

Com o Fluir da prosa, eu toquei no assunto “sexo na igreja”. Ela sentiu-se envergonhada mas logo estava no papo. Inventei uma histária que o pastor havia me reprimido por eu ter andado ao lado de uma jovem fiel e pedi que ela levantasse p que eu pudesse demonstrar como foi. Ela não queria, mas consegui convencê-la. Quando ela ficou de pé, eu fiquei atrás dela e dei uma encoxada nela. Ela pulo na frente e alegou ser casada e fiel, eu disse que apenas estava demonstrando e a encoxei novamente, ela com a guarda já baixa, deixou e eu comecei a falar palavras sacanas no ouvido dela e ela se arrepiou, era o sinal. Não sei se a substância tava fazendo efeito ou se minha senvergonhice era mais forte, sei que eu beijei a nuca dela e ela respirava ofegante disse que não trairia o marido dela. Eu disse que ele não precisava ficar sabendo e que Deus a perdoaria, afinal se ela estava começando a se entregar é por que o marido dela não estava mais fazendo as coisas como deveria, e nessa hora passei a mão nos seios dela. Ela segurou minha mão apertando contra os seios dela. Já era, ela tava na minha.

Me passei p a frente dela e beijei sua boca, comecei a despi-la e beijá-la fervorosamente. Quando ela estava sá de calcinha e sutiã eu a levei p o quarto e a coloquei na cama. Era uma cena linda, aquele mulherão com langerie vermelhinha e pequenininha, nem parecia a mulher fiel e evangélica de 19 minutos atrás.

Tirei sua calcinha e comecei a chupar sua bucetinha careca. Ela se contorcia e empurrava minha cabeça contra a buceta p eu chupar mais, cheguei a ficar sem ar. Depois me passei a mamar nos peitão gostoso dela! Ela pedia sempre mais e eu não poderia deixá-la passar necessidades, pois realmente o marido não era mais o mesmo com ela. Ela implorou que eu a comece e de quatro comecei a meter na bucetinha quente dela. Comecei levemente e fui aumentando a intensidade. Você não imagina o quanto eu fui a loucura vendo-me pelo espelho fuder aquela crente de quatro, sentir a buceta quente e delirar vendo os peitão balançando.

Botei ela por cima de mim e a parada ficou mais gostosa ainda. Eu nunca tinha trepado com uma mulher que rebolasse tanto em cima dum cacete. Depois de muita cavalgada dela, fiquei de pé, ela de joelhos e ela pagou-me um boquete caprichado. Daqueles que o pau vai no fundo da garganta dela, bem diferente do boquete mirrado de minha namorada que ela sempre cortava meu cacete no dente. Falei p a crentezinha que com um boquete desses logo gozaria, e não demorou mesmo, foi tudo na garganta da beata, ela engasgou-se e acabou engulindo tudinho. Mesmo depois da Gozada a botei de quatro e a fiz gozar também, aquilo era o paraíso p mim, não queria sair de cima dela de jeito nenhum. Foi quando avistei o tobinha rosado dela e quando botei a cabecinha ela disse que não, que ali era proibido pela religião dela.

Eu perguntei se ela já tinha tentado e ela disse que não, então disse a ela que ela não pode fazer julgamento de algo que ela nunca experimentou e então ela pediu cuidado. Fui cauteloso mesmo, adoro um cuzinho. Depois que já tava tudo dentro e ela não sentia mais dores, botei p fuder mesmo acabei gozando denovo dentro do cuzinho dela! Caí de lado cansado e ela do meu lado.

Desde esse dia p cá, todo domingo ela sai de casa p assistir o culto, mas a gente vai é p um motel p o “cú torar.” O Marido corno nunca percebeu e nem minha namorada chata e assim seguimos nos deliciando.

