Troca-troca com o montador de moveis negão

Um conto erótico de Ryc Lemos
Categoria: Homossexual
Data: 07/04/2018 01:25:45
Nota 9.67

Recentemente eu tive que mudar do meu apartamento para uma casa, então comprei móveis novos, dentre eles um guarda roupas e um armário para a cozinha. Eu não tenho aptidão para trabalhos caseiros, então entrei no OLX e procurei um montador de móveis. Peguei o número de uns três, e no final das contas acabei marcando com o Pedro para que ele viesse no outro dia, e ele só poderia vir às 18:00.

Cheguei do trabalho por volta das 17h e quando deu o horário, a campainha toca e vou abrir o portão para o montador. Quando abri a porta levei uma bela surpresa, o cara era baixinho, negro, todo fortinho e com um belo sorriso. Sem contar que o cara estava muito cheiroso. Mais tarde descobri que ele tinha vindo de seu emprego e que os serviços de montagem de móveis era só uma complementação de renda.

Eu sexualmente não tenho atração por negros. Eles me atraem fisicamente, admiro bastante a beleza, mas sexualmente nunca me senti atraído. Porém, dessa vez tinha algo nessa situação que estava me deixando excitado e bem curioso. Ele iniciou montando o armário na cozinha, eu fiquei um pouco conversando com ele, e depois fiquei na sala só observando. Além de todo fortinho, ele tinha uma bela bunda marcada na calça apertada. Sempre que ele se abaixava para pegar algum parafuso ou ferramenta dava para ver o “cofrinho”, que parecia ser bem lisinho. Nesse dia estava muito quente, e dava para ver que ele estava todo suado e eu também.

Ofereci água a ele, disse que se ele quisesse poderia tirar a camisa, e que iria deixar ele terminar de montar o armário e iria tomar um banho.

No banho não resisti e bati uma punheta pensando no safado, aquela situação estava me deixando louco. Assim que terminei fui pro quarto e coloquei uma bermuda de Tactel (sem cueca) e fiquei sem camisa. Fui à cozinha ver como estava o andamento da montagem e pude observar com perfeição o corpo dele: realmente um corpo todo torneado e definido, sem contar que o cara era lisinho. Fiquei parado olhando, ele percebeu e perguntou se tinha algum problema, eu sem graça disse que não, que estava só com o pensamento longe.

Não demorou muito ele terminou a montagem do armário e fomos para o quarto para ele montar o guarda roupa. Fui com ele, e fiquei deitado na cama vendo ele montar o móvel. Nisto deitei na cama de barriga para cima, e de uma hora para a outra meu pai foi ficando duro e marcando a bermuda (isto num momento que ele estava com a bunda para cima procurando uns pregos no chão). Ao levantar ele olha pra mim na cama, foca no volume na minha bermuda e diz:

- Parece que tem alguém animado aí!

- Pois é rapaz, me desculpa mas não consegui resistir - respondi pegando no meu pau.

- Mas o que te deixou todo animado? - perguntou ele já pegando em seu pau.

- Você por completo, principalmente essa bundinha lisinha e suadinha…

Quando terminei de dizer isto, ele larga as ferramentas, sobe na cama, e fica sobre mim. Deita seu corpo suado sobre o meu e começa a me beijar. Como estávamos os dois suados, nossos corpos estavam num atrito muito sutil. Enquanto me beijava, abriu minha bermuda e tirou meu pau todo babado para fora. Foi beijando meu pescoço, meu peito, minha barriga, até chegar na cabecinha da rola. Que iniciou dando um beijinho, e colocando aos poucos na boca. E iniciou um delicioso boquete, ele revezava entre meu pau e minhas bolas. O cara era profissional no boquete.

Pedi para que ele parasse, levantamos da cama, tirei sua calça o deixando apenas de cueca. O coloquei de quatro sobre a cama, puxei sua cueca para o lado, deixando à vista seu cuzinho lisinho. Não deu outra, cai de boca. Estava suado, mas cheiroso. A cada estocada que eu dava com a língua o bicho gemia de prazer, ele já estava ficando com as pernas bambas de tanto tesão, então deitou de barriga para cima e terminou de tirar a cueca, e nesse momento salta na minha frente um pau muito bonito: grosso, com os pêlos aparados, com as veias saltando, não muito grande. Coloquei o pau dele na boca e fiz um delicioso boquete. Enquanto fazia isto, introduzia o dedo em seu ânus já preparando o terreno para mim.

Aproveitei que ele estava sobre a cama, e eu em pé, já apoiei suas pernas sobre meu ombro e fui introduzindo meu pau em seu cu já lubrificado. Não tive dificuldade para penetrá-lo. Ele pediu para eu meter com força, e assim eu fiz. Meti rápido e com violência, sentia meu pau tocando sua próstata, e ele gemia de tesão, deu para observar que estava gozando sem tocar no pau. A posição estava tão boa, e a situação tão excitante que não demorou muito eu gozei e enchi seu cu de porra.

Cai deitado sobre ele, nos beijamos e ficamos assim uns dois minutos. Ele pediu para usar o banheiro, assim que ele volta, já estava de pau duro. Então, olha para mim, com a maior cara de safado e diz:

- Agora é a minha vez!

