Beijei minha melhor amiga e acabei indo mais alem

Um conto erótico de Danu
Categoria: Homossexual
Data: 31/08/2004 13:19:05

Vou dar uma breve descrição minha, 16 anos, cabelos castanhos, pele clara, busto medio, bundinha media e redondinha barriguinha modelada.Bem, certo dia minha melhor amiga Alisse, ela eh linda, 15 aninhos, vai fazer 16 em dezembro... cabelos pretos e longos, pele clara, olhos azuis,peitinhos medis, mais redondinhos e completamente firmes, bundinha penquena mas dredondinha e gorduxinha, eh a garota mas cobiçada docolegio, seu rosto, eh de uma anjinha maravilhosa, estava lah em casa, estavamos na minha came, um pouco maior do que a normal, uma meia casal, como de habito assitindo televisao. bem vcs sabem que garotas vivem de mao dada e tudo mais, estavbamos bem juntinha jah que estava um tanto frio. eu estava de calça jens e uma blusinha vermelha meio larga, ela com uma blusnha branca justinha com o umbiguinho de fora, ofilme que viamos era muito chato, e mais ou menos na metade do filme, ela virou se rosto pra mim e dissetah frio neh? respondi afirmativamente coim a cabeça, e ela pegou na minha maos e colocou na sua barriguinha, olhe, esta geladinha, eu achei aquilo natural, pois sempre fomos assim, alis quase toda garota eh assim. mas nossos rostos estavam mto proximos, e qando ergui a cabeça e tirei os olhos de sua barriga nossos narises se tocaram. alias esqueci desse detalhe, alisse tem um narizinho pequenininho, lindinho, perfeito.m neste toque ficamos um tempo paradas. foi estranho, eu senti sua pele na minha, tao perto, entao rolou, inespicavelmente nossos labios se tocaram fechei os olhos e a bejei, um beijo de lingua, profundo, quente. pela primeira vez senti aquilo, um labio feminino, delicadissimo, tocando nos meus labios, aquele cheirinho de menina, aquele perfume delicado. ficamos nessa, durante pelo menos cinco minutos. pode parecer estranho, mas foi... foi o melhor beijo que jah tinha dado. eu afastei meu rostodo dela.fiqueim olhando em seus olhos entao ela disse.. desculpe, eu... mas eu a enterrompi. nao eu eh que pesso desculpas eu nao devia ter feito isso. entao ela sem diser mais nada, levantou da cama disse que precisava ir para casa, e foi embora, conduzi ateha porta e ela se foi. o dia passou e eu nao parei de pensar naquilo, deitei na cama e dormi. no dia seguinte sexta feira, estava combinado de que eu dormiria em sua casa. estava preocupada com isso. mas como sempre fazia, peguei meu pijaminha de ceda, veremelho, camisa apertadiha de manga durta e rendinha e um shortinho quase calcinha pois soh vai ateh a virilha, coloquei na mala, escovas de dentes. e fui para o colegio depois de toarmo cafe da manha que minha mae fez.chegando no colegio demos oi como se nada trivesse acontecido, assitimos a aula entao fomos ateh sua casa, sua mae fora nos buscar no dia.fomos ateh sua casa, e fizemos oq sempre fazemos, rimos conversamos lanchamos, como se nada tivesse aontecido.. estava ficando aliviada, pois achei que aquilo na havia passado de um sustro. mas estava enganada, na hora de dormir, fui no banheiro e me troquei. pensei que meu pijaminha fosse muito sensual para a ocasiao onde eu queria apagar o acontecido, pois alem de curtinho era justinho e minha calcinha preta aparecia claramente pois o pijaminha era quase transparente. mas me enganei novamente o dela era muito mais. Era quase igual ao meu, mas era um pouco mais transparte e tão justo que eu podia ver facilmente a marca da sua xaninha. quando entrei no quarto me depparei com ela deitada na cama, com aquele pijaminha, de pernas abertas. era uma enorme cama de casal, deitei ao seu lado para conversarmos. mas nao saiu nada de minha boca, e ficamos ali trocando olhares, entao ela falou. acho que nao da mais pra resistir neh? eu sem pensar concordei e a beijei, ficamos nos beijando mais uma vez, mas agora seus seios tocaram osmeus, que sensação mais fogosa, aquelas tetinhas endurecidas tocando meus seios. entao suas maos me afastaram