Fucking with my teacher

Um conto erótico de Katita
Categoria: Heterossexual
Data: 10/01/2021 15:27:06
Última revisão: 10/01/2021 17:53:17

Otto era professor e como tal tinha muitas alunas, que eram loucas por ele, mais a única que ele queria de fato e sonhava era com Lenita, justo a que não assediava ele, que dizia pra si mesmo tentando se conformar, também o que uma garota tão jovem e linda ia querer com um cara de 48 anos, com os cabelos já ficando grisalhos, apesar de meu corpo tá em pleno vigor e eu nunca receber queixas.

Só tinha um detalhe que ele nem imaginava, ela era vidrada nele, mais como ele era muito requisitado pelas garotas e vivia rodeado delas, ela por sua vez preferia não se envolver com ele para não vim a sofrer mais pra frente, então fingia indiferença.

É nisso o ano letivo acaba, e nas férias um amigo dele se acidenta, com isso o indica para substituí-lo no acampamento de verão, ele topa até com alegria, pois lidar com a garotada por um tempo ia lhe fazer muito bem.

Chega o dia da ida para o acampamento, Otto deixa seu carro em casa e chama um uber que se atrasa, com isso ele chega em cima da hora, pega suas coisa e entra na Van, onde estavam outros monitores e o pessoal do suporte, no ônibus iam as crianças e dois monitores o Silas e Lenita, assim seguiram viagem, o ônibus sendo seguido pela Van, no caminho Silas começa paquera Lenita que o descarta educadamente, enfim esse assunto parecia ter morrido ali.

Quando chegam no destino ela é a última a descer do ônibus, Otto quando a vê deixa escapar a palavra maldição, isso porque ele queria pelo menos por esses dias tirá-la dos pensamentos, já que do coração era mais difícil.

Então depois que todas as crianças estão enfileiradas ela quando se vira da de cara com ele, e diz: Professor Otto você aqui? Ele explica que tá cobrindo a falta de um amigo, depois desse breve diálogo, cada um dá início às suas funções, pouco se falavam eram muitas atividades.

A noite depois de terem jantado e as crianças sido encaminhadas ao alojamento, os adultos se reúnem numa fogueira para conversarem, se socializar em, e é aí que pesa para Otto, vê-la tão perto e não poder tocá-la, ou falar dos seus sentimentos, enfim todos se recolhem a seus alojamentos e assim passa o primeiro dia.

Nos dias que se seguiram, teve uma noite que ele perde o sono, então levanta vai até lá fora senta e fica pensativo, quando ele dá com ela em pé olhando para ele, que lhe pergunta o que houve, ele se enche de coragem e diz: Estou aqui tentando tirar uma pessoa dos meus pensamentos, ela fala: Qual das meninas? Ele chega bem perto e mirando nos olhos dela fala: Você Lenita, justo a que é mais distante de mim, ela reflete um pouco e resolve abrir seu coração dizendo: Pois saiba que minha distância é justo por gostar de você demais, e nunca ter notado seu interesse por mim, também aquelas meninas não lhe dão folga né e rir, ele passa a não no rosto dela fazendo um carinho e a beija com volúpia e ardor, ela se entrega aquele momento, que foi interrompido por um som vindo da casa, o que fez com que eles entrassem.

É a partir daí todas as noites ele procuravam fugir da visão dos outros, e iam namorar em algum canto discreto.

Numa noite eles não controlam mais o tesão, ele a encosta numa árvore e beija seus seios enquanto acaricia sua xaninha em brasa, então ele abre a bermuda e começa a pincelar o pau naquela grutinha tão desejada, quando a penetra ela morde seus lábios e num vai e vem delicioso eles gozam, sem saber que estão sendo observados, por Silas que fica furioso, mais mesmo assim bate uma punheta olhando pra aquela cena excitante.

No dia seguinte Silas prepara uma armadilha para ela, vai até uma cabana abandonada perto do despenhadeiro, leva corda e uma manta e deixa tudo pronto, quando a noite cai, ele atrai ela até lá falando que achava ter visto uma das crianças indo naquela direção, ela não pensa duas vezes e o segue, quando chegam lá ele a imobiliza, amordaça ela tira suas roupas e a joga em cima da manta, amarra seus pulsos junto com os tornozelos, e com isso sua bocetinha é bundinha ficam expostas para ele trabalhar a vontade.

