Eu, o Amigo e o Resto

Eu sou “Alan” (nome fictício) tenho 23 anos (até a postagem deste conto) moreno 1,79m e 78Kg , eu conheci M. (não vou relevar o nome) ele com 1,68m que tem 22 anos no Tinder, comecei a conversar com ele e trocamos diversas ideias sobre a vida e sobre diversas coisas, aconteceu de um dia falarmos de um assunto sexual, eu falei que eu era bi e mais ativo mesmo já tendo sido passivo umas duas vezes para experimentar, falei a medida do meu pau que é de 17.5cm e grosso com algo em torno de 4cm a 6cm de diâmetro, tanto é que quando uso camisinha OLLA Larger pois a normal fica muito apertada em mim.

Ele pediu para mim enviar algumas fotos e resolvi enviar um vídeo, gravei um vídeo para ele naquele exato momento, estava atoa, tempo livre na cama e enviei um vídeo pelado na cama, batendo uma bem devagar e gostoso com o pau melando escorrendo pela cabeça e indo até a barriga, eu estava excitado e enviei ele gostou e me enviou o vídeo dele antes de terminar de carregar ele falou que tinha 19cm eu fiquei um pouco bolado, nunca gostei muito de alguém com medida maior que a minha, meio que me sinto chateado pois queria ter 19cm ou 22cm seria muito legal, ele falou que era atv eu também falei, ví o vídeo dele, ele batia muito rápido infelizmente, mas eu vi, um pau bonito, mesmo assim fiquei sem graça.

Como eu já tinha namorado um atv (eu sendo ativo, era mais sarro, mas nem sempre ele tentava me comer de qualquer jeito) anteriormente já avisei a ele para parar de papo manso que ele fazia pois queria me amolecer pra dá pra ele dai fui dando as cortadas leves brincando, e a conversa foi rolando, então ele pediu para dormir aqui em casa para poder ir na formatura de uma amiga aqui perto, pois teria de voltar muito tarde e é perigoso pela distância do local pela casa pelo horário, realmente era verdade então ele veio dormir aqui em casa, que tem dois quartos, um ficaria para ele e o outro para mim dormir.

Ele chegou conversamos, apresentei a casa para ele, ele tomou banho, vestiu a roupa e foi para a festa, quatro horas depois ele voltou, bateu na porta, fui abrir para ele eu estava de short vermelho curto sem camisa e sem cueca como gosto de ficar em casa sozinho, conversamos sobre a festa e voltei a mexer no meu notebook, pois eu estava na cama trabalhando em alguns projetos da faculdade, estava digitando o projeto analisando quando ele apareceu no quarto só de cueca box, e fechou a porta (não trancou, apenas fechou) eu olhei assim e já sabia que lá vinha “coisa” eu fazia a mesma coisa com minha ex namorada quando queria transar com ela, o mesmo ritual.

