Minha esposa Cely e nosso caseiro negro,seu macho III

Um conto erótico de detalhista
Categoria: Heterossexual
Data: 31/10/2017 21:35:01

Assim que Lia me comunicou que minha esposa estava saindo da chácara para nossa casa,meu coração disparou de ansiedade,ela tinha passado a tarde toda sob o jugo de seu macho negro,e segundo Lia ela nunca tinha visto os dois se entregando e se devorando tão intensa e alucinadamente como naquela tarde...eu precisava ir imediatamente para casa,queria chegar antes que Cely,o macho não permitiu que ela se limpasse após as posses extremas que havia lhe imposto,ela vinha com todo o cheiro,marcas e muita porra injetada em seu útero e espalhada por várias partes de seu delicioso corpo branco,que ultimamente não aparentava mais ter os 55 anos que tinha, e eu não queria perder,por nada desse mundo, nem um segundo sequer,de estar diante dela assim que ela pusesse os pés em nossa casa....alucinado peguei um táxi e cheguei em casa sem carro,para que ela não percebesse que eu já estava lá quando chegasse,assim não poderia tentar disfarçar nada,e eu poderia ver in natura todo o estrago causado pelo cacete de jumento que com certeza havia dominado-a com selvageria, impondo em seu corpo branco e delicioso toda sua masculinidade,fazendo-a chorar,gemer e urrar em delirantes orgasmos...

Minha ansiedade foi ao limite quando eu escondido no escritório escutei a porta de entrada da casa se abrindo,Cely entrou e trancou,sem me notar ali ela passou lentamente pela porta do escritório,quase enfartei quando vi aquilo,ela tinha saído de casa com aquela mesma camisolinha leve da noite anterior,sem absolutamente nada por baixo,agora toda amarrotada ficava mais curta ainda, mostrando totalmente suas coxas brancas até o vértice,e boa parte de sua majestosa bunda,....alucinante de se ver,minha esposa estava transformada,a mulher discreta e recatada que sempre fora tinha dado lugar a uma fêmea totalmente dominada pelo prazer do sexo,fazendo qualquer coisa que fosse para agradar seu macho,sem se importar com sua condição de mulher casada,e isso,para minha surpresa, estava me deixando cada vez mais alucinado e apaixonado por ela...passou em frente a porta e logo a seguir tirou uma pequena toalha que estava entre suas coxas,que talvez tenha servido para que não ensopasse o bando do carro,voltou andando sensualmente,e foi se dirigindo à escada que dava acesso aos quartos,ela deixou suas sandálias no pé da escada e começou a subir descalça,meu tesão foi à loucura quando vi um brilho entre suas coxas do líquido que vertia de sua buceta,eu estava numa ereção que a muito não tinha,ela entrou no quarto,chegou o grande momento,rapidamente saí de onde estava e subi a escada o mais silenciosamente possível,ela tinha acabado de tirar a camisolinha e jogado sobre a cama,quando ela ia fechar a porta da suite para se trancar coloquei meu pé ali,ela tomou um susto ao me ver ali,tentou tapar sua buceta com as mão,seus seios,ela queria esconder tudo,chorou assustada,fatalmente seria descoberta sua traição,seu adultério,mas logo tratei de disfarçar evidenciar à ela toda a minha ingenuidade e que podia ficar tranquila,disse à ela que desde a noite anterior eu só pensava em seu corpo e no prazer que ela havia me dado,e passando pela porta de casa vi teu carro, que já tinha chegado,que estava louco para tê-la em meus braços outra vez,e tinha que ser imediatamente para não quebrar o encanto de encontra-la já nua,ela tentava manter distância,dizia que estava suada, suja e com mau cheiro da viagem,eu disse que era exatamente isso que estava me deixando louco por ela,que na noite anterior ela estava limpinha e cheirosa,mas agora eu a queria do jeito que ela estava,e ao ouvir isso as resistências dela foram diminuindo,mas sua,agora pequena,resistência se devia ao fato de não ter como eu não descobrir tudo,mas eu continuei insistindo,fiquei nu e mostrei minha ereção à ela e disse que estava sentindo seu cheiro de fêmea no cio,que eu nunca a havia visto tão linda e deslumbrante como agora,que eu desejava ardentemente seu corpo como estava naquele momento,não me importando se suado,sujo ou com mau cheiro,pois aquele cheiro estava me alucinando de desejos por ela,seus braços que estavam estendidos me mantendo à distancia de seu corpo,desceram e ela os abriu para me receber entre eles,ainda em pé nossas bocas se colaram num beijo que me fez sentir sua boca sensualmente quente, o sabor e o cheiro de seu macho,minha língua ávida de desejos encontrou porra seca ao redor de toda sua boca,enquanto nossos corpos nus se tocavam em mais área de contacto, aumentando ainda mais o prazer,ela ainda receosa, não acreditava que eu não estivesse percebendo que seu corpo estava impregnado com a porra do negro até os fios de seus cabelos,mas eu continuava como se não estivesse notando nada,apenas beijando sua boca, lambendo toda a porra seca que encontrava na região,até próximo à sua orelha tinha porra seca impregnada,alucinado fui lambendo seu pescoço,ela foi relaxando sua tensão,seu marido corno se deliciava com a porra de seu macho nela depositada,fechou seus olhos e suspirou profundamente,louca de tesão, quando me viu beijando e lambendo uma marca roxa de um chupão do macho em seu seio,sua respiração foi se alterando,e eu dizendo que estava amando seu corpo mais que nunca,seus suspiros passaram a ser gemidos,meu cacete explodindo de dureza,ela quis deitar-se em nossa cama e quando fez isso expôs seu corpo completamente,ela abriu suas coxas e me hipnotizou com aquela visão,sua buceta ainda bem aberta e dilatada me enlouqueceu,de canto de olhos notei que ela fitava meu semblante e e observava minhas reações,mas meus olhos não desgrudavam de sua bucetona completamente distendida e arregaçada pelo seu macho,aquilo me atraia sem limites,o corpo de Cely arrepiou-se todo e suas carnes trepidaram quando minha boca colou e começou a sugar o inchaço de seus lábios vaginais,ela agora gemia de prazer, minha língua procurava e sorvia flocos quentes da porra do negro que brotavam de seu interior,fui enchendo minha boca sem engolir,com minha boca cheia da gordura reprodutora do negro trepei no corpo dela, procurei sua boca que se abriu sequiosa,quando ela sentiu que eu trazia em minha boca uma boa quantidade do creme de seu macho,que seu marido, corninho bem manso, lhe presenteava com o suco do prazer e o sabor de seu dono,imediatamente seu corpo se contorceu,gemeu languidamente,e teve um orgasmo forte, prolongado,enquanto eu comecei a gozar esporrando descontroladamente,sem tocar no meu cacete,uma loucura nunca antes vivida por mim,minha esposa me viu gozando daquela forma,e sorriu maravilhada,me envergonhei,tinha gozado com minha boca cheia de porra de outro macho,um poderoso macho,ela notou meu constrangimento,passou as mãos em minha cabeça,com os dedos passeando entre meus cabelos,quase querendo me consolar por ter gozado loucamente com minha boca cheia de porra de seu macho...