Enquanto isso Otto a procura feito um cão farejador, e seguindo a direção que alguém disse tê-los visto indo, ele segue em frente, para diante da cabana a tempo de ouvi-lo dizer: Sua vagabunda, vadia, puta metida a santa, agora você vai ver como se dispensa um homem, vou te foder tanto, que nunca mais você vai ser mulher pra mais ninguém, nesse momento Otto da um pontapé na velha porta, e avança sobre ele e o derruba com um soco, ele cai meio desacordado, enquanto Otto corre até ela para socorrê-la, desamarrar ela é a enrola ainda nua na manta, quando de repente recebe uma paulada na cabeça, só que nesse momento as outras pessoas chegam a tempo de entender tudo que estava se passando ali, nisso Silas aproveita para fugir, na fuga como estava escuro ele escorrega numas folhas secas e sai rolando no despenhadeiro, depois de rolar várias vezes ele bate com a cabeça numa pedra, e quando as pessoas se aproximam com lanternas vê uma imensa poça de sangue, o que dava pra deduzir que ele estava morto, depois da polícia ter lavrado a ocorrência, eles voltam para a cidade.

Na cidade ela já no apartamento dele, fazem o que mais queriam se entregam um ao outro, ele como num ritual, tira sua roupa e com carinho beija cada cantinho daquele corpo delicioso, chupa sua xaninha embebida em mel, quase arrancando seu grelinho duro, depois dela gozar gostoso em sua boca, ela chupa ele desde as bolas até a cabecinha daquele pau delicioso, que quanto mais pulsava em sua boca, mais ela mamava, sem poder esperar mais ela abre as pernas e senta em seu cassete duro, quanto mais ela esfrega o grelinho na pélvis dele mais enlouquecidos eles ficavam, então ela acelera a cavalgada a um ritmo alucinado, ela contrai a bocetinha, ele pulsa e despeja em seu útero toda sua porra quente, que era tão abundante que chegava escorrer de dentro dela, que não desperdiça esse momento, ergue o corpo e introduz o pau babado dele no seu buraquinho enrugado, ele vai a loucura enquanto pressionar o grelo dela, então ambos uivam e emergem numa gozada sem precedentes. Assim o professor Otto tinha sua aluna preferida não só no coração mais agora também em seus lençóis.

Meus amores, se gostarem deixa uma estrelinhas aí pra me incentivar ok 💋

By Katita🌷


Este conto recebeu 24 estrelas.
Incentive Katita⚘ a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/01/2021 18:02:33
Meu lindo Viajante obrigada pelo carinho querido 😘
10/01/2021 17:56:08
Oi gata vc sempre muito bom em escrever bjs
10/01/2021 17:55:54
Kabel, meu querido você sempre me dando força muito obrigada querido 😘
10/01/2021 17:54:54
Vargas você me deixa sem palavras, muito obrigada querido 😘
10/01/2021 17:37:22
Queria ser esse professor! Parabéns minha amiga
10/01/2021 17:35:12
Que conto excelente minha querida escritora! Eu como fã número 1 não posso deixar de passar por aqui para deixar as estrelas que infelizmente são poucas diante da sua grandiosidade.
10/01/2021 16:37:40
Pedipalpo recheadinho muito obrigada querido um grande bjo 😘
10/01/2021 16:31:33
Katita evoluiu muito nos contos! Já é quase uma Virgínia Woolf do erotismo!
10/01/2021 15:52:08
Obrigada Keff é sempre uma alegria vê-lo aqui um prazer mesmo bjão 😘
10/01/2021 15:40:48
Que surpresa boa ,estava de bobeira e vc me presenteia com mais um dos seus contos maravilhosos, obrigado minha gata arrisca beijooooosssss ( sou mais que seu fã vc sabe )


