Meia calça preta é gostosa até no varal

Ana está aconchegada nos braços do seu marido. Ele a acarinha na barriguinha e seios durante o filme. Vira e mexe a mão curiosa escorrega até a virilha. Ana contorce-se... Diz-lhe:

- Amor, assista ao filme. Não fique me atentando. Hã! (risos)

Roger faz carinha de ué! Continuam assistindo ao filme de suspense e ele atentando-a sob edredom. Comem bolo e tomam chocolate quente. Acaricia-a sob calcinha. Levemente toca-a no clitóris. Ana contorce-se e retira a mão. Diz-lhe:

- Amor... Assista! (risos)

Ele mexe seu quadril e esfrega-se nela. Ana sente o membro duro, sob a calça, cutucá-la no bumbum. Não demonstra, mas fica excitada! Quer assistir ao filme. Roger continua tentando seduzi-la. Enfia a mão, sob a meia calça, e desliza-a sobre o bumbum macio e redondo. Sussurra-a no ouvido:

- Amor... Você está deliciosa nesta meia. Tão quentinha! Estou louco para fazer amor contigo. Você mexe comigo, sabia?

Ana faz manhas:

- Você gostou da minha meia calça?

Roger, com água na boca, responde-a:

- Meia calça preta é gostosa até no varal!

Dramática, Ana arregala os olhos, vira o rosto e questiona-o:

- E eeeu? Não sou gostosa, amor?

Roger sorri:

- Claro que é! Estou lhe dizendo que, vestida na meia calça, fica ainda mais... Sou vidrado na sua bunda!

Ana sente-se valorizada e desejada... Sensual! Durante as palavras ao ouvido, Roger acarinhou-a na vagina e lambeu-a na orelha. Ela sentiu calor nas entranhas. Os seios endureceram. Os bicos espetaram o sutiã. Gemeu contorcendo-se nos braços fortes do seu amado. Ana já não sabia mais se prestava atenção no filme!

Ana e Roger assistem TV, na sala da casa que eles moram com seus três filhos. Um menino e duas meninas. Estão deitados sobre o belo tapete colorido e aconchegados sob edredom de algodão. Apóiam a cabeça e pescoço sobre almofadas sedutoras. Os filhos passam o dia com a vovó materna. Enquanto curtem o filme, tomam chocolate quente e saboreiam o delicioso bolo de chocolate que Ana preparou para aquela tarde fria de sábado.

Beijam-se e acarinham-se.

Ana tem 30 pedaladas, 1,60m, 64Kg, olhos cor de mel. Veste calcinha e meia calça pretas, fio 40. Blusinha rosa, decotada e manga longa. Cabelos castanhos claros, lisos e compridos. Maquiagem discreta. Brilho labial rosa, blush e unhas francesinhas. Brincos longos e dourados. Roger tem 33 pedaladas, 1,77m, 79Kg, olhos verdes. Veste cueca boxer preta e calça jeans. Camiseta azul, gola V e manga longa. Cabelos castanhos claros, lisos, curtos e passados à máquina.

Beijam-se de língua. Lábios colados. Respirações aceleradas. Juras de amor. Mãos que deslizam no corpo alheio. Produzem sensações... Desejos... Taras! Suspiram e agarram-se. Ela murmura-o:

- Amor... Espere! Deixe-me tirar o chocolate e o bolo.

Ana levanta-se e os coloca sobre o rack. Está arrepiada! Arruma os cabelos atrás das orelhas. Ajoelham-se. Beijam-se. Roger lambe-a no pescoço, orelhas e busto. Tira a blusinha decotada e avista o sutiã rosa, rendado. Cheira-a no meio dos seios. Abraça-a e tira o sutiã. Sente os mamilos duros apertando-o no tórax. Apalpa-os. Macios e volumosos. Beija-os. Sente o calor do corpo dela. O cheiro. O coração acelerado. Fica looouco de vontade de possuí-la! Ana geme e acarinha-o na nuca. Sente a língua percorrer seus melões e concentrar-se nos bicos. Observa-o abocanhando-a. Fica ainda mais excitada! A vagina pulsa... Um lago de prazer!

Ana, carinhosamente, apalpa e aperta os seios. Oferece-lhe. Roger abocanha um... Depois, o outro! Que delícia. Ela arrepia-se e morde o lábio inferior da boca enquanto sente a língua percorrer seus mamilos duros. Contorce-se... Aperta os seios na boquinha manhosa do seu amor! Larga-os e eles ficam livres sobre sua pele arrepiada. Desabotoa-lhe a calça jeans. Desce o zíper e revela a cueca boxer preta. Apalpa-a sobre o membro rígido. Quente! Aperta-o carinhosamente. Gemem. Ana desliza suas mãos macias, sob camiseta, e o acarinha no peito. Chupa-lhe nos mamilos. Beija-o na boca e desliza sua língua até lingerie. Enquanto isso, Roger está com a mão sob a calcinha dela e alisando-a no bumbum. Dedos deslizam pelo rego. Apalpa-a na vagina. Molhadinha! Ele não resiste... Invade-a com o dedo médio! Carinhosamente, mexe-o. Logo, produz gemidos de gozo. Ana sente contrações fortes nas entranhas e o quadril treme no dedo curioso que lhe penetra. O líquido escorre. Amolece-a. Está dominada pelos toques do seu amor!