e ela acariciou meu sei, colocando sua mao por baixo de minha blusinha, entao ela apertou meus biquinhos e chupou meu pescosso eu estava indo ao delirio, mas ela correndo levantou da cama e trancou a porta. e mais seguro ela disse. entao levantei deitei ela na cama, entao falei...vc ehvirgem nao eh? ela respondeu que sim. entao eu disse. deixe que eu conduzo. eu me aprximei de seus pes e comessei a chupar seus dedinhos limpinhos e cheirososm fui subindo, e esfregando meu rosto em sua perna, uma pele delicada e sencivel, uma pele feminina, fui lambendo e beijando suas enormes coxas. ateh chegar a sua virilha. lah eu dei uma fungada na sua xana umas narzadinhas. entao eu subi e fui erguendo sua blusinha, erguendo ateh tirar. deci novamente ateh seus seios firmes e modeladinhos, dei um belo chupão no meio deles, entao a Li deu um gemidinho eu dei umas leves chupadinhas em seus biquinhos e umas apertadinhas, beijos e tudo mais..ela segurava firme minha cabeça contra seu corpo, entao fui decendo mais uma vez, e deci seu shortinho ateh sua canela. sua calcinha era rosa bem clarinha, de rendinhas, eu pasei o dedo em seu vetre e deci ateh o meiode suas pernas, e me molhei inteira quando pela primaira vez senti aquele pequeno voluminho na calcinha dela, seu grelinho gorduchinho...meu deus meu gozo estava quase escorrendo de tesao pelas minhas pernas. comesseii a afofar aquele gordinho, e ela a gemer, jah sentia meus dedos umidos pois sua xana comessava a deixar escorrer seu gozo, e que quentinho era. entao eu coloquei minha mao por dentro de sua calcinha e toquei umam siririca pra ela, fique sabendo depois que era sua primeira siririca. . tirei entao sua calcinha e com minha linguinha chupei e lambi.sentia um xana em meu rosto, que loucura, enuqnato isso eu escutava os gemido da Li era muito fininhos...lindos, entao deitei sobre ela e comesei a beijala, nos agarramos um monte, entao ela finalmente tirou minha blusinha chupou meus seuios, e deceu ateh minhas pernas, e moreu a regiao da minha xana dom muita leveza, eu me desesperei fiquei muito exitda entao ela abaixou meu shhrotinho puxou para po lado a parte da calcinha que cobre minha xana, enfiou seu dedinho indicador, comessou a remexer como se eu tivesse algo escondido ali, eu gemia de levinho mas entao ela enfiou a boca ali e varios dedos me levando a loucura, nao sei calcular por quanto tempo ficamos nesse troca troca. eu sei que pra finalizar ela mevirou de costas fez uma massagem e ao chegar na bunda(eu aindsa estava de calcinha) enfiou sua mao dentro dela e foi com um unico dedinho no meu cusinho, eu perdi o foolego, me deu um friosinho na barriga entao elah foi enfiando cada vez mais e mais entao comessou a mexer rapidamente, eu me extiei muito e com a outra mao ela enfiou 4 dedos na minha xana e me masturbou em dobro, eu sei um leve gritinho..entao ela tirou..eu s=estava..suando.ela pediu para eu fazer o mesmo com ela.. ela sem calcinha ficou de quatro. aquela bundiha perfeitinha virada para mim, abri de leve suas nadegas e atraquei meu dedo em seu cuzinho... remexi muito meu dedo lah, aentao nao aguentei enfiei a boca e metiateh a lingua, eh nojento mas eu fiz.. ela deu um gemido entao eu meti a lingua tb em sua xana e a fiz ter um super orgasmo... pois fiquei mexendo com meus dedos e lamendo io interiorde sua vagina.. estavamos exaustas, tomamos uma ducha nos vestimos e dormimos agarradinhas, nossas pernas e seios entrelassados. demos um beijo de boa noite e dormimos assimn, eu completamente fundida aquele corpo feminino que se encasixava tao bem com o meu. no dia seguinte quando acordei, estava deitada de barriga pra cima, e Li estava com uma cabeça em um de meus seios e uma mao no outro , fiquei acariciando seus lisos cabelos. foi entap que sua mae entrou e nos flagrou(haviamos destrancado a porta) Li acordou e levantou assustada, mas sua mae a tranquilizou dizendo que soh queria a sua felicidade e que nao ligava para isso. beijou-lhe a testa e implorou para nao contar nada ao seu pai pois ele era violento quando coisas que ele desaprova para sua familia estivesse acontecendo.fomos tomar cafe. estamos completamente apaixonadas, mas ainda nao resolvemos assumir compromisso. embrevem quem sabe. bom espero que tenham gostado. votem no meu conto e vejam o com fotos bjos