vídeo baixinhas quadril grande agachada de costas de quatrocontoseroticos de uma freiraCármen e a patroa contos eróticoscrentinha no portao querendo darporne com malheivedeo de flha de shortinho no talo andando de bicicleta e pai.de pau duroxvideosdificil pra vc lukax vedeos dando o cu e tomando tapasxvideos mikinhas meninhas novasnovinha bate punheta para o cunhado por R$10,00quero ver mais linda buceta bem gostosa que adora você tinha até meu marido matou na buceta gostosa no grelo bem ponto de ir para lambe chupa bem gostosinho passo a pontinha da língua nesse grelinhomeu marido quer ser castrado contos erticosnovinho cabaco de 15 menino sendo pego pelo tiozaoporno pego 2 mulher e comeu a buceta uma nao ageto e goza muitoxvideos novinha sentando em palzao de 59cmmulheres velhas camisa de dormir e cuecas peludas tirando para fazer sexoContos eroticos seios mordedo fortecontos eroticos de cretes gravidas carentescontos eroticos papai abusava de mimvideo sexo mulherzinha nova traino seu marido com cunhado mulecaoContos eróticos titia chupa minha xaninhamulher revivesse monstro xvideoconto erotico ela passou a lingua na.minha buceta do grelo ate o.buraco da.vagina e enfiou a linguatete - conto eroticominha vizinha ficouloca pra mim dameu amigo comeu minha mulher e ela se apaixono gostosa se vestindo de causa arojada o bumbuzaocontos pegando a vizinhamundobicha.com hetero brasileiro toma banho com amigo heterosafada mostra xoxota pro carteiro no portãovideos de incestos com viuvas bem gostosas e carentes doidas pra gozaremver vidio d padrasto dotado fz sexo com entiado dormindoconto gay diemersonvwio de lanterna o donzelo so que não xnxxcontos viciei em levantar minha blusa para elecontos eroticos sou mulher e transei com minha sograRabetao quadril largo nuavoyeur cunhadaVamp19-Contos O Doce Nas Suas Veiasxporno inedeto de menino japones novinho dando o cuSobrinha novinha com tio encinando safadezaContos eroticosPornoela gosta q catuca degavar o grelinho delaXVídeos hétero bundudo obrigadinho chupar sua bundaxvodeo fudendo morenas celadas de 4estupro esposa contos eroticosquero ver comendo aquele perly do desenhos Power Rangers nx vídeos pornôFOTOS CONTOS DE SEXO DE UM JARDINEIRO PIROCUDO COM SENHORAS CASADASContos eroticos bdsm pet playlucley casa dos contosfundeno nadadoraxisvidio amadores de auguen metendo a forçaninfetinha me provoca na fazenda contos eróticosconto erotico huntergirls71Contos pornos-mamae deu um selinho no meu pauan american tales conto eroticohistorias eroticas perdi minha virgindade anal e vaginalcontos eroticos viciei minha sobrinha wattpadcunhada ecitada bh/texto/201102474pegei miha esposa transando com nosso cachorroveterinario nao aguenta e fode porca no cio com porra dentroVirgindade anal incesto Desde pequena ContoXxvideos amador novinho pauzudo pague 2minha sogra cornia meu sogro xvideocontos eiroticos leilaporncuzinho apertadinho rosto lindinhotirando o cebinho da cetinha com a linguacontos eiroticos leilapornesposa linda apanhando de2machosbuceta cheia de muxiba da sograconto gay com meu cunhado juniorcontos eróticos minha esposa e seus pequenos delitosmulheres tocando sirica no trabalho e gosando com seu casulovidiosexoolineconto erotico minha filha me mandou eu tirar toda roupa para fazer massagemmulheres peito gigande rabao penis gigande grosso x videoscomi minha tia gostosaconto erotico de carol cavalaxota molhada escutando o barulho do tesaocontos eróticos gay no hotel dei cu para meu sogro viadosex incesto cumendo a priminha piquena e magrinha linda comendo o cu piquenavideos porno de casadas que escreve na bunda corno felis e fodi muntocorno chorão e covarde contos eroticosmillasissydepois que fiquei viúva me liberei contohomem peludo com o penis levantado elatejando de tesaoxvideos mulher acoda e pega marido caindo na intiadabusetonhas goado x videominha esposa queria rola grande eu arumei ela quiz fugi eu segurei e mandei soca todobrasileropornozooxvıdeos mınına querendo pıntao na bucetınhacontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgealuna novinha boqueteira eu confessoContos eriticos putinha do meu cunhado bem dotado parte3Negao come rapaiz novo e gozou dentro porno abaixarouvi um barulho estranho de noite fui olhar era meus pais trasando video pornohomem com pica de35 cm comendo o cu de um garoti virgem e gozandi dentromulher com mulher pode uza bolinha vaginasBusetas tubinadasfui consolar mamae acabei fodendo ela contos eroticos