Roger beija-a no pescoço. Lambe-a. Chupa-a nas orelhas. Cheira-a nos cabelos macios. Aconchega-a no seu corpo. Ana passa suas mãos no bumbum peludo e carnudo. Aperta-o. Desce a cueca. O membro aponta para o alto... Molhado, cabeça levemente descoberta! Passa a ponta do dedo e espalha líquido de excitação ao redor da glande do pênis. Roger tira sua calça. Deita-se. Ela aperta-o, carinhosamente, no sexo enquanto beijam-se de língua. Acarinha-o, com a boca, na pele peluda e arrepiada. Quente! Passa a ponta da língua no membro viril. Agita-o. Abocanha-o. Roger geme. Leve sabor de xixi que logo se dilui nas salivas. Ana chupa o pênis grosso e deixa-o molhado. Lambuzado de salivas. Decidem meia nove.

Ela levanta-se e vira-se de costas. Empina o quadril e inclina-se. Que bunda! Ana rebola e segura na meia calça. Tira-a. Revela seu bumbum liso e macio. Calcinha cavada. Roger cheira a meia calça. Está úmida na região da vagina... Fica doooido! Ana geme... Deita-se sobre seu macho! Empina o quadril para o deleite dele. Abocanha-o novamente. Suga-o na cabeçona do pau. Admira a pistola levemente inclinada para a esquerda e com veias marcantes ao longo do corpo. Massageia-lhe no saco. Gostoso! Fica ainda mais excitada. Adora o cheiro e sabor do seu homem. Roger puxa a calcinha para o lado e cheira-a no bumbum. Pele arrepiada, lisa e quente. Morde-a nas poupas! Ela contrai o quadril e geme manhosamente. Ele fica muito excitado com o cheirinho de cu e boceta sem lavar. Lambe-a na portinha do ânus e passa a superfície da língua na vagina. Seu pau pulsa na boca dela! Roger enfia o dedo médio na xaninha molhada. Lambe-a no clitóris. Ana tem contrações fortes e descarrega seu líquido quente na boca dele. A língua mexe no clitóris e balança-o para lá e para cá. O nariz a cutuca no ânus. Que delícia! Chupa-lhe no saco. Nas bolas. Ergue as pernas dele e cheira-o no cuzinho. Lambe-o. Roger dobra suas pernas e geme sentindo a língua dela no seu cu. Ela punheta-o. Gemem sem parar. Ana diz-lhe:

- Amor... Adoro seu bumbum, sabia? Você é meu tesão!

Ela enfia a ponta do dedo médio na bunda dele. Lambe-o entre o pênis e ânus. Massageia-o. Enquanto isso, Roger afunda a língua na xaninha lisa e cheira-a no cu. Os seios esparramam-se sobre sua barriga... Os cabelos escorrem sobre suas coxas! Os cheiros dos perfumes e das partes íntimas exalam para o ambiente. Banhos de língua. Momentos de infinito prazer a dois. Amam-se!

O telefone fixo toca... Depois o celular! Eles nem ligam. (risos) Continuam amando-se. Ana escorrega o quadril sobre a barriga dele. Esfrega o clitóris. Geme, contraindo o bumbum. Segura no pênis escorregadio e o encaixa entre seus lábios grandes. Agasalha-o no meio das pernas. Sentada, ela o aperta com os músculos da vagina. Engole-o. Logo, geme como uma gata no cio. O Líquido ácido escorre sobre a cabeça do pau e a desmancha de prazer. Roger abraça-a e estoca-a na fenda molhada. Sons, do atrito entre os órgãos sexuais, são emitidos. Gemidos e sussurros são ouvidos. Corpos quentes e suados mexem ao balanço do prazer de ambos. Os seios balançam! Ana apóia as mãos sobre o tapete colorido e ajuda-o no entra e sai. Gira seu corpo, sem tirar de dentro, e beija-o de língua. Respirações aceleradas e lábios colados. Roger segura-a na bunda e massageia-a no ânus entreaberto. A vagina e o pênis pulsam. Provocam gemidos em ambos.

Ana levanta-se e senta-se sobre o braço do sofá. Arreganha as pernas. Logo, é preenchida pelo pinto entrão. Ele a estoca sem tirar de dentro. Os seios balançam e, logo, são abocanhados. As línguas encontram-se no bico do seio. Depois, no outro! Roger acarinha-a nos cabelos. Pingos de suor caem sobre o corpo dela. Ana goza... O quadril treme frente contrações vaginais! Exclama:

- Amor... Que pau gostoso! Seu puto... Mete! Enfie tudo.

