190, plantão sexual!

Um conto erótico de Rafael
Categoria: Heterossexual
Data: 09/12/2012 18:58:49
Assuntos: Heterossexual

Olá!

Sou policial militar e passarei a narrar uma experiência inesquecível que ocorreu comigo durante o atendimento de uma ocorrência.

Durante um serviço noturno, por volta de uma da manha, minha viatura foi acionada através do rádio para deslocar até um endereço, onde a solicitante informou através do 190 que tinha uma pessoa forçando a janela dos fundos de sua casa. Prontamente deslocamos até o endereço da vítima, posteriormente sendo identificada por Scheila. Ao chegar no local, pulamos o portão da residência e fomos até os fundos, porém ninguém foi localizado. Ao avistar a viatura, Sheila, trajando um pijama de seda, com um shortinho bem curtinho e sem sutiã, o que delineava seus peitinhos durinhos, abriu a porta e veio em nossa direção. Ao avistar aquela linda mulher, morena, aproximadamente 40 anos 1,65 m de altura, seis durinhos, pernas grossas, bunda grande e cinturinha fininha, meu pau ficou duro como pedra. Sheila nos recebeu e disse que tinha uma pessoa tentando arrombar a janela de sua casa, e havia ligado pra polícia porque está sozinha em casa, pois seu marido é motorista de uma empresa de ônibus. Devido ao fato de nenhum crime ter sido constatado, orientamos a vítima e retornamos pra nossa área. Por volta das 3 da manhã, fomos acionados novamente pra retornar ao mesmo local, onde a solicitante havia relatado novamente que estava ouvindo barulhos nos fundos de sua residência. Retornamos na casa de Scheila e repetimos o procedimento, entretanto, como anteriormente, nada foi constatado. Diante dos fatos, solicitei a Scheila que me fornecesse seus documentos, pois iria fazer um boletim de ocorrência pra justificar o deslocamente da viatura. Durante a confecção do boletim Scheila se apresentava tranquila e a todo instante dizia que estava sozinha em casa, momento em que começei a perceber que seu interesse era outro, e eu estava disposto a resolver todos os seus problemas. Entregamos uma cópia do boletim ã Scheila e novamente retornamos a área. A imagem daquela mulher gostosa não saia da minha cabeça, então resolvi mandar um sms no seu celular, que constava no boletim de ocorrência, dizendo que era o policial que havia ido até a sua residência e que qualquer problema que tivesse, poderia ligar diretamente no meu celular. Ela respondeu o sms agradecendo e me perguntou se era casado. Respondi que não e já lhe dei uma cantada, dizendo que só casaria o dia que encontrasse uma mulher bonita como ela. Ela ficou toda cheia e disse que era uma pena que o marido dela não a olhasse da mesma forma que eu. Logo percebi que ela estava carente e louca pra foder. O papo começou a esquentar e começamos a falar besteira. Scheila me perguntou se eu queria encontrá-la após sair do trabalho, pois era seu sonho sair com um policial, respondi que sairia as 7 da manhã e que seria um prazer realizar suas fantasias. Combinamos de nos encontrar no estacionamento de uma loja de departamentos, onde ela entrou em meu carro e pediu para que fossemos em um motel na cidade vizinha, pois tinha medo de ser vista com outro homem. Scheila estava com um vestido preto coladinho não muito curto e um sapato de salto alto amarelo, o que deixava a mostra seu delicioso corpo. Sem perder tempo, começamos