Afilhado come a madrinha (minha esposa)

Um conto erótico de ksal safado sp
Categoria: Grupal
Data: 24/06/2012 22:09:17
Última revisão: 28/06/2012 23:23:25
Nota 10.00

Somos casados há 17 anos, moramos em São Paulo, e a 2 anos começamos a ter uma vida sexual mais liberal. Frequentamos casas de swing e saimos com alguns casais amigos. O que vou compartilhar agora aconteceu a alguns meses.

Eu e minha esposa temos um afilhado, o nome dele é Pedro. É filho de um casal muito amigo que conhecemos quando ainda namorávamos. Desde criança temos muita afeição por ele, e sempre ficava em nossa casa para que os pais pudessem sair.

Pedro é um garoto negro, muito bem educado, nunca dava trabalho quando vinha ficar em nossa casa. O tempo passou tivemos nossos 2 filhos, e Pedro era como se fosse nosso filho também, recebia o mesmo tratamento, as mesmas coisas.

Pedro agora esta com 18 anos, um negão magro e alto, ainda com cara de menino, mas continua nos chamando de dindo e dinda, com muito carinho. No início do ano, Pedro veio passar alguns dias das férias conosco, como de costume.

Uma noite saimos para comer uma pizza, quando voltamos colocamos as crianças para dormir e fomos ver televisão.

Como era acostumado com a gente, apesar de nunca ficarmos nús na frente dele era comum estarmos de roupa intima.

Enquanto minha esposa colocava as crianças para dormir, fui tomar banho na suite e Pedro no banheiro social, fui para a sala para ver tv e meu afilhado logo veio também.. eu costumo dormir de sambacanção, ele veio com o short do pijama também sem camisa, pois a noite estava quente.

Escolhemos um filme e ficamos vendo, logo minha esposa veio com uma camiseta grande, decotada e de manga cortada, por baixo apenas calcinha, dava para ver que estava sem o sutien pelos seus bicos que apareciam e pela lateral da camiseta e sentou entre nós. Minha esposa é uma linda mulher, morena do tipo grande, bundão, seios fartos, gordinha porém muito sexy.

Passei a mão pelas costas dela, e fiquei acariciando seus cabelos.. e ela apoiou uma das mãos em minha perna e outra na do Pedro, com muita naturalidade, para nós sempre foi como um filho.

O fime que viamos tinha algumas cenas quentes.. eu mesmo estava ficando excitado quando minha mulher fez um sinal discretamente para que reparasse no Pedro, a pica dele estava duríssima, parecia uma barraca, acho que ele nem tinha se dado conta que estava ao nosso lado.

Eu estiquei um pouco a cabeça pra ver, e ele percebeu... ficou super sem graça... eu e minha esposa rimos.. ele falou "desculpa..." todo sem graça e envergonhado. Então falamos que tudo bem.. acontece mesmo principalmente nesta idade. Ele disfarçou e colocou uma almofada no colo.

Continuamos vendo o filme, minha esposa se aconchegou em meus braços, ficando meio de lado.. a calcinha dela ficou aparecendo para o Pedro. Reparei que ele ficava olhando.. Aí resolvi provocar, sem imaginar nas consequências.. levantei levemente a camiseta dela, deixando a budinha ainda mais exposta.

Falei no ouvido da minha esposa bem baixinho que o safado não parava de olhar pra bunda dela. Ela ficou rindo e falou para eu parar.. depois falei que o afilhadinho tava querendo comer a dinda dele... ela achou graça... disfarçou e levantou pra beber agua e ir ao banheiro.. enquanto ela passava reparei que ele a seguia com os olhos.

Ela voltou e sentou-se novamente entre nós, apoiou as mãos em nossas pernas, dei uns beijinhos na nuca dela, e falei bem baixinho para aproveitar a oportunidade. Ela entendeu o sinal, pois sempre falavamos sobre ela transar com um garotão sem camisinha, que eu queria ver aquela bucetinha cheia de porra, mas até então não tivemos segurança de fazer com nenhuma das pessoas com quem saimos.

Ela sorriu e voltou a ver o filme, achei que ela não tinha levado a sério, porém ela começou a acariciar a perna do Pedro, que estava paralizado, continuou acariciando subindo lentamente até q encostou na pica dele por baixo da almofada, então ela falou em tom de brincadeira: "que isso menino, que coisa dura é essa aqui... deixa eu ver isso direito..." então ela tirou a almofada e o pau dele tava igual uma tora.. era enorme e tava mt duro. Ele deu um sorriso e falou "que isso dinda... eu tenho vergonha.." ela falou: "deixa de bobagens menino cansei de ver isso ai.." mas ela nao sossegou.. colocou a mão por dentro do short dele e subiu ate encontrar a pica, a esta altura Pedro estava todo esticado, ela falou vc deve fazer muito sucesso com as meninas, ele sorriu e disse mais ou menos dinda.. ela tirou a pica dele pra fora por uma das pernas do short se virou pra mim e disse.. olha isso marido.. nosso menino ficou enorme... ela punhetava aquela pica grossa e grande quando ela aproximou o rosto daquele mastro.. Pedro olhou pra mim com um olhar assustado e eu tratei de acalmá-lo.. disse fica tranquilo ta td bem...