Ele perguntou se poderia deitar do meu lado, falei que poderia, e perguntou o que eu estava fazendo, eu falei que estava trabalhando no projeto, ele falou que legal, e eu perguntei por que ele estava só de cueca, ele falou rindo que estava cansado, que a festa foi chata e a amiga dele meio que deixou ele de lado, então ele buscou voltar cedo para ficar comigo, eu comecei a rir pois sabia que era mentira e era papo manso. Enquanto eu digitava ele ficou acariciando meu braço, meus mamilos, minha perna e meu rosto, eu pedia para parar, precisava concentrar no projeto, era importante e realmente era, ele então parava e alisava o volume da cueca dele que só crescia, ele voltava a me alisar, eu pedia para parar ele ficava alisando o volume, o volume era bonito, grande e ele percebia que eu olhava, então ele alisando perguntou se eu estava bem, eu falei sério que sim e voltei a digitar, ele riu e perguntou se eu queria ver, meu pau já estava duro a tempos, meu coração batia forte, eu queria mas falei que não, ele então alisava novamente e alisava minha perna subindo para meu colo onde estava o notebook, eu pedia para parar ele não parava, ele falou que para de me atrapalhar se eu chupasse, eu falei que não iria chupar o pau dele que precisava fazer o projeto, ele então tirou o notebook do meu colo, ele tinha alguma coisa que me dominava e me dava vontades, tive diversos sonhos eróticos com ele neste nosso tempo de conversa e amizade, ele tirou colocou no chão em um canto protegido e ficou deitado ao meu lado, eu fiquei com cara fechada, ele beijou meu pescoço e eu gosto disso, acariciou meu mamilo que me deixa excitado (tinha contato isso pra ele e ele me contato o que o excitava) ele viu o volume no meu short, ele riu e me chamou de safadinho baixinho no meu ouvido, quando ele falou isso meus olhos fecharam, e respirava fundo, não sabia o que fazer, ele com este papo manso dele era o único cara que me despertava coisas estranhas, dai ele perguntou se eu queria pegar no pau dele, eu falei nada fiquei quieto agora com os olhos abertos vendo aquele volume grande naquela cueca box, ele pegou no meu volume e viu que meu pau dilatava, e falou rindo, vc está afim não é? Eu só falei Uhummm (balançando a cabeça concordando), ele me beijou e pegou minha mão e colocou no volume dele, eu sentia o pau dele dentro da cueca, era bom e ele pegava no meu pau e nos beijamos era maravilhoso, então eu que estava deitado na cama ele tirou a cueca box, e ficou por cima de mim, nos beijávamos cada vez mais nos pegávamos, algo gostoso, então ele começou a chupar meu mamilo direito o que sinto muito mais tesão, eu pedi para parar, ele não parava, que com uma mão segurava meus dois braços par cima da cabeça, com a outra batia uma de leve e sua lingua e boca chupava meu mamilo de forma bem gostosa, eu suspirava e gemia gostoso enquanto ele fazia isso, que percebeu que eu estava excitado, ele soltou minha mão e perguntou, quer que eu pare?, eu só balancei a cabeça que não, que não queria, ele perguntou, você quer mais?, eu estava com tanto tesão pois fazia meses que não transava com ninguém que só falei que sim, o jeito dele me dominava e queria entender o porquê e me deixei sentir o prazer, ele confiava em mim e eu nele. Ele chupava, lambia meu mamilo com eu gostava, minhas mãos acariciavam a cabeça dele querendo mais e mais, a mão dele batia uma punheta gostosa para mim e eu sentia meu pau melando meu corpo todo escorrendo de tanto tesão, meu coração batia forte, nunca tinha sentido algo assim antes, estava com medo com vergonha, mas queria mais e mais.

Depois de alguns minutos eu delirando de prazer ele parou de chupar meu mamilo, subiu a cabeça e me beijou, ele agora estava entre minhas pernas, eu tinha aberto as pernas pra ele e nem percebi, ele me beijou e senti os seus braços dele correndo pro debaixo de minha pernas e abrindo ele mais um pouquinho, eu não tive reação, em nenhum momento tive, só falei pra ele não fazer nada, ele riu e falou para confiar nele, o coração batia forte, tudo que falava tinha gemido no meio e demorava a falar pois tinha de respirar fundo pra falar qualquer coisa. Ele levantou minhas pernas um pouquinho e me deixou na posição assado tão conhecida (que acho engraçado o nome, mesmo parecendo mesmo de verdade hahaha) eu senti o pau quente dele roçando na minha bunda, estava quente e duro, a sensação de roçar o pau em qualquer parte do corpo era muito boa, e eu não tinha reação deixei, ele então foi descendo, beijando meu corpo, lambendo e parou no meu pau, ele falou que ia chupar meu pau, eu dei uma risadinha e só fechei os olhos, ele manteve minhas pernas abertas e apoiava em seus ombros pra cima um pouquinho, ele chupou maravilhosamente, ele colocava tudo na boca, usava a lingua na cabeça, chupava dos lados, estava uma delícia, a melhor chupada que já recebi na minha vida inteira, porém ele era esperto e muito esperto, ele me chupava e a saliva dele escorria no meu cuzinho, quanto mais chupava mais escorria e a sensação era um pouco estranha mas boa, era um prazer ele diferente, era gostoso, mas incomum eu deixei.