E-mail=


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
02/06/2010 18:36:16
Reli novamente esse conto, fiquei excitadíssimo e de páu duro! eu não relatei isso no meu primeiro comentário, me fez lembrar uma vez, na volta de uma viagem de trabalho junto com um amigo e colega, rapaz muito bonitinho, do tipo sem pelos no corpo, pele dourada ele é meio loiro, 1,75 de altura corpo bem feito pernas bem torneadas e uma bundão lindo! para não alongar, paramos num restaurante motel para comer, como estavamos muito cansados, tive a idéia de ir-mos para uma das suites para tomar banho, comer, descançar, dormir e continuar viagem no dia seguinte. Confesso, que eu já a tempos sentia tesão por ele, tinha a maior vontade de comer sua bunda! aquele clima da suite, o calor e tudo mais, me deu um tesão louco, cmeçei a tirar a roupa, sapatos, camisa, calças, meu páu já estava a ponto de "bala" ele é grande 22,5 Xuns 7 mais/menos e uma cabeçona! quando abaixei a sunga, ele pulou pra cima, o rapaz ficou olhando fixamente po meu páu e comentou, pensei que o meu páu era grande, mas o teu! eu ri não disse nada e fui pra banheira, já estava todo ensaboado quando ele apareceu na porta, eu disse, vem ca, vem também tomar banho, a água está uma delícia! ai ele começou a tirar a roupa, e quando tirou sua sunga, vi que seu páu era também grande e grosso! e estava também em ponto de "bala" ele entrou na banheira e ficamos numa brincadeirinha de medir os páus, pusemos os dois juntos, a grossura e a cabeça, eram praticamente iguais eu só ganhava no comprimento, uns dois cm. maior! ele já estava todo ensaboado quando eu passeia a mão no bundão dele e disse,porra, você tem uma bela de uma bunda e ri, ele disse que eu também tinha uma bunda gostosa, e nessa brincadeira, fui passando a mão em sua bunda, ele quieto, fui com o dedo do meio, o mais compridinho, até seu cusinho, e começei a rodar o dedo, percebi que ele estava gostando, empurrei ele de leve contra uma muretinha baixa, fiz ele dobrar o corpo, abri sua bunda, coloquei a cabeça do meu páu bem no olhinho de seu cu, peguei ele com as duas mãos pelas virilhas e puchei com tudo! ele gritou de dor, o páu entro até a metade, recuei um pouquinho e chamei até o saco! e fui num vai vem, bombando, bombando ate´que enchi seu cu de porra! tirei o páu, estava sujo de sangue, ele disse, "porra! você me arrebentou!" o páu dele dava pulinhos de tesão, lavei meu páu, ele lavou sua bunda que já não sangrava mais, e disse, agora é a minha vez! me dobou na muretinha, também abriu minha bunda, pos a cabeça de seu páu bem no olhinho do meu cu, e também me puchou com tudo! foi uma dor dilacerante, parecia que meu cuzinho estava sendo rasgado, mas depois que entrou, e começou o vai vem, confesso! que delícia um páu no cu! da um tesão louco! ele também bombou, bombou até que senti os primeiros jatos de porra quente invadindo meu cu, que delícia de sensação! e foi isso meus amigos! gostaram desse mini conto? abraços.
02/06/2010 14:29:40
Lindo conto, me fez gozar...
23/02/2010 11:33:02
Apesar dos erros ortográficos, o conto é bom! Me deixou de páu duro! Eu já ando a uns tempos com uma vontade louca de comer um cuzinho!
21/11/2009 02:11:18
adorei muito mi add no msn quem sabe podemos tonar isso melhor a tres vcs são muito fofas adorei mesmo meu msn : lembrado que so para as garotas
19/09/2009 09:52:49
d+ linda so melhore a ortografia bjsss
06/12/2008 21:15:39
Que bom!!! Amei vosso conto!!! Também queria estar bem juntinho de uma menina. Pena não ter coragem para admiti-lo. Espero que tenha dado tudo certo com vocês e que estejam felizes. Beijos PS. Realmente precisa melhorar sua escrita, pois há partes que custa perceber. =.)