Minha gostosa safada começou a passar a lingua pela pica enorme, enfregava na cara dela até q abocanhou.. mal conseguia por na boca de tão grossa, nunca tinha visto nada parecido, ela chupava e punhetava freneticamente, ele ficava olhando aquilo sem acreditar gemendo baixinho.. Ela se posiciou na sua frente, tirou completamente seu short e continuou o boquete, ela passa a lingua de cima pra baixo e de baixo pra cima, esfregava e tentava engolir aquele pau, em certa altura levantei e fiquei na porta da sala observando e prestando atenção nas crianças caso acordassem.

Sugeri então que fossemos para o quarto... Minha esposa concordou.. levantou e chamou o Pedro q seguiu atrás dela... No quarto ela empurrou ele de costas na cama e continuou chupando, depois deitou ao lado dele e o beijou, ele a acariciava suas pernas e bunda metendo a mao por dentro da calcinha...

Vi que ele estava sem graça, me aproximei e tirei a calcinha dela.. ele passa os dedos em sua bucetinha, acariciava e beijava seus seios, eu me sentei em uma poltrona que temos no quarto e fiquei assistindo aquela cena.

Minha esposa tirou completamente a camiseta e sentou na pica daquele garoto, aos poucos foi acomodando cada centimetro rebolando feito uma puta.

Depois que ela conseguiu enfiar tudo na bucetinha dela, ela ficava subindo e descendo, e ele com as mãos apoiadas em suas ancas dava tapinhas em sua bunda, pelo jeito dele segurar e meter, deu pra ver que ele não era bobo muito menos virgem, ele falava.. não sabia que você era tão safada dinda... senta gostoso no meu pau... Ela ficava sentando e olhando pra trás fazendo cara de safada pra mim..gemendo dizendo o quanto era gostoso..

Depois de um tempo ela deitou na cama e mandou ele ir por cima.. Ele metia ate as bolas.. enquanto isso eu só observava tocando uma punheta. Ela o abraçava e puxava para sí como se quisesse enfiar tudo em sua buceta.. ela gozou varias vezes até que ele gozou, quando ele tirou o pau, a xana dela parecia um copo de leite.

Ela se virou pra mim exibindo a bucetinha cheia de porra e disse: "era isso que você queria?" daí rimos juntos.

Ele deitou ao lado dela e ela ficou descansando um tempo. O pau do garoto continuava duro.. eu me aproximei dela.. perguntei se ela havia gostado.. se ela tava bem. ela disse q estava ótima q havia adorado... ficou massageando a bucetinha até q levantou e disse.. quero mais...

Engatinhou até aquela pica e limpou ela inteirinha.. com linguadas e chupadas... o garoto não acreditava em sua sorte. Depois de chupar por um tempo ela ficou de quatro e disse pra ele meter com vontade.. eu fiquei no canto da cama com a pica durissima.. o garoto pegou ela por trás e começou a penetrá-la, ela gemia a cada centímetro q entrava, olhando pra mim com cara de safada, falando um monte de putarias, do tipo nunca tinha tido um pau tão grande e gostoso.. q ela estava adorando..

Ela gozou mais algumas vezes com o Pedro socando na bucetinha dela.. enquanto isso ela segurava meu pau tocando uma deliciosa punheta, gozei nas mãos dela com toda aquela excitação, até que ele gozou também.

Dormimos todos juntos, de manhã tomamos café e sai para trabalhar e o safado ao se despedir falou: "dindo pode deixar que vou cuidar muito bem da dinda até você chegar...

Depois deste episódio aconteceram alguns outros que ficarão para outra oportunidade.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive ksalfofo a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
30/06/2013 06:41:47
Já fez um ano. Não aconteceu mais nada? Continua cara, o conto é ótimo.
26/06/2012 16:19:33
Eu tbm adorei o conto de vcs!Com respeito e cumplicidade,rola tudo de bom.E que sortudo esse afilhado rs!Bjs
25/06/2012 10:48:26
Muito bom. Eu e minha esposa estamos fazendo o mesmo, só que é com a afilhada dela. Última vez foi sábado a noite.
25/06/2012 09:30:54
muito bom me add no msn
25/06/2012 07:26:26
Adorei demais. Que cumplicidade fantástica a de vocês. Leiam minhas aventuras e me adicionem: .
25/06/2012 04:16:20
Vcs não querem ser meus "Dindos"?