Ele então chupando pegou um dedo dele e ia acariciando a entrada do meu cuzinho com a pontinha do dedo dele usando a saliva que ia escorrendo da boca dele e sentia que estava tendo muita saliva a cama estava ficando molhada eu sentia (o que não é muito bom, saliva acumulada pode ficar com cheiro ruim se não lavar), eu fiquei sem ação, ele olhava pra mim e eu suspirava e gemia baixinho pra ele não ouvir, pois estava perdendo controle do meu gemido, uma outra pessoa tomava conta de mim agora. Então depois de ficar acariciando com a saliva o meu cuzinho ele começou a colocar a pontinha do dedo pra dentro e chupava meu pau, eu olhei para ele ele olhou para mim como se esperava se eu iria deixar ou não, eu resolvi deixar, fechei os olhos e acariciava minhas coxas, ele continuou, colocou o dedo até a metade e foi tirando e colocando, movimentando de forma deliciosa.

Ele chupava e a saliva escorria para lubrificar tudo, então ele foi colocar dois, dai ele conseguiu, eu não era virgem, teve uma leve dificuldade mas colocou e movimentou, sentia ele apertando minha próstata, agora ele não chupava mais ele batia pra mim, e um gemido escapou mais alto foi um gemido de prazer, ele enfiou os dois dedos todos bem fundo e deu duas movimentadas lá no fundo e gemi de novo, eu gemi igual uma menina excitava, eu fiquei com vergonha e sem graça, ele começou a falar, adorei o seu gemido, eu fiquei sem graça e ele falou mais quando viu que fiquei sem graça já querendo parar, quero que vc gema assim mais pra mim, só pra mim.

