Fotos e Sexo na Praia

Um conto erótico de Kmilinha
Categoria: Heterossexual
Data: 06/10/2013 16:31:21

Eram férias de fim de ano, estava com minha mãe e meu padrasto em um hotel próximo da praia da Pipa, Rio Grande do Norte.

Pouco depois de almoçarmos, minha mãe foi tirar um “cochilo” com meu padrasto. Eu já estava de biquíni e falei que ia dar uma volta na praia.

Já fora do hotel eu admirava a paisagem percorrendo toda a extensão da praia com a vista, um homem chamou muito a minha atenção, primeiro pelo seu porte físico bem atraente e depois pelo seu equipamento... Fotográfico (haha). Ele estava com uma câmera profissional, fotografava as falésias ali próximas. Depois ele me diria que tem 31 anos e seu nome é Roger.

Roger é um homem muito bonito aparentando ser cheio de vigor, caucasiano queimado pelo sol e cabelos claros.

Eu sou apaixonada por fotografia e fui me aproximando. Mas, também fui atraída por ele... E falei: — Linda sua câmera! Muito receptivo ele agradeceu e perguntou: — Você também gosta de fotografar?

— Sim, eu adoro, mas sou vaidosa, prefiro ficar na frente da câmera e causar! Ele sorria muito gostoso.

Perguntei se ele fazia fotos por diversão ou trabalho.

— Faço trabalhos em fotos para uma empresa que dá assessoria a uma rede internacional de hotéis!

Ainda ele: — Posso tirar umas fotos suas pra embelezar mais meu trabalho?

Eu falei em tom de brincadeira: — Aham agora eu entendi tudo!

Ele ria com meu modo de falar: — Não é o que pensou, é turismo sério para famílias!

— Estava só brincando, borá fazer as fotos, adoro fazer poses!

Ele bateu algumas fotos ali com as falésias ao fundo, eu me divertia fazendo várias poses e boquinhas. Então ele propôs irmos até os rochedos onde a paisagem dava um aspecto mais deserto e naturista, aceitei sem hesitar e fomos caminhando e trocando informações básicas até que chegamos aos rochedos.

Fizemos algumas fotos ali na areia. Depois Roger pediu pra eu subir nas pedras para que o sol por detrás de mim mostrasse somente minha silhueta, ajudou-me a subir pegando-me pela cintura e me elevando.

Seguiu-se a seção de fotos e após várias poses, ele ficou perplexo ao ver-me ir tirando devagar a parte de cima do biquíni e fazendo poses antes e depois de ficar com os meus peitinhos à mostra. Ele clicava sua câmera sem parar desde o início da minha exibição.

Na hora de descer eu fiz charminho... — Me segura que estou com medo de cair! Ele guardou a câmera e entrou com a água nas canelas ali na beirada do rochedo, pegou-me pela cintura puxando meu corpo de encontro ao seu e abraçou-me, eu passei os braços pelo seu pescoço e com as pernas enlacei sua cintura, nos olhamos nos olhos por alguns segundos e nos beijamos longa e intensamente. Eu acariciava sua nuca enterrando meus dedos em seus cabelos, ele apertou minha bunda com força e impulsionava meu corpo pra baixo esfregando a minha xoxota no seu pau bem vivo sob a bermuda. Os movimentos eram igual ao de uma transa, eu gemi baixinho cheia de tesão e desejos, esfreguei minha bocetinha que nem uma vadia em seu pau. Dei uma mordidinha em sua orelha e sussurrei em seu ouvido: — Você está judiando de mim, me deixou doidinha e molhadinha! Soltei as pernas e fiquei em pé e dei uns passos até sair da água, ele veio junto já tirando sua camiseta e abraçando-me por trás massageando meus seios enquanto esfregava aquele pau duro na minha bunda dizendo coisas bem safadas e carinhosas no meu ouvido.

Ele então me pegou no colo e colocou-me mais acima na areia seca e foi tirando sua bermuda, eu não contive a emoção e desejo ao ver aquele cacete lindo, ajoelhei agarrando com as duas mãos e o lambi todinho percorrendo com minha língua e meus lábios toda a sua extensão e o engolia o máximo que conseguia, ele segurou minha cabeça e começou a bombar aquele pau em minha boca até minha garganta, mas sem ser grosseiro, era um boquete muito gostoso.

Parou antes de gozar, deitou-me na areia e tirou o restante do meu biquíni, aninhou sua cabeça entre minhas pernas dobradas e abertas sugando e penetrando fundo com a língua em minha boceta.

Eu já estava ensopadinha com meu tesão e sua saliva, gemia feito uma cadelinha com língua e dedos enfiados em mim tocando meu grelo... Levantou-se e brincou um pouco esfregando a cabeça do seu pau em minha xotinha. A ansiedade de sentir aquele cacete lindo todo dentro de mim fazia-me gemer suplicando, ele foi enfiando aos poucos e o gemido agora era mais alto, quando deslizou tudo pra dentro de mim eu quase pirei de prazer: — Ahaaaaa! Ele mexia muito gostoso, falava um monte de bobagens gostosas de ouvir.