A33a99973a1534aa


Este conto recebeu 3 estrelas.
Incentive Lindo BH a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
03/12/2015 09:01:35
Muito louco adoro o proibido principalmente mulher casadas e evangélicas se TV alguma lendo esse conto por curiosidade entre em contato não importa a idade tenho 50 anos sou casado a 30 com a mesma mulher estou desempregado e tenho tempo durante o dia só peço sigilo absoluto pós minha mulher não sabe deste meu lado perdido por mulheres casadas e evangélicas entre em contato pode ser gorda magra sem ppreconceito de raça estou aguardando moro proximo de Santana são Paulo SP passa wtsap queandarei fotos bjs a todas evangélicas mal amadas a vida não é só rezar temos que goza para realajar bjs.


comi a puta do meu tio a forca contoxxxvidio vidio mães pende pra lhe fuder ao.filhoschupando buseta labefo pasda mso bocsGay gmios xvitioscontos eiroticos leilapornxvideos mulheres gostozas com u dedo na buseta e jenmendo autoquem e voce pra deıtar na mınha camacontos eroticos adora q outros oisam suas transasxvideos com mulheres vestidas de baby dollcutucando buceta de cadela com dedo zoofiliacontos de safadeza um andarilho fudeu minha mulherSacaniha reboado nos pauzaopintudo deixou a titia toda arrebentadaXvidecarneBc contos/cunhadasafadapornodoido.comcom minha prima e minhairmãVoltei para casa toda arregaçada e cheia de porraconto "duas virgens" enteadacorno.levando chifre na sua carAcontoshomens de porrete duro Xvideosconto gay barraca armadaenconxando ela de frente pegando buceta delaContos eróticos procurando aventura no clube de campoxvideos 2 min. transando coladinhos gozando muito escorrendo gozoxvideosdificil pra bc lukamulheres gostosa com binco no peito vidio de novinha bricano de saia curta com a molecadacarnegão é só de calcinha mostrando a b*****so menina dabuceta lizinhaa fazedo sexomeninos novinhos tomano banho de cueca branca ver canto erotico em tramandai rsnada brincando com o pau do cunhado excluída do marido pornôxvídeos minha sogra me tranca no banheiro e agarra no meu pau bem gostosomeninas buceta enfregão so de fiocontospornoifreiada do carro picao entrou xvideosfilha puta aretando o pai saia curta sem calcinhacontos comi um viado sumissocasada traindo conto eroticocomeram minha buceta no carnavalcolc mao buceta obesa pornowww xvidios gay avatajadobuceta dq mulher esgacada ganhanfo brbeconto porno apaixonado pelo meu primo brutamontesfudendo francy vestidinhopan perdendo avingidade com tranksvideos mulher dorme homem pintudo metendo nela de conchinhacasa dos contos/turbo negrovidro porno loirinha estava no quarto quando escuta algo na sala e quando vai ver flaga seu padrasto careca se mesturbando meu cachorro lambe minha caucinha nas minnha coxasminha mulher me fez de mulhezinhaconto cumendo irmao de pau cabecudo irma. virgemmeninas de baby doll fazendo sexo anal e oral e babando no pauconto gay minha tia me transformou em sua empregadinhaconto esposa faz ménage a força com roludocontos erotico minha mae insistiu eu fazer nudismoGosada bem dentro do cu do primofodas narradas grannyContos gays cherei a cueca do meu padrásto coroa policial ele flagrou e.www.pornôdoido.com forçada na delegacia Conto erotico fui cagar na moitasendo lascada por maquina do caralhiscomocomia a minha tiasem ela saber- Casa dosContosmullheres pelafasTio arroba o cu da sobrinha conto eróticoscarente abraçadinha no sexo pornorairodigoNegrao fundeno com outro negraowww.xxvideo menina colegial mae calvolgandovirei puta do meu irmãoler conto erotico meu delegadowattpad ele seguro na minha cintura com força empurrava seu pau grosso na minha busetacontospono aprimiravezVelinhas gozanocontoswww.eroticos na festahomens balancando as bolas pornose masturbando enguando o marido dormexvidioau muito comprido emtra tasgando tudo so beroxvideos mulher gpstosa por baixo da saia gg kktrasando duas irma telmavideo porno travestis brasileiros dano cu gritano tira do meu cu cuTenho fetiche de beijar os pés da minha namorada quando ela está usando rasteirinhassó a cabecinha conto eróticonao resistiu ao corpo lindo da cunhada cinquentona gostosaxvidiocomendo.a novinha sem tirar o chorte