Eu gostei do que ele falou, mas estava sem graça, mas o prazer era gostoso, como pode um ativo bi que come gayzinho, as garotas gemer igual menina pra um ativo, como era somente algo meu e dele eu deixei e ele meteu mais e mais o dedo e eu gemi igual menina pra ele, eu via que ele gostava e eu estava gostando de agir assim me dava mais tesão ainda. Então ele ficou no meio das minhas pernas de novo, tinha parado com os dedos, eu só respirava fundo para recuperar o ar, ele começou a beijar meu pescoço e a falar no meu ouvido, enquanto ele falava comigo eu sentia ele tentando pegar o pau dele e ele falou, adorei seu gemido ele é uma delícia, eu apenas ri e ele foi falando, você quer ser minha putinha é?, eu falei nada, vc está com tesão? (ele falou), eu só acenei que sim, senti que ele pegou o pau dele lá embaixo e estava tentando achar meu cuzinho, ele então perguntou, posso colocar só a cabecinha?, eu não falei nada, ele mordeu meu pescoço e falou no meu ouvido, vou te fazer minha putinha, eu fiquei sem reação, eu falava isso pros caras e para as garotas, e nunca tinha ouvido isso pra mim antes, realmente era excitante ouvir isso. Eu sentia a cabeça do pau dele começando a entrar, ele entrava devagar, foi entrando e dai eu resistindo ouvi ele falar, entrou a cabeça, dai ele parou, me beijava e falou, está vendo putinha a cabecinha já entrou está gostoso?, eu não respondi nada, mas estava desconfortável fazia muito tempo, anos que ninguém entrava em mim, então ele começou a movimentar bem devagar quase tirando a cabeça fora e colocando ela novamente dentro o desconforto estava virando prazer aos pouquinhos, mas estava ainda sendo estranho, ele então me beijava e me segurava e falava besteiras comigo como que eu era a putinha dele e ele iria me fuder gostoso, que todo este tempo eu queria da pra ele... então ele parou por um segundo de movimentar e começou a ir colocando tudo devagar, ele foi pondo eu tentei tirar ele de cima de mim estava sendo estranho, ele me forçou e entrou tudo e dai ele parou, ele só deitou em cima de mim apoiado na cama e falou, agora seu cuzinho é todinho meu está sentindo meu pau todinho no seu cuzinho?, ele só acenei que sim, ele me falou de putinha, e começou a movimentar, ele movimentava e o prazer crescia, não entendia aquilo mas era bom, agora entendia o que os passivos falavam era muito bom, eu sentia ele dentro de mim, um cara dentro de mim era uma sensação diferente de tudo, pois das outras vezes foi algo ruim, não gostava dos caras e foi só pra saber como era, ele movimentava e meu controle sumia, me entreguei a ele totalmente, e voltei a gemer igual menina, ele falou, isso geme putinha geme igual putinha pra mim vai eu gosto geme vai, e eu gemia, ele perguntou, está gostoso?, eu só respondi com voz normal que sim, ele bateu na minha cara, ele falou você é minha putinha responde igual putinha ou eu paro de te comer, eu fiquei bravo, mas não me importava mais com nada, ele perguntou de novo e eu respondi com foz feminina, sim está gostoso come esta putinha mais fode vai, ele riu e meteu mais forte, ele então me puxou mais pra baixo, deitou ainda mais sobre mim e apoiou seu corpo sobre o meu e segurou meus dois braços na cama e ele começou a ir com bombada forte metendo ele falou que iria gozar dentro de mim pra mostrar que eu era dele, que o cuzinho era dele, eu com voz de menina só falei que sim que queria sim e só gemia, ele ia com vontade, eu não tinha controle de nada, meus braços presos mesmo fazendo força pra soltar, minhas pernas pro ar e meu cuzinho sendo fodido por ele, então a bombada foi parando, eu vi no rosto dele que estava vindo ele também gemia gostoso e então eu senti dentro de mim pela primeira vez um jato quente entrando junto com o pau dele, meu pau estava melando meu corpo todo e a barriga dele que fica sobre mim e estava duro, eu fiquei sem reação, ele soltou meus braços e fiquei olhando pra ele, ele continuou sobre mim e movimentava ainda usando a porra dele como lubrificação, ele mudou de posição, me colocou como cavalgada e falou, agora quero que você goza em mim minha putinha, o pau dele ainda estava duro e sentia que a porra lubrificava tudo e fazia ficar ainda mais gostoso, eu cavalguei muito, nunca tinha feito isso eu ia com vontade ele apertava meus mamilos enquanto eu batia, e então eu só falei, vou gozar sua putinha vai gozar, e ele forçou meu corpo contra o pau dele pra entrar bem firme e dai eu gozei, voou na barriga, peitoral e no rosto dele, foi muito bom, ele pegou um pouco e comeu e pegou o resto e me deu pra comer, fiquei sem jeito mas como ele tinha feito fiz também, e dai eu fui tirar o pau dele de dentro de mim, senti escorrendo, ele me deixou de bruços e foi pegar uma toalha, começou a beijar meu bumbum e a morder e ficou por cima de mim roçando o pau dele meio mole meio duro na minha bunda e falou no meu ouvido, gostou?, eu só falei agora com voz normal que sim, eu sentia ele tentando pegar o pau dele, e ele falou, quer mais?, eu falei sim com voz normal, ele perguntou, quer que eu fodo seu cuzinho bem gostoso e ele ser só meu?, eu falei sim fode ele é só seu, dai ele só falou, então amanhã eu posso vir de novo te comer?, eu falei que sim, dai ele saiu de cima de mim e deitou ele estava exausto, mas eu fiquei de bruços já tendo me limpado, ele alisava minha bunda e eu gostava, ficava sem reação perto dele, ele enfiava um dedo no meu cuzinho e eu gemia baixinho, dai ele colocava dois e movimentava de leve só para me tentar, eu acabei pedindo pra ele me comer com voz de menina para provocar ele, ele riu e falou que agora não pois estava cansado da festa e de me comer.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive AlanGab a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.