Eu estava no paraíso e só ouvia o barulho do mar, sentia a brisa e aquele cacete entrando e saindo de minha boceta, foram muitos gemidos e gritinhos quando veio meu primeiro orgasmo, sentia meu líquido de gozo escorrendo e ele vendo eu ali molinha em pleno êxtase e toda entregue, segurou firme em minhas coxas e bombou com muita vontade, eu acompanhava mexendo e gemendo muito alto, já estava quase no clímax novamente quando senti seu jato de porra dentro de mim, e seguiram outros e outros jatos me inundando toda... Ahaaaaaa... Então eu gozei como nunca, a mistura do cheiro do mar, o calor da areia e aquela porra morna junto com aquele cacete maravilhoso dentro de mim, me fez ir aos céus e quase não volto, nem a areia foi capaz de incomodar... Ele ofegante deitou o corpo sobre mim apoiando os braços na areia, nos beijamos com fúria nos mordendo e ficamos ali abraçados por alguns minutos até cair a ficha que estávamos em um lugar deserto, mas em uma praia pública. Trocamos mais um beijo e fomos pra água ainda nus, demos só um mergulho e brincamos rápido na água, saímos abraçados e nos vestimos.

– Vamos voltar? Eu pedi.

Ele pegou sua bolsa e voltamos em direção ao hotel. Pouco ele falou e eu pouco disse... Depois do abraço e do primeiro beijo parecia que nada precisava ser dito, nossa química e cumplicidade nos bastavam.

Trocamos telefone e e-mail pra ele enviar cópias das fotos pra mim, nos despedimos e fomos um pra cada lado, olhando pra trás várias vezes até nos perdermos de vista.

Beijos queridos amigos, até a próxima!


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Kmilinha a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
05/02/2020 22:41:44
Delícia manda as fotos?
07/09/2018 15:41:24
Poderia receber suas fotos?
06/10/2013 21:16:09
delicia de conto
06/10/2013 17:58:47
gostei muito do seu conto nota dez,de uma olhada nos meus bye!!!!!!!
06/10/2013 17:44:34
Muito bom! Adoraria ser este fotógrafo, só que não me retiraria assim tão rápido! Eu também adoro fotografar nu feminino e gostaria de também ver suas fotos!


casa dos contos eroticos humilhaçãovídeos pornô de mulheres fazendo sexo com máquinas postiçaMinha jovem esposa bunduda dando na marra pra outro homem contos corno umilhadoxvideos mulher dormindo de shortinho com a barguia abertaminha cunhada punheteira contos reaisXVídeos XVídeos vídeo novo mulher nova XVídeos chupa mulher chupando pau até gozar o negão só vídeo de mulher chupando e se engasgando e vomitando sem graçacontos heroticos meninas bricando em canavial com adutosminha cunhada bucetuda pediu pra mim goza dentro da buceta dela pra ter um nenentravestidepiladoracasa dos contos eróticos sóciogozei gostosopapel de cornotransei com minha maecontos crossdresservideo de novinha com muito tezao forsando a amiga a bater ciririca ate vira os olhosmulheres gostosa com binco no peito porn xxx mulher paga divida e corno vendo ela chorar de dorgravidas de fio dendal ser mastubanpSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaa minha mae obrigou meu padrasto tira a minha virgindadeadoro coroasvelhocasadacornofudedo com roupa de dormimirma chama o irmao par tarnze xvideoslucie fodedeomeu irmão me comeunovınha sendo comıda por um negao jumentoquero ver pênis de homem buceta de mulher vídeo de safadeza unha sendo mortoirma colo contopau superdotados gozando na testa.da.buceta Grandeaxo que minha mulher pulou a cerca pra fazer analchupando o cassetao do viado gay dos peitaobucetaesperienteAte o primo do corno ja me fudeu/tema/lobo/melhoresaenchi for anel sexporno de mulheres tentando fiji de pica grandesogra fagar gero de pau duroEu dei aminha buceta para o conpadreretendo os cabelos do cu no Xvídeos 3contos eróticos menina 25 anos transando com cachorro Calcinha Preta com lacinho vermelhoxividio vai de vagamarido quer ser cornoContoseroticos pirralhos sapecasfudeno. a amiga. encunto amulher. lembi. elemarcelo strause aguilarcoloquei o chot da gostosa pro lado e comi em 31 segundoscoroa de shortinho branco e encostada na geladeirabebendo porra no copomulheres distraidas xvidiis.comcontos erotico meu sogro mi arobou cm seu pau d elefanteNegao de pau gigante gozando dentro da buceta da ovelhasxvideo rola de 23x 8contos eroticos papai me oegou na siriricazoofilia mulher da esguinchada com lmbidas de cachorroxxvidio comendo uma pmXVídeos o cano locando deslocando e o cano de novo o cu da magrinhanegao fode menina sem peitoxvideosfilme porno basileiro acunha ridaxvideos emendando a pica pra satisfazer a esposaxvideos essa mulher fezes 32 homens de trouxaesposa fica locona e da pra varios porno nacionalnovįnha do sexo anal tucontos eiroticos leilaporncontos eroticos incesto irma rabuda gostosa conto do bielvídeo biscatinha gostosa nora pagando a dívida do marido para o sogroa mao que balança a bengaContos mendiga pornoquero ver lindas travestis entrando em enormes rolas ate gozarem nelas videos boas fidasquero ver cestinha nua trepando gemendo e chorando