Roger segura-a nas pernas e mete a rola. Estão ofegantes e ela geme como uma porca! Arreganhada, suada e melada sobre o sofá. Ele retira o membro e abocanha-a na vagina. Quente e cheirando boceta sem lavar. Suga-a no grelo e ela geme gozando. Pede para chupá-lo... Abocanha-o no pau melado das suas entranhas! Saboreia-o. Agita-o. Roger geme e volta a enfiar na vagina. Logo, jorra sêmen. Ana sente o líquido quente e esfrega-se no clitóris inchado. Acompanha-o no orgasmo! Rostos colados alisando-se neste momento pleno. Suados e saciados. Quando o pênis sai da vagina, líquidos brancos escorrem! Deitam-se melados sob edredom. Repousam nos braços alheios e adormecem.

Pessoal, por hoje é só! Fique em paz e obrigado pela leitura. Beijos.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Amiga Sensível a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/11/2011 00:40:21
Muito boa descrição. Excelente foda! Real e deliciosa! Bem escrita, detalhada, com as sensações muito bem colocadas. Vale um 10!


contos eróticos d alguém q adorava ser molestaa mulher tava a fazer um 69 e meteu um dedo no cu e adorei muito e ela tbm gostou contosque kikada cunhadinha pornoxsvidio dois pistoludo comendo gostosanegao esplodino um cusimhocontos eroticos gay virei chupeteiro dos senhoreConto erotico com foto meu pinto e pequeno minha vizinha do sitio ao lado tem a bucetona peluda o marido dela e broxabundinhametePORNOVIDEOCURRApornodoido pesso para dormir por que tenho medo de trovõeswww.encanador negao mundobicha.comporno para deixar aqecidarsexres grates com filhas e mae trepando o paebest camerasconto gay apaixonado por um traficanteIrmas casadas taradas carentes cendo enrabadaspulheta cueca apertadadeixei meu irmão mim quem Fiji que estava dormindo x videslucila safadaxvideosnao aguentou a pica monstro / pornoiradoconto chupando uma rola fedidaxxvidio comendo uma pmcontosmaesafadaXvideos shortinhos desfiadinhoscasa dos contos incestoxvidio confio no amigoNao aguntei ver s biceta da minha irman debaixo da saiaMENINA FASENDO VIDEO MOSTRANO A BUNDA ENORME E DURA Mulheres que se mastubarao em quanto.dansavacontoerotico eu namorada mae e tiocaso elevo omigo com 30 centimetro de pau pra foder esposafamília sacana foto de homem chupando b***** de mulher chupando pinto de homem e mulher gritacunhas de mini saia safadastextos. contos menunas estrupadas dulpa penetracao gozadas boquinhacunhada arredou a calcinha e começou a cavalgar na vara do cunhadocontos a putinha dos pivetesbaixar video porno de bucetas arrombadas saindo muito sangue e porasBelissimas mulheres fodendo gostoso até o esguicho pornodoidoorgia na casa de swing mulheres enfiando a b***** nas ruas por trás das paredeshomens querendo f**** com mulheres com pau impinadinho dentro da roupavídeo de pornô de alunas transando tirando a virgindade 2012/12filho chupando a mae com gemecaoxvideos nao despensou a novinha caseirofilmes pornodoido marido da sua esppsinha magrinha par a um negrap do pau enorme tora ela ao meioContos leitinho nelacontos eroticos de titia rabuda do rabao la em casatranzei com a safada da minha cunhada e ela emplorava pra meter mais forte contosconto erotico minha esposa de babydollgozando na boca crente novinha sem avisarcontos pornos estrupada pelo pai epela madrasta juntoscontos com empregada domésticatia fica ecxitada com o tamanho do pau do seu sobrinhoContos eroticos elacareca peladaxoxota as gordinhas mais tocadas e mais gostosas gordinhas bem feitas discursos e transando e gemendocontos de zoofiliaContos eroticos cu de mulher de bebado nao tem donoContos eroticos senti minha buceta rasgarcontos eiroticos leilaporncontos eroticos gays com meninosFamosos cafuçu no braco todo nu peladoporno antigo menina foge de casa por causa do padrasto taradocontos eróticos aprendendo a dirigirwwwxxvideo incertos brasileHistoria erotica que perdeu a vigidade com o visinhonovinhas sendo a********* por monstros de Picão contos eróticoschego do serviço encontrar cunhado só de camisola e mete o pauconto de sexo velho do pau gigante com mulherdepois que eles gozam ela não param de bater p****** só para judiarxvideos novinhos gemende na bucetamulher pensa que a amiga é mulher mas é um travesti com um pau bem groso e vai dormi com ela em casa e acaba temo um supresa e transa pornoninfeta safadaContos gays o jumento dentro da sunga de papai coroa assustava todos carroesposas nuasXvideos mlheres com a buceta pegando fogo de vontade de da buceta pra mendigo sujoeu coloquei a minha pica cabesuda gozando nua buceta grande e carnuda 2018Eu durmo no quarto com ela e comi a coroa durante a noiteContos eroticos patricinha se apaixona pelo jardineiropornodoido fudeno com.com a entiada rosangelameu pai guebrou o meu cabaçoxvideo adorei ver minha espoza dando para outro pela premeira ves