30/09/2006 13:04:04
ahhh... Que lindinha vcs.. amei o conto.. eu tbm quero uma namorada =[ mais minha mãe~não aceita e nem ng d família.. elas nem sabem que curto, mais bm queria uma mãe feito a sua viu gatinha! beijos!
baresi88
07/09/2005 17:21:35
muito docinhas vocês, mas bem que podias escrever melhor.
Anônimo
21/11/2004 11:23:32
Tão bonitinha a Danu. Tão burrinha a Danu!!!!
Luana
02/09/2004 07:41:08
Melhor você fuder menos sua "amiguinha-amante" e estudar mais gramática e ortografia! Que horrivel!!!!!
ALLO
31/08/2004 22:28:09
TAR É P/ FUDER EM. MELHOR ESTAR.
ALLO
31/08/2004 22:04:35
COMO QUERIA TAR NO MEIO DE VOCES.NOTA 9 PARABENS PELO CONTO.


coroas gostam de ficar peladas e meladas de margarina no cu e na buseta todaxxvideo encostada maliciosadepiladora pega cliente com pau enormegordinha que dá de bruço com a b***** depiladinha gêmeasvideos de zoofilia mulher tarada por um jumento desmarcadovelhas loucas do hospício dando o cu gostosoxvideos rolas chapuletadasputinho brasilero gemendo muinto dando cuzinho pro novinho na sua primera vezcoroas grisalhos que come a bunda de homens em campos dos goitacazesmeu filho adora analcontos eiroticos leilapornconto novinha banho amiguinhatio negro de 40cm de pau no cu da intiadaliberei de tensão xvideoscontos eiroticos leilapornesposa sendo enrrabada por dois garçons no banheiro da churrascariaencoxado no ônibuscontos eiroticos leilapornnegas bomtudasvídeo caseiro esposa transando com boneco que tem o pênis da grossura de uma Coca com garrafa de coca-colaconto erotico gay de hetero garanhao a femea do negaoprica cavalaporno. foder a irmãzinha rabugenta a força. brasilmeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticosprovocando o cunhado contos eroticoscontos gay viadinho aproveitando do molequepai tirando o seu estrez fodendo a buceta da filha menor virgmulher dando pa o dog esitadoesposa fica brava amate gosa dentro xvidiocontos porno estupro submissão esposascolecao lambendo a cabecinha gozada na boca pornodoidoquero ver a xoxotinha da minha irmã de Lurdinhaengenheiro praia de nudismo relato eroticofudendo com marinestefilmes porno gratis de incestos de coroas iperdotados comendo filhas e netaspegando a novinha loirinha cabasinha de bariga pra baixofudendo ela engrenadawww.casadoscontoseroticos/tema/por que eu te amo amarreicontos eroticos malv comendo as interesseiradançarino de funk transando de frango assadoboquete inesperadomuitei em cima da minha espoza na cama vidio pornodownload xvideos contos eroticos gozei na minha primaxvideos macho de calcinha sendo enrrabado e chamando o comedor de meu amormeu vizinho gordinho passo aqui so pra mim da uma chupada videos xcontos de mulheres cagando e peidando em seus parceirosgozano narruavideo de novinha. de 18 ano. de xotino. i nuaPorn conntos erotico pastor fode a esposa do obreiroomulher de corno evando gosada no cu pornodoidonovinhabucetavirgenscontos primeiro menage rolou ate dpconto erotico transado com costureira bucetao inchadafaz sua namorada ir ao ceu so com q sua linqua pornodoidocorninho presentiado o amigo do pau grosso xnxxapica tatoda no cu da brasileira e ela pedi maiscontos etoticos patroa loira empregado negao com fotosnovinha distraída de shortinho folgadinhos sentou de perna abertaclitoris vantajososencoisto nuonibuquem é o divã roludo ?erika12 conto erotico xvideos dificil pra.vc lukacu gay rasgando por pau cabessudo e cheio de porrcolica o pinto na buceta com saiaxvideos cosseirosmulher cagando enquanto dava a bucetacontos de zoofila novinha gritando de dor na rola gigantescatransei com minha mãevideos de gosdosa tirado fio dendal de 22anosconto gay contei pra ele que queria dar pra elemithlee pron vidoCoroas louco por sexo tique roludo