Contos na pescaria com tios e amigos me fazen d bixinha delescontos eroticos de mulheres fazendo sexo durante amamentacaocaindo de bocs na rolona xvidioperereca da ebteada contosXVídeos cara estrupando A Sementinhacontos eroticos dei pra papaicomendo o moto taxi no mato contos erodicosevangelicas encochadas nos transportes publicos contos e videos/texto/201705176casa dos contos minha.esposa e um.meninocontoseroticos/comadre rabudaRelato erotico casa de swingnossa gozei dentro to ferrado xvideosso.gays.ei.gangbang.com.picao.gigantesme fodeo aos 13 contos papaivideo porno sexo depois da perineo ai ai ai ta doendo minha buceta escandalosas de vagarbranquinha de cabelo preto baby doll da buceta inchadaporno gey istorias comi meu priminho de treze anoPutinha de rrrrrresculachou o cu da filha adolecente ate gosa dentrominha irma deixou um bigodinho na xana so pra fuder comigoContos de comedores de Mendiga novinhas de 10 a 12 aninhosxvdio so navinhacontos gay de conxinha com o idolocueca gozadaXVídeos chifrudo um negao na minho portaConto erotico polpinhas bundaolhar a buceta das julherslambendo dedo com coco scatcontos eróticos adoro foder com um pirocãoforçamos ele a dar conto gaydei pro professor pra passar contosconto erotico gay amou minha bunda/texto/201210326www.fotos.morena.rabuda.fudeu.abuceta.dlangeri.contos.eroticos.Tesuda de chorto socado durmindoeu sento no seu pau voce mim abraca e mim beija gostoso pornocontos primeiro boquete de uma cretegorda gostozavídeo de menina perdendo a virgindade Nininha novinhaMaduras chupando novinhos contoseroticosvideos de mulheres baixa sendo arregacada por homem branco penes grande cabeça de gugumeloCu de mulher com bosta fetiche blogporno piruca cabeçuda na novinhacontos de corno mansoquero ver moças de 18 anos de baby doll bem curtinho dentro de casa em movimentomulher engatada con cachorro grande conto erotico contos porno scat lesbicoConto esposa quer filmarContos eroticos irma crenti çafada de perna aberta provocando o irmaopornodoido irma e irmao na cozinha mae viajomarido fica bebado em churrasco e esposa fode com outrokero ver mulher kevandi maozada na bucetaDepois que fui p macumba virei lesbica contoscontos porno kiko e dona florindaxxvvideos cavala branca consoloXVídeos só com aquelas mulheres que transa naqueles banheiro que o cabo bota o pênis pelo buracopau muito grosso arebenra buceta. ela queria fugircontos eroticos arrombadacontos gays de incesto- coroa machão dominador taradão comendo menino afeminado e submissocasada Seduzi o garoto do pau grande contos eroticosvídeo pornô intrigada e padrastocontoerotico eu namorada mae e tioConto erotico de casada q nao se satisfaz com o pau d marido e fica com tesao d ver velho pintudoasxxxxxcmobaixar videos porno de vacabudas rabudas negrasdelegada quer jeba vidio de pornomuleres vistino roupa drento do culrto peladas a calsinha entrano na bucetatorao cabeçudo entrando xnneu, minha namorada, minha namorada e meu tiox sobrinho de cachaça pra tia e depois chupo cu delacontos eroticos sobrinha novinha peidando de tensaoComtos lesbica flagante Viagemcontos eroticos da secretaria crente e timidacalcinha fedida conto eróticopan perdendo avingidade com tranksx video mobili com mulher gostoza colocando chifre no marido com o amantemachos do pau cabelydos negao ditados brasileiros nusnovinho lendo no park louco de tezao por um homem forte gostoso e peludocontos eroticos meninas de vinte dois anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelholer contos eroticos menagecontosporn nao consegui ela com outrocontos de filho encoxando mae no onibusna cama o lençol manchado revela o fato consumado fizemos um amor gostoso transando sexo faladoXVídeos pornô novinha bem gostosa comendo sobrinha Galeguinho pequena de cor bonita grandinhacontos eiroticos leilaporncurrado na borracharia de beira de estrada conto erótico gayporno doido so chupança de buceta. com muita fomemulheres acordano so de mini chortr e calcinhaTraindo meu marido com o caseiro do sitiopau grossao