a nos beijar com o carro em movimento e Scheila começou a passar a mão no meu pau por cima da calça, me deixando louco de tesão, Durante o deslocamento pro motel a putaria rolou solta, começei a acariciar a bucetinha lisinha de Scheila, que já estava ensopada, e ela começou a punhetar meu pau, colocando-o na boca e fazendo um delicioso boquete. Depois de uns 20 minutos de bolinação, chegamos no motel. Scheila me pediu pra pegar a melhor suite, pois ela que pagaria. Ao entrarmos no quarto, fui tirar minha farda, mas Scheila pediu pra que não tirasse nada, pois ela queria ser fodida por mim fardado. Sem exitar, obedeci suas ordens. Scheila ajoelhou no chão, abriu meu zíper e começou a chupar meu pau, que enchia a sua boca. Não aguentava mais de tesão, joguei-a na cama e começei beijá-la e chupar seus peitinhos durinhos, acariciando aquela bucetinha lisinha e toda molhadinha. Tirei seu vestido e caí de boca naquela bucetinha cheirosa. Scheila urrava de tesão e gozava freneticamente na minha boca. Não aguentando mais de tesão, coloquei meu pau naquela buceta molhada e apertadinha. Scheila se contorcia toda de tesão, pedindo pra que eu metesse bem forte nela. Nunca vi uma mulher de gozo tão fácil como Scheila, pois a cada pouco ela tinha um orgasmo e gritava como uma puta: me fode policial, me castiga, sou sua putinha. Deitei na cama e mandei ela sentar no meu pau, Scheila cavalgava loucamente. Coloquei-a de quatro e soquei com força naquela bucetinha, segurando com uma mão em seu cabelo e estapeando sua bunda com a outra mão. Quanto mais eu batia, mais ela pediu pra bater, cada vez mais forte. Pedi pra comer seu cuzinho, mas ela disse que nunca tinha dado e talvez um dia o desse pra mim. Scheila pediu pra que eu gosasse na sua cara, mas eu ainda estava longe, pois havia tomado uma anfetamina pra permanecer acordado no trabalho e esse tipo de medicamente faz demorar muito pra gozar. Ela não aguentava mais, dizendo que sua bucetinha já estava ardida e que já estava morta, pois tinha gozado um monte de vezes. Sheila ficou novamente de joelhos e começou a chupar meu pau, dizendo que era muito maior do que o do seu marido e que ele nunca tinha fodido ela com tanta vontade como eu a fodi. Não aguentava mais de tesão, e como estava demorando a gozar, começei a bater uma punheta e gozei na cara dela, deixando-a com o rosto todo melado. Minha porra escorria por seus peitinhos e ela os esfregava. tirei a roupa e caímos na piscina. Ficamos alí na piscina durante algum tempo falando sacanagem e se pegando. Scheila me disse que se sentia muito só, pois seu marido passava 5 dias da semana fora de casa, e quando voltava, fazia churrasco em casa com os amigos a deixando de lado, e quando faziam sexo, era uma rapidinha, que só a deixava com mais tesão. Ficamos no motel fazendo sacanagem até o meio dia, pois tinhamos que ir embora pq o marido de Scheila chegaria as 6 da tarde. Deixei ela no estacionamento e antes de ir embora ela me disse que queria que eu fosse seu amante, pois enquanto o marido estivesse fora ela queria gozar gostoso. Esse fato aconteceu a cerca de 2 anos, e desde então, nos encontramos uma vez por semana. Tenho outras experiências sexuais relativas ao meu trabalho, e posteriormente relatarei a vocês. Espero que tenham gostado. Se alguma mulher se interessar, só me mandar um e-mail:


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Rafael PR a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
09/12/2012 23:14:45
Muito bom!! Mas vc é muito facil parece que esta se leiloando! Mas vale 10


conto a detistas evagelicaPorno mulher gritando muito na pica do jumento e o. Jumento encaxou até o talo. contos eróticos irmãzinhagostosa dormindo em cima do sofá e Levantemulher casada dzno a bucet para dois pedeirodotado enfia baita pirocona inteirinha dentro, magrinha gemendo sem parar com o pauzão lhe rasgando todaquadrinhos hq casada carente cuidando dos mendigos negoesxvidio.com homem com caralho monstro arregac;a buceta da branquinhawww.contos deixei titio chupar minha bucetinha na minha infânciacontos eiroticos leilapornconto dupla penetracao com negrascontospono aprimiravezcontos eiroticos leilaporncontos eroticos ela me deu o cuzinho/lesbicacontos sexo espiei meu país gratis3 julho 2015 8445 paguei para deflorar a filha do caseiro casa dos contos eroticochupando a buceta ejaculando chamastegenro de pinto piqueno j conto eroticocontos boquete fe casada no ubercontos de sexo na prai de mae e filio pauzudoconto erotico pintudo fez a namorada do amigo peidar de dorquero ver mulher caminhando na rua de bermudinha curtinha da bunda bem grande bolinha balançando agoraconto porno saiu sanguecontos mulher carente e judiadacontos eroticos transex minha irma e meu cunhado me transformo e bonecaConto erotico despedida de solteira da esposacontos de sexo raspei minha bucetaSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaVamp19-Contos O Doce Nas Suas Veiasconto erotico enquadradinho 2015pornô mãe dando o cuzão dando para o filho de regaço combinação pelo cão carinhoporno++o++encanadorcomo entroduzir um penes no cu da mulhet com caltelamiga ssafaada chupo minha bucetaFanfic buraquinho arrombadogaranhao erra a buceta e enfia o pau no cu da egua e ela se rasteja de dora cadela aguenta meu pau todinho zoofiliaconto de meninas sendo aronbadas por pauzudos e chorando muitocomendo o cu da tiaPage coletanea de video coroas masturbando gozando escorrendo melzinho galaele pediu que eu rebolace no colo dele yahooposicao papai mamae ponodoidoler contos eroticos de incesto mae carente ver o filho transando com a namorada fica com tesao fica adimirada com o pau do filhoxxvideos às Panteras de 18 anos pidinos pra botar no cudisvirtuando a bucetaeu quero ver o cara tirando pirou nas pernas da mulher com short bem curtinho aparecendo a bundanegom gosano dentro do do menorwwwxxvideo filhinha meche o bumbumEm puro arola no cu do beboconto mae filha foran etrupadas naferte do pai XVídeo pornô a mulher se masturbando na rua andando no meio da rua Rosada molhadinha nenhuma Bruno metrô de todo canto g***** molhadinhacontos eiroticos leilapornHistrias erticas de velho com marombeirascachorro dotadoconto erotico comi cu do meu pai velho coroa grisalhovideos porno vai passar o'fds na casa da tia e fode elacontos eróticos: meu senhorio recebendo aluguelxvideos.comi o'cuda maeprofessora é lenaxvideosirmazinha asustou com o tamanho d cacetao d irmaogol emcostamdo no chao Gozada na buceta contoSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaxivideos tubinadaa filha bota um shortinho o pai vai ficar puto e para elapunindo escrava sadomasoquismocontos de machos dominando cornos submissoszoofiliaengatouvídeos porno histórias reais narradas contos eróticos libertinos comendo a mulher do meu tioquadrinhos eroticos cunhada sedentagozando na calcinha suja d minha enteadacontos eroticos , meu padastro sempre mim desejava , mim pegou a força , bunda sendo invadida pela primeira vez gayFilme porno o dono da sinzala comendo as escrava tudo uma por umaxvideos coroa engoliddo potraconto chupando uma rola fedidaver vídeo pornô da irmã novinha de 18 aninhos entubando com outro irmãoconto sentada no colo do tio no ônibusmandei se levantar e se debruçar na pia da cozinha que eu iria enrabala contos eroticoswww.sobrinhacontoerotico.com.brenpregada safada acedia filho do patrão e coloca sua filha para participar do sexo xvideocastigo anal sadomasoquismo contosbaixinha hotwifecontos sissycontos eroticos vania minha meia irma 2contos eroticos de amamentaçãomelhores contos eroticosdona de casa dando o rabo subo bem dotado vídeo mostrar o vídeocontos veridico de incesto nora fode com seu sogro bem dotado pra pagar dividachantageada contosconto erotico tirando o cabacinho da entiadinha novinhaconto conto minha esposa jogar bola na boca dela na minha boca fede filmecontos eroticos cm o tatuadorfilme potnou vide mateFilme potnou com muljetesfodendo atia demadrugada quando todo mundo dormidando uma Coçadinha na língua do negão safado cachorrãoguei torado desbocado xvideocontos eroticos encoxadas em salvador 2018