Contos eroticos casais e pintudos fantasiaspapai pauzudorapas bunda linda dando cu de brusufei a buceta pro meu primo mais novo contos eroticoshomem pitudo e gosanoirmazinha inocente da minha namorada no pornoConto erotico tirando a roupa no baralho pro tiohomens ensinando como puchar punhetaconto erotico dando pro patrao na cooperativaxnxx loira manda arraca as pregas do cu com forçabia cordinha fudenomano nao me tente incesto contoswww xvidioszoofilia com brprensada no colchão pornlesbica adora colocar omega grelo de buceta com fosse piruinistiu e comeu a gata ba moto ela gemia muito e posto na netinocente pedio pra o primo e busca a namorada dele quando chego no caminho fudeu a bucetinha inxada da namoradinha do promo inocente contos eroticos.padres dotados metendo a picaIsac -Hugo |Contos Eroticos zdorovsreda.ruxx drasio video .conEspirrando porra nas entradinhas das bucetas fada do sexoesperei meu pai sai e foi fuder minha madrastra qui tava dormindocontos eroticos xxx prefeito taradocontos cu da tiaver mulher preta encurta uma chupando a buceta da outra cima do dente queirovideos porn daquelas mulheres enquanto fodem ela mete a mão na boca depois a mão que estava na boca vai a vagina no pornuhcontos eróticos vou te fuder faveladafoto de pozisoa vedadeira xesuaisDiscar mãe e filha transando e gemendo de prazercontos eroticos passifico e menageo caralho era tao grande e grosso que quase desmaiei com ele dentro do cutosa de peitinho arrebitado tomando banhobukkakecontos eroticos dei a buceta dentro do onibusWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS EROTICOSgero tira sangue do cu sograalggus videos ponou com as jovemzinhasmarido sai e mulher transavcom sogroxvideos gay dando pro bebinho novinho da ruasexo com tapas na cara.puxau de cabelosvideo olhei peludo no banho deu vontade de chuparsobrinha pega o tio com.papagaio na mão porno doidovídeo de sexo porreta daqueles que dá para levantar o paucumeu a buseta da novinha qe nuca tinga metidocosquinha nos pelos pulvianos xvideoschorou na dupla penetracao com amantes mega cacetudosporno negao fas muleca grintafrede e barnei pega vilmacontos eroticosMinha mãe e meu irmão adotivo -novinlha pega ermao na polheta e cai di boca na piroca do machotarada nuonibubunda pulante mundobichavídeos de novinhas dançando xote inchada se masturbando e gozando dentro de jatos de porracorno xxx veibidor trasparenteconto feminizaçãover vídeos pornos grátis coroas de bunda grade e cabelinho curtinho fudeno cu gostando quero ouvir todos os vídeo de pornô de mulher gorda peidonawww.xxvideo novinha desliza sobe e decenovos xvideos metendo com forçaaaaaaContos50 cm minha picaencoxada mau cobertacuzinho mulher no comando rebola analkiss cumnariz estourando a tanga vídeosborgui falando filho da putapai chupaeu grelinho porno doidoela fechar os olhos e cetim o pau entra no cu ponomulher de caminhoneiro se masturba em casa sozinha contoscontos eroticos gay me apaxonei pelo traficante 7vingando da metida contos analcontos eiroticos leilapornCerto ou errado?meu irmao amado contos gays cap.08zofilia o Palzudo fudendo a Mulaporno mãe safada bunduda escitando o pal do filhoconto gay Jorge O afilhado do meu pai do pinto grossodopei ela e fodi gostoso x video Vanessa encoxada carnavalvideos de velhos picudo fudendo bonzinho gays amadoresmeu marido sabe que sou a puta do meu patrãoadoro ser encoxada no trem contos eroticos