Nisto ele vem, me coloca de bruços sobre a cama e deita sobre mim. Dá umas mordidas na minha orelha, pede para eu empinar a bunda, e aos poucos fui sentindo seu pau entrando em meu cu. A princípio senti dor, pois o pau era grosso e tinha um tempo que não dava, mas aos poucos fui me adaptando e a dor foi virando prazer. Ele deslizava sobre meu corpo com o pau dentro de mim, dava umas estocadas fracas e depois ia aumentando o ritmo. Aos poucos fui me levantando e ficando de quatro. Até que eu fiquei de quatro me masturbando e ele ajoelhado me fudendo. Ficamos nessa posição por uns 10 minutos, até ele anunciar que iria gozar, nisto ele tira o pau do meu cu e goza na minha bunda. Eu levanto, o coloco de joelhos e gozo jatos fartos em seu rosto e peito.

Ele se levantou, demos mais uns beijos e tomamos um banho. Após isso ele volta a montagem do guarda roupa, e durante a conversa descubro que ele é casado e tem dois filhos, mas que não dispensava uma boa foda.

Ao terminar o serviço, eu o pago, ele antes de ir me dá um delicioso beijo, e como resposta meu pau fica duro novamente. Então ele me senta numa cadeira da cozinha, tira meu pau para fora, se ajoelha e inicia um delicioso boquete. Não demora muito, gozo em sua boca e o safado vem e me beija com minha porra ainda em sua boca. Nós despedimos, e ele foi embora. Nós vimos mais umas duas vezes, até que perdemos o contato.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Ryc a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
07/04/2018 11:55:32
PENA QUE PERDERAM CONTATO. IA SER INTERESSANTE ESSES DOIS JUNTOS.


nal gosto dele mais olha so aquela boquinhaacontos eroticos jovensfeminizacao hormonios dedos no cu porra conto eroticocontos eroticos'brincando de esconde esconde virei putinha dos meus amigos'Felipe e Guilherme- Amor em londresconto erotico namdivididu u casete nu boketeconto erotico gay com padrasto velho coroa grisalhoContos gangbang com tios e primosnovinha distraída de shortinho folgadinhos sentou de perna abertacontos corno grupalcontoseróticosbandidos arrombamdo esposasdotadao gozando dentro do amiguinho dengozofilha gulosa senta o cu na rola do pai de 40cm desce devagarcrente contoporno minha mulher me tranformou bicolc mao buceta obesa pornoxnxvideo mulhe nao quedar ucu no pornonovia saino docolejo desainha/perfil/198098XVídeos comendo a irmã em grudado em mim só confirmandomulher se masrurbando com linguiça de churrascoas morenas mais top do grelo bem roxinho transando no XVídeos bem gostosoNmvinha metenodei a buceta no rio contos eroticosxvideosmeninascom tesaocontos mulher de amigo short coladoara co,endo novinha com o pau de 20 centimetroscasadosvontosCrossdress de vestidinho tubinhofilho vem sua mae de suplex e nao aguenta contos eroticoscoloquei o dedão n cuzinho d minha netinha contos eroticosxvideo iseto papaiminha bucetinha crente pequena foi arromvads a forcabahiana filha de papai mostra sua ppkcontos eroticos estiprando a freira no coventocontos eiroticos leilapornconto erótico macho da e*******' no viaduto no metrôcontos tia marta mete no rabomaior sacanagem no loveontopporno muher decotemenina ve rolona pendurada mijando e fica tarada contos eroticosXvideos as panteras ligou pro marido pra falar q ia dar pra outrocontos eróticos amadores traiçãoassestir vidio sexo grupalzofila/no?escuroele me chupouacariciando a b******** da indiazinha dormindocontos eroticos estuprada pelo meu cunhadocontos porno scat lesbicovideos de incesto filho sodomizando a maecontos mamae baby doll vermelho filha sem calcinhaXvideos zuzukinhamarido sexo a força bebado contosConto flagrei com bananaEu brico no colo do papaizoofillapornocaseiroContos eu e minha comadre desfilando de calcinha para nossos maridosvideo de incesto nisseicasada sexyfudeno o cu da gordavideos pono muha vumitano no pauele me convenceu a usar uma calcinha e gemer igual mulher. conto gayCóntos eroticos me vinguei do meu marido e dei pra um roludo erick dotadao acordou namoradopra fuderxviseos velhos flagados estrupandoteste de fidelidade quente com buceta e pinto grandefotos de mulheres camponesas dando o cu e gemendo muintonefinhas gostosas fodendo muitoContos eroticos chantagiei e chupei minha maninha mulher toma susto com rola bucetas molougostosa dormindo em cima do sofá e Levantemassagem nos pezinhos da minha irman contos eroticocontos eiroticos leilapornContos erotico minha filhinha mim shopou no banhomiudinhas cock do negao pirocudoSo Uma Boquete Contos Eroticostaradao fode esposa na frente da amiga que quer tanbem.comsogra linda aprova genro pauzudoconto erotico guto e elainebiscateiro/xvideosesposa trai o esposo com mulato de 1:90videos caseiro de mulher transando com homem magro no colchãoVidios porno mulher centa na agua fria contos eróticos minha filhinha corrompida