Cely: que delicia meu amor..nunca te vi gozando tanto assim...tá gostando do meu corpo como está...com tudo que encontrou de bom nele...você me fez gozar gostoso sabia?...

Eu: nunca senti tanto tesão por você,por teu corpo que me parece cada vez mais esplendoroso....a voluptuosidade se expressa em cada detalhe desse corpo...estou amando como você está hoje...esse cheiro de fêmea no cio...esse creme gorduroso impregnado em todo o teu corpo...você está maravilhosamente deliciosa...extremamente fêmea...estou alucinado de tesão querendo agora,nesse momento,percorrer todo o teu corpo com meus olhos, minhas narinas, minha boca...te vendo,cheirando sentido teu sabor,você deixa...

Ela consentiu imediatamente se expondo toda....jurando que se fosse para meu prazer ela iria estar muito mais vezes com seu corpo da forma como estava naquele momento,o tesão foi tomando seu corpo,ela ficou de quatro e escancarou escandalosamente suas lindas coxas,expondo o enorme buraco que estava sua buceta,pediu para aproximar minha boca de sua abertura vaginal dilatada, que ela tinha muito mais daquele creme,que havia me feito gozar forte momentos antes, guardado dentro dela....alucinado devorei sua buceta,com ela gemendo e me dizendo que sempre teria tudo aquilo para me dar...percorri cada centímetro daquele corpo vendo,cheirando e lambendo cada detalhe,cada marca,cada inchaço,cada mancha de porra,gozei alucinado mais uma vez enquanto ela teve outros orgasmos ...pedi pra ela não se limpar ainda...exaustos adormecemos...

Acordamos pela manhã,nada mais foi dito,naquela tarde eu iria a chacara me encontrar com Lia que me contaria todos os detalhes do que vinha acontecendo por lá...

As loucuras que escutei da boca da esposa do caseiro que a tudo via e assistia,me deixaram ainda mais alucinado e mais corno de minha esposa...


Este conto recebeu 9 estrelas.
Incentive nosdetalhes a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
mou
16/06/2020 23:40:54
muito bom..
31/05/2020 23:51:00
Adorei
01/11/2017 23:11:49
Seus contos são show de bola ! Maravilhoso... Não vale nota dez,vale mais! Um abraço e continue assim,parabéns...
01/11/2017 15:31:31
Maravilhoso
01/11/2017 15:31:17
Maravilhoso
01/11/2017 15:13:41
NOssaaaaaa!!! Tesão inarrável....
01/11/2017 10:21:35
Não vejo a hora de você assistir sua esposa sendo possuída pelo macho. Quem sabe até junto com a esposa dele.
01/11/2017 10:20:03
Puro tesão. Delicioso !!!
01/11/2017 06:51:35
Amei seu conto, quero ver todos outros e com fotos se tiver. Adoro filmar, fotografar, filmar e fazer book desses melhores momentos. Caso interessar é só retornar:
01/11/2017 05:07:39
Nota mil, continue com esse conto maravilhoso ! Tem tudo pra se tornar um dos melhores deste site, desde o "calcinha molhada".


Www x vidio .con tirano cabaso dAvigevideo do sogro comeu a nora depois do casamento ela esta tamando banho ela pensou que era o maridohttp//eternahelga.blogspot.com.brpornocontoincestosxxxpastorascano grosso buceta cock.comxxvideos.com mulher com medo e arrediaflagrei minha filhinha mamando o irmao com um mastro enorme contos eróticoswww contoeroticoconto erotico pego usando calcinhaviu a becetaa da mamãe sen qerer eficou com tesão e meteu a pica porno vídeotaveti e lebica nocusaocabocla tarada e safadaO negrão entupiu a bucetao de minha mulher casadiscontosBundaxvdeoporno.bunda.na.cara.xeroza.perfumadaContos eroticos as amiguinhas da filha no iateconto erotico viado novinho vira escravo do coroa dominadorcontoseroticos minha sobrinha chorumingava na picamamanono pau do filho baianocontos safadocontos eroticos de negra crente do piraícontos de papai e as 2 filhas na praia de nudismohomem. e mulher. fodenó xviodioBusetinha lizinhaporno sobrinho vai dormi mais tia e fica de pau duro embaixo do lencoucontos eroticos conhado bebado abandona esposacontos eroticos texto louras cavalonasloiraagostosasconto erotico menina de ruarevista private relatosconto erotico gay virei femea do velho pirocudocontos eróticos de entregador de agua como dona de casahomem com tesao a cordano com a cabesa do pau toda meladacomendo cu da sogra da minha sobrinha contosvidei eu sabia que meu pai me espiava pelada e gostavameninas de baby doll fazendo sexo anal e oral e babando no pauSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhawww.contos eróticos meu paideixo eu fude minha mae.compassei o pau na bunda da minha mae e ela pediu pra eu comer elacontos heroticos arrombda por um negaoConto veridico de tio e sobrinhaencostando de pe na parede e comendo o cugostaria que você mandasse primeira foto do Biel batendo punheta peladoconto erotico tenho 60 anos o meu sobrinho e um taradinhocontos eroticos malv comendo as interesseiraxvideos.menimas.14.taxado.a.fossaconto crossdresserConto gay novinho crenteporno sublinho sentadono nocolo da titiaSou mulher casada meu compadre me fodeuconto erotico o cuzinho da noviçapriminha inocente pegando no pinto do primo na frente de toda família sem eles veremas novinhas malhando de chotinho coladodei de mamar pro meninos contos eroticoscontos de sexo com minha tia vaiiii tiaaaver canto erotico em tramandai rsContos eroticos menino de onze anos pauzudao com mulher adoro trair meu maridomorena casada safadacontos eróticos da esposa anda na casa de quatro como cadelateste de fidelidade quente com buceta e pinto grandepornoirado.com / casada gritou na rola monstrocontos eroticos depois da balada em osasco 11/2016mulheres experimentando as calcinhas em lojas em biomboscontos e xitantes a mulher do meu chefe me seduziuNovinha da cuzinho no enlevadoporno doido cromprando cabacogurias morenas dimemores lesbicas fodeeu uma coroa gostosa dei po borracheiro contos eroticosMeus amigos me foderam bebada